Olá,

Visitante

Controle biológico de culicídios com peixes larvófagos no município de Piumhi/MG

A busca de estratégias de controle vetorial sem o uso de inseticidas são cada vez mais importantes. Desse modo o objetivo desse trabalho é mostrar que o método de controle biológico com peixes larvófagos pode ser um grande aliado no combate aos vetores da dengue podendo ser aplicado pela população com ajuda dos agentes de saúde promovendo a redução de focos de mosquitos nos tipos de recipientes onde são introduzidos.

Objetivos:Demonstrar a aplicabilidade do método pelos agentes de saúde e a população.

O aumento dos casos de dengue no Brasil e a falta de vacinas e medicamentos para tratar a mesma nos remete cada vez mais a buscar metodologias e abordagens de prevenção e controle dos vetores eficazes e que seja aplicável pela população. Alguns pesquisadores descrevem como um dos motivos relacionados ao aumento das epidemias de dengue a resistência dos vetores aos inseticidas, devido ao uso prolongado e exagerado pelos programas de controle vetorial do Ministério da Saúde e pela população.

Metodologia:1. Capacitação dos agentes de saúde sobre o que é controle biológico e sua aplicação em campo no combate a dengue

Principal

Luiz Henrique Vieira Mota

luizbiohenrique@gmail.com

A prática foi aplicada em

Piumhi

Minas Gerais

Sudeste

Instituição

Praça Dr. Avelino de Queiroz, 75 - Centro

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Luiz Henrique Vieira Mota

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

04 dez 2015

e atualizada em

13 mar 2024

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Estudo das infecções do trato urinário na população de Queimadas (PB) atendida pelo SUS
Paraíba
Práticas
VIVER BEM É SER SAUDÁVEL: ACOMPANHAMENTO DE PORTADORES DE DOENÇAS CRÔNICAS NÃO-TRANSMISSIVEIS
Paraíba
Práticas
Vigilância Epidemiológica: relato de experiência sobre a operacionalização do trabalho no município de Quatis
Rio de Janeiro
Práticas
Vacinação antirrábica animal itinerante – a vigilância ambiental em saúde vai até você!
Rio de Janeiro
Práticas
Estratégia de rodízio para ampliação do acesso da população às vacinas com apresentação multidoses
Rio de Janeiro
Práticas
Projeto agrotóxicos: Um olhar consciente
Paraíba