Olá,

Visitante

Saúde do Idoso: Cuidados na Quarentena

Destinado ao munícipe de Rio das Ostras com idade igual ou superior a 60 anos, o Grupo de WhatsApp Saúde do Idoso: Cuidados na quarentena tem por objetivo principal desenvolver estratégias remotas de promoção da saúde a fim de dar continuidade às ações que vinham sendo desenvolvidas nas unidades básicas de saúde. Especificamente, propõe-se: criar um espaço coletivo de compartilhamento de informações e experiências sobre o momento atual singularizado pelo enfrentamento da pandemia, oferecer orientações para o cuidado da saúde, acolher demandas individuais e nortear intervenções através de articulações com a rede de serviço, tendo em vista as especificidades de cada território. Em 27 de março de 2020, o Grupo foi criado. O convite com o link de acesso foi divulgado aos participantes dos grupos presenciais. Os próprios participantes poderiam compartilhar o convite entre si. As atividades foram iniciadas em 30 de março. Funciona diariamente, de segunda à sexta-feira, no turno da manhã. Nesse período específico, o Grupo é configurado para que todos os participantes possam enviar mensagens. Cada dia, a atividade é coordenada por um dos profissionais da equipe, composta por 1 assistente social, 3 fisioterapeutas, 3 nutricionistas, 1 psicóloga e 1 terapeuta ocupacional. As atividades coletivas incluem rodas de conversa, orientações em saúde, estimulação cognitiva, práticas recreativas e informativos gerais. Privilegia-se o uso de recursos audiovisuais. Há, ainda, o Plantão, atividade dedicada a acolher demandas individuais, esclarecendo dúvidas e fornecendo orientações para casos específicos. Quando necessário, é realizado contato privado com o usuário, bem como articulação com a rede de serviços para que se constitua o apoio matricial de cuidados. O Grupo completa o primeiro quadrimestre com uma média de 125 participantes. Ao longo desse período, é possível identificar os seguintes resultados: a manutenção do vínculo entre profissionais e usuários, a promoção do senso de conexão entre os integrantes e a consequente sensação de pertencimento a uma coletividade. Em seus relatos, nota-se que os maiores benefícios incluem a percepção de se sentirem cuidados diariamente por profissionais da saúde e amparados por uma rede de ajuda mútua.

Diante da suspensão temporária das atividades presenciais coletivas com usuários idosos, como medida de enfrentamento da pandemia pela COVID-19, e considerando que este segmento integra o grupo mais susceptível ao desenvolvimento de quadros respiratórios graves e resultados fatais ao se infectar com o novo coronavírus, a equipe do Programa Saúde do Idoso propôs um modo alternativo de cuidado: a criação do Grupo de WhatsApp “Saúde do Idoso – Cuidados na quarentena”. Neste contexto, a rede social WhatsApp ganha destaque por sua popularidade. Ao possibilitar o compartilhamento de informações à distância, esta estratégia viabiliza a continuidade das ações de promoção da saúde, ainda que remotas. Acrescenta-se o fato de que o aplicativo se apresenta como instrumento acessível e recíproco, uma vez que permite a multimodalidade textual (mensagens escritas, em áudio, por imagens ou vídeos) e possibilita envio e recebimento de mensagens.

A metodologia permite ser amplamente aplicada, sendo destinada a todos os usuários que possuem acesso à tecnologia descrita, independente da faixa etária ou grau de escolaridade. Recomenda-se que as atividades sejam coordenadas por uma equipe multiprofissional para garantir a multidimensionalidade do cuidado.

Principal

Ana Lúcia Azeredo Couto

nalumac@gmail.com

A prática foi aplicada em

Rio das Ostras

Rio de Janeiro

Sudeste

Instituição

Rua Campo do Albacora, 75 Loteamento - Atlantica, Rio das Ostras - RJ

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Ana Lúcia Azeredo Couto

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Implantação de laserterapia na rede de atenção à saúde de Pilar (PB): relato de experiência
Paraíba
Práticas
Atenção e cuidado ao paciente portador de feridas no SUS em Pilar (PB)
Paraíba
Práticas
Oferta e Inserção do DIU pelo Enfermeiro na Atenção Primária a Saúde do Município de Assunção
Paraíba
Práticas
A prática da natação para crianças e adolescentes com deficiência em município do sertão paraibano
Paraíba
Práticas
Potencializando ações e atendimentos itinerantes nos bairros para melhoria e alcance de metas
Paraíba
Práticas
Implantação do cuidado farmacêutico na atenção básica, integrando farmácia a rede de atenção a saúde
Paraíba
Práticas
A eficácia do instrumento de classificação de risco gestacional na atenção primaria à saúde.
Paraíba