Olá,

Visitante

Creme de Cordia: uma revolução no tratametno da Chikungunya em Montes Claros

Em 2023, Montes Claros enfrentou uma crise de Chikungunya, optando por uma estratégia inovadora ao utilizar o creme de Cordia verbenacea produzido pela Farma Verde, uma farmácia de produtos fitoterápicos do projeto de Farmácias Vivas do Ministério da Saúde. A experiência destacou a eficácia da fitoterapia, uma das Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS), no tratamento da Chikungunya. A parceria entre a Farma Verde, Secretaria Municipal de Saúde e instituições de ensino superior permitiu ampliar a produção e o acesso ao creme de Cordia, promovendo uma abordagem colaborativa e integrada. Os resultados evidenciaram redução significativa no tempo de recuperação dos pacientes e melhoria na reabilitação e qualidade de vida . Essa abordagem pioneira, ao valorizar o conhecimento tradicional aliado à ciência, representa uma estratégia promissora no tratamento da Chikungunya, podendo ser replicada em outras localidades, destacando o potencial dos fitoterápicos na saúde pública.
Objetivo Geral:
Fortalecer o tratamento e a recuperação de pacientes com Chikungunya através do uso do creme de Cordia no município de Montes Claros.
Objetivos específicos:
– Ampliar a produção do creme de Cordia para atender à demanda dos pacientes acometidos pela Chikungunya.
– Capacitar profissionais de saúde em fitoterapia para prescrição adequada e monitoramento do uso do creme de Cordia.
– Avaliar a eficácia do tratamento com o creme de Cordia, analisando a redução no retorno aos serviços de saúde e a rapidez na reabilitação dos pacientes.

Na experiência relatada, adotou-se uma abordagem multifacetada para implementar o uso do creme de Cordia no tratamento da Chikungunya. Inicialmente, houve a necessidade de ampliar a produção na Farma Verde, aumentando a coleta da planta Cordia verbenacea e adaptando o processo de fabricação para atender à demanda crescente em virtude do surto de Chikungunya na cidade..
Além disso, foi crucial capacitar os profissionais de saúde na prescrição e monitoramento adequados do creme de Cordia. Foram conduzidas capacitações para médicos, enfermeiros e farmacêuticos, enfatizando os benefícios do produto, a dosagem correta e os sinais de melhora a serem observados.
Paralelamente, foram estabelecidos protocolos de acompanhamento dos pacientes, incluindo avaliação periódica dos sintomas e registro de dados em prontuários eletrônicos, facilitando o monitoramento contínuo e a análise de resultados.
A comunicação com a comunidade sobre a disponibilidade e eficácia do creme de Cordia também foi essencial. Campanhas de conscientização destacaram o tratamento como opção eficaz e acessível, aumentando a adesão e reduzindo o estigma em torno dos fitoterápicos.
Por fim, uma avaliação cuidadosa dos resultados foi realizada, coletando dados sobre a redução nas visitas de retorno aos serviços de saúde, rapidez na reabilitação e satisfação dos pacientes e profissionais. Essa análise validou a eficácia do creme de Cordia no contexto da Chikungunya e identificou áreas para melhorias futuras.

Os principais resultados alcançados foram:
– Redução significativa no tempo de recuperação dos pacientes com Chikungunya, evidenciado pela menor necessidade de retorno aos serviços de saúde para tratamento adicional.
– Melhoria na qualidade de vida dos pacientes, demonstrada pela diminuição da intensidade da dor e dos sintomas articulares após o uso do creme de Cordia.
– Aumento da eficácia do tratamento, conforme relatado pelos profissionais de saúde e pacientes, com rápida resposta aos sintomas.
– Fortalecimento da parceria entre a Secretaria Municipal de Saúde, instituições de ensino superior e a Farma Verde, promovendo uma abordagem colaborativa e integrada na busca por soluções inovadoras em saúde.
– Valorização e reconhecimento dos fitoterápicos como PICS no município, destacando o potencial das plantas medicinais, como a Cordia verbenacea, no tratamento de doenças virais, como a Chikungunya.
Esses resultados evidenciam o impacto positivo do uso do creme de Cordia no enfrentamento da Chikungunya e destacam a importância da integração de abordagens tradicionais e científicas na saúde pública.

A implementação do creme de Cordia verbenacea no tratamento da Chikungunya representou não apenas uma inovação terapêutica, mas também um marco na integração entre conhecimento tradicional e científico. A experiência demonstra o potencial do creme na prática da fitoterapia que é uma das PICS, na promoção da saúde e no enfrentamento da Chikungunya. Os resultados obtidos evidenciaram não apenas a eficácia do produto, mas também a importância de uma abordagem integrativa e colaborativa para enfrentar desafios de saúde pública. Esta experiência destaca o potencial dos fitoterápicos na promoção da saúde, reforçando a necessidade de investimento em pesquisa, capacitação profissional e conscientização comunitária para expandir o acesso a essas alternativas terapêuticas.
Ao valorizar a medicina tradicional e as práticas integrativas, estamos construindo um sistema de saúde mais inclusivo, eficaz e centrado nas necessidades da população.
Recomenda-se a ampliação do acesso a essa prática, o fortalecimento de parcerias e a valorização do conhecimento tradicional aliado à ciência. Essas ações podem ser reproduzidas em outros municípios e contribuir significativamente para melhoria da qualidade de vida e a prevenção de doenças na população.

Principal

Dulce Pimenta Gonçalves

professorthiagomoncao@gmail.com

Secretária Municipal de Saúde

Coautores

Dulce Pimenta Gonçalves Eurislene Moreira Damasceno Thiago Santos Monção Maria Cecília Silva Santos

A prática foi aplicada em

Montes Claros

Minas Gerais

Sudeste

Esta prática está vinculada a

Avenida Governador Magalhães Pinto, 4000 - Jaraguá

Uma organização do tipo

Instituição Pública

Foi cadastrada por

Thiago Santos Monção

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

11 abr 2024

e atualizada em

11 abr 2024

Início da Execução

07/03/2023

Fim da Execução

22/12/2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Aperfeiçoamento e segurança: impacto do trabalho multiprofissional na farmácia básica de Queimadas/PB
Paraíba
Práticas
Paciente protagonista de sua terapia: o cuidado farmacêutico com pacientes atendidos no CAPS de Pilar (PB)
Paraíba
Práticas
Medicamento não é lixo! Promoção do descarte ideal de medicamentos na Farmácia Básica de Boa Vista-PB
Paraíba
Práticas
A Utilização do Sistema Hórus na Farmácia Básica de Queimadas/Pb
Paraíba
Práticas
Avaliação das Demandas Judiciais e Administrativas de Medicamentos no Município de Tubarão – Sc”‘
Santa Catarina
Práticas
Assistência Farmacêutica – Judicialização
Amazonas
Práticas
Projeto Dormir e Sonhar Evita Medicar: a Gestão Clínica do Medicamento com Ênfase na Saúde Holística para a Contribuição do Uso Racional e Desprescrição de Benzodiazepínicos.
Santa Catarina
1 / 512345