Olá,

Visitante

Sucessus 2018: Nossa Equipe É Show! – Valorização do Trabalhador do SUS e das Experiências Inovadoras no Cuidado em Saúde na Região de Vila Prudente/Sapopemba, Município de Sp

o trabalho em saúde, além de produzir estratégias de cuidado ao atender as necessidades dos usuários, produz sentido para aqueles que o desenvolvem, sobretudo quando permite a invenção, criatividade e a participação. Merhy e Franco (2009) destacam o trabalho como ato produtivo de coisas e pessoas, já que se constrói nas relações entre trabalhadores, e estes e seus usuários, articulando as relações sociais com a prática técnica. Assim, valorizar os trabalhadores é afirmar seu papel central no processo de gestão do cuidado e na consolidação do SUS. o presente trabalho relata uma experiência realizada na região de Vila Prudente/Sapopemba, município de São Paulo, na promoção do evento “SucesSUS 2018: Nossa equipe é show!” como estratégia de valorização das ações inovadoras produzidas pelos trabalhadores da saúde.

A partir do protagonismo dos trabalhadores, identificar e exaltar as ações desenvolvidas pelas equipes da Atenção Primária e Secundária. Estimular o registro dos trabalhos desenvolvidos, possibilitar troca de experiências e saberes, além de valorizar o projeto foi conduzido por uma comissão organizadora, considerando a horizontalidade da gestão. Foram estabelecidas 15 categorias, representando linhas de cuidado: Acesso, Cultura de Paz, Gestão e Processos de Trabalho, Humanização, Inclusão, Redes de Atenção à Saúde, Regulação, Saúde Bucal, Saúde da Criança e do Adolescente, Saúde da Mulher, Saúde do Homem, Saúde do Idoso, Saúde e Meio-Ambiente, Saúde Mental, e Vig. em Saúde. A submissão dos trabalhos se deu em formato de texto e vídeo de 40 segundos. A ideia concebida sobre o evento foi a de fazê-lo de maneira lúdica, inspirada no formato de premiações como a do Oscar, com a entrega de troféus para os melhores avaliados.

o projeto recebeu 126 trabalhos, com a participação de 65% dos equipamentos de saúde do território, sendo 45 premiados. o evento contou com 320 trabalhadores. Através do instrumento de avaliação, verificou-se que 100% dos participantes avaliou o projeto como positivo, sendo que 93% elegeram a nota máxima. A promoção do projeto demonstrou impacto positivo nos trabalhadores, ao reconhecer seu potencial criativo e autonomia. Alguns gestores mencionaram, inclusive, um melhor envolvimento das equipes nos processos de trabalho, visando à sistematização das ações para a apresentação na próxima edição do projeto.Considerando o trabalhador como protagonista, lhe é dado lugar e voz para representar sua unidade, que em geral é do gestor. A horizontalidade da comissão organizadora permitiu que gerentes locais, interlocutores da gestão e trabalhadores pudessem explorar sua criatividade e comprometimento na promoção de uma experiência motivadora aos participantes. Para a próxima edição identificou-se fragilidades em alguns trabalhos, indicando a necessidade de ações de apoio na produção escrita dos trabalhos.

Principal

Érica Gimenes Ruiz Barbosa Porto Rinaldi

egrinaldi@prefeitura.sp.gov.br

Coautores

Anne Katharine Lorenz Cavalcante, Fabíola Giudice, Gislene Oliveira Augusto De Lima, Thaís Regina Gomes De Araújo, Vanessa Aparecida Da Silva Souza

A prática foi aplicada em

São Paulo

São Paulo

Sudeste

Instituição

Praça Centenário De Vila Prudente, 108 – Vila Prudente, São Paulo/Sp – Cep 03132-050

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Edson Aparecido Dos Santos

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

23 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Título: Autismo – uma causa municipal.
Paraíba
Práticas
TEA/TDAH: inclusão sem discriminação
Paraíba
Práticas
Plano de Recuperação do Faturamento Ses/Df
Distrito Federal
Práticas
Sala de Situação Ses-Df
Distrito Federal
Práticas
Rede Inovases
Distrito Federal
Práticas
Diagnóstico de Atendimento da População Hipertensa/Diabética da Equipe 474/06
Distrito Federal
Práticas
Qual Significado de Morar em um Srt e A Importância da Inclusão des tes Moradores com Transtornos Mentais no Mercado de Trabalho: Relato da Experiência Vivenciada em Orindiúva
São Paulo
Práticas
Contratualização na Ses-Df: Resultados da Implantação de Metas nas Regiões de Saúde da Secretaria de Saúde do Df
Distrito Federal
Práticas
Novas Estratégias para o Monitoramento e A Fiscalização das Práticas de Segurança do Paciente pela Vigilância Sanitária nos Hospitais do Distrito Federal
Distrito Federal