Olá,

Visitante

Reorganização da atenção à saúde de Nova Guataporanga

A organização da atenção da saúde é um desafio desde a descentralização das ações estabelecidas pela Constituição Federal de 1988 e seus desdobramentos legais. O presente trabalho trata do relato dos desafios de uma equipe técnica de gestão na condução das ações e serviços da Secretaria de Saúde de Nova Guataporanga, interior de São Paulo. A proposta de reorganização do processo de trabalho na Atenção Básica veio da necessidade de implantar e ampliar o escopo de ações e serviços voltados à melhoria da qualidade de vida da população através de uma assistência multidisciplinar e consequente melhoria nos indicadores de saúde com resolutividade. As novas ações são desenvolvidas para população em geral, dentro e fora da Unidade Básica de Saúde, com o estabelecimento significativo de vínculos com outros setores: centro de convivência do idoso, escolas, praças públicas, projetos sociais, academia da saúde, centro comunitário, CRAS e Igrejas, desde o início do ano de 2017 até o momento.

Implantar um modelo de gestão para reorganização da atenção à saúde, processos de trabalho, ações e serviços de atenção à saúde no Município de Nova Guataporanga (SP). O planejamento de ações e serviços de saúde no município de Nova Guataporanga para formulação, implantação e implementação de políticas, programas e projetos que visam promover, prevenir, proteger, reduzir danos e recuperar a saúde da população local por meio da: reorganização da gestão de processos, fortalecimento das ações e serviços, ampliação do cuidado, implantação de processos de educação permanente, implantação de processos de monitoramento e avaliação, fortalecimento do controle social.

Os processos de gestão realizados nos anos de 2017 e 2018 foram organizados e subdivididos em ações para o enfrentamento dos desafios: prevenção e promoção da saúde: grupos de cuidado com mulheres, gestantes, crianças, idosos, portadores de diabetes, hipertensão, acompanhamento nutricional, antitabagismo e programa saúde na escola. Oferta do cuidado: consultas – ampliação de consultas locais: 6.659 na Unidade Básica de Saúde (UBS) e estabelecimento de parcerias de média e alta complexidade: 1.116. Consultas nos AMEs, Hospital Regional e Santas Casas de referência. Financiamento da saúde: percentual de recursos próprios aplicados na saúde: 25,52% e redução de 33% na aquisição de medicamentos e material de enfermagem com a implantação de pregão eletrônico de compras. Por meio dessas iniciativas, pode-se visualizar as ações realizadas e seus impactos no cuidado da população e no orçamento municipal. O estabelecimento do controle de atividades e seu dimensionamento possibilita a aplicação de ferramentas de gestão, assim, melhorando a eficácia e eficiência do cuidado da população e os indicadores de saúde, de modo a permitir o atendimento pleno dos princípios constitucionais: legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência.

Principal

Fernanda Borssank Paschoareli Da Fonseca

fernandabpas@hotmail.com.br

A prática foi aplicada em

Nova Guataporanga

São Paulo

Sudeste

Esta prática está vinculada a

Prefeitura Municipal de Guataporanga

Rua José Alves Ferreira, 510- 1A -Centro, Nova Guataporanga - SP, 17.950-000

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Fernanda Borssank Paschoareli Da Fonseca

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

21 jun 2024

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Benefícios da Implementação de Assistência Médica 24 Horas em uma Cidade do Interior Paraibano
Paraíba
Práticas
Projeto Resgatando Sorrisos
Paraíba
Práticas
Acolhimento Como Ferramenta de Escuta e Mobilização no Grupo de Mães do Tea no Município de Sumé
Paraíba
Práticas
Programa de Atendimento Fisioterapêutico Domiciliar em Pacientes Crônicos Restrito ao Leito em Locais de Difícil Acesso
Rio de Janeiro
Práticas
Agenda Jovem Aprendiz
Minas Gerais
Práticas
Hiperdia em Ação nas Comunidades: Estratégias para Melhorar a Qualidade de Vida dos Cidadãos Coqueirenses.
Práticas
Uso do Futsal Como Estratégia de Promoção da Saúde e Diminuição do Risco de Marginalização: Projeto Caminhos do Viver.
São Paulo
Práticas
Qualidade de Vida no Grupo “Mulher Ativa” na Cidade de Montalvânia – Mg
Minas Gerais
Práticas
Qualidade de Vida e Longevidade: Educação/Prevenção/Promoção em Saúde Sob os Aspectos Biopsicossociais Como Ferramenta para o Cuidado de Pacientes Hipertensos e Diabéticos.
Minas Gerais
Práticas
Projeto “Viva Leve”
Minas Gerais