Olá,

Visitante

Diálogos Entre Serviços: Estratégias de Integração e Qualificação do Cuidado em Saúde – Relato de Experiência em Quissamã – RJ

em Quissamã o sistema público de saúde é composto por um hospital com as clínicas básicas, além dos leitos psiquiátricos e UTI, ambulatórios especializados, CAPS e unidades básicas com cobertura de 100% da população por equipes de saúde da família. A articulação entre os níveis assistenciais é uma das estratégias para o enfrentamento da fragmentação da prestação do cuidado e para qualificação do SUS. Ações instituídas têm fomentado a integração da rede, ampliação do cuidado e o aprimoramento profissional.

Aumentar a resolutividade dos serviços e qualificar o cuidado em saúde ao usuário/família – Fomentar a relação interprofissional e interdisciplinar para suporte aos profissionais dos serviços de saúde – Otimizar a produção dos médicos promovendo a su Foi contratualizado com os médicos especialistas dar parecer ou realizar interconsulta no hospital conforme a demanda das clínicas assistenciais, incluindo a psiquiatria.Foi instituída uma Comissão de Integração Hospital – Centro de Especialidades e Atenção Básica que se reúne, periodicamente, para analisar as internações por condições sensíveis e o percurso dos usuários com a finalidade de coordenar a assistência e estabelecer o projeto terapêutico. Concomitantemente, são revistos os processos de trabalho gerando rotinas e protocolos, quando necessários. Além disso, foi instituído o Comitê Gestor de Mobilização contra o Aedes aegypti para operacionalização do Plano de Contingência da Dengue, Chikungunya e Zika com diversos atores da rede.

Realizados 259 pareceres e interconsultas, com maior frequência na angiologia, cardiologia e nefrologia, 06 reuniões da Comissão de Integração da Rede Assistencial e 08 do Comitê Gestor, em 2018 – Realizadas atividades de educação permanente com os médicos de família e plantonistas pelos profissionais das vigilâncias em saúde e o infectologista sobre controle e manejo clínico das arboviroses e implantado protocolo de ITU – Estabelecido que todo resumo de alta seja encaminhado para as equipes de saúde da família e a alta da puérpera comunicada por telefone, bem como pacientes internados com transtorno mental devem participar das atividades e serem acompanhados no hospital pelos profissionais do CAPS.A articulação interprofissional e interdisciplinar não só aprimora a assistência ao usuário/família como também promove a educação permanente nos serviços de saúde. as ações realizadas têm possibilitado pensar/fazer saúde com vistas a aprimorar as práticas desenvolvidas na rede municipal de forma a superar a segmentação entre serviços assistenciais e a fragmentação no cuidado à saúde.

Principal

Delba Machado Barros

delbabarrosrj@gmail.com

Coautores

Ilton Castro

A prática foi aplicada em

Quissamã

Rio de Janeiro

Sudeste

Instituição

Rua José Passos De Souza Junior 3752 Apto 501 Praia Do Pecado Bairro Cavaleiros Macaé Rj Cep 27920-390

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Simone Flores Soares De Oliveira Barros

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

13 mar 2024

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Título: Autismo – uma causa municipal.
Paraíba
Práticas
TEA/TDAH: inclusão sem discriminação
Paraíba
Práticas
Visita de luto – uma atitude humanizada
Rio de Janeiro
Práticas
Vacinação Sem Barreiras: um Grande Desafio
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Vacinação: Estratégias para o Aumento da Cobertura Vacinal no Município de Barrolândia – TO
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Plano de Recuperação do Faturamento Ses/Df
Distrito Federal
Práticas
Sala de Situação Ses-Df
Distrito Federal
Práticas
Rede Inovases
Distrito Federal
Práticas
Diagnóstico de Atendimento da População Hipertensa/Diabética da Equipe 474/06
Distrito Federal