Olá,

Visitante

Projeto Postura 10!

FINALIDADE DA EXPERIÊNCIA:O PROJETO POSTURA 10 OBJETIVA GERAR PROMOÇÃO DE SAÚDE POSTURAL NA ESCOLA, PARA QUE NO FUTURO A MELHOR POSTURA CORPORAL POSSA SER CONQUISTADA POR ESSAS CRIANÇAS.DINÂMICA E ESTRATÉGIAS DOS PROCEDIMENTOS USADOS: O PROJETO FOI CONDUZIDO INICIALMENTE COM A APRESENTAÇÃO DA PROBLEMÁTICA DAS ALTERAÇÕES POSTURAIS PRECOCES PELO PROFISSIONAL FISIOTERAPEUTA DO NASF AO SETOR DA EDUCAÇÃO, NESTA RODA DE CONVERSA PARTICIPARAM PROFESSORES, DIREÇÃO E SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO. ESTABELECEU-SE DATAS E A ESTRUTURA DO PROJETOPOSTURAL FOI ENRIQUECIDA PELA PERCEPÇÃO DOS EDUCADORES E SUAS VIVÊNCIAS COM OS ALUNOS. O FISIOTERAPEUTA (APOIADO POR ACS) AVALIOU INDIVIDUALMENTE (PELO INSTRUMENTO IAP) OS ALUNOS, NAS DEPENDÊNCIAS DA ESCOLA MUNICIPAL, E PESOU ALEATORIAMENTEMOCHILAS POR TURMA, APÓS COMPILAÇÃO DE DADOS, OBTEVE-SE O NUMERO DE ALUNOS COM ALTERAÇÕES POSTURAIS, O QUAL INDICOU UMALTO NÚMERO DE ALTERAÇÕES, SENDO OS LOCAIS COM MAIOR OCORRENCIA NOS OMBROS, COLUNA E PÉS. ESSES DADOS FORAM APRESENTADOS AOS EDUCADORES E PAIS, BEM COMO AS ESTRATÉGIAS ELENCADAS PARA A PROBLEMÁTICA.AS ESTRATÉGIAS APLICADAS FORAM A APRESENTAÇÃO DO TEATRO COLUNA FELIZ EM SALA DE AULA (POR 02 ATORES) O MOMENTO LÚDICO ENVOLVEU ALUNOS E PROFESSORES NA ADEQUAÇÃO DA MOCHILA, POSTURAS SENTADA E OUTRAS INFORMAÇÕES POSTURAIS, COM ENTREGA DE PANFLETO INFORMATICO.NA SEQUÊNCIA, A PROFESSORA DE ARTES REALIZOU OFICINAS PEDAGÓGICAS ONDE OS ALUNOS EXPRESSARAM COM DESENHO O QUE APRENDERAM SOBRE COLUNA FELIZ – ISSO GEROU UM CONCURSO COM DOIS PREMIADOS POR SALA, E A IMPRESSÃO DOS DESENHOS EM CAMISETAS.FOI REALIZADA OFICINA DA POSTURA ONDE UM ALUNO É O LÍDER SEMANAL NA SALA DE AULA, COORDENANDOA POSTURA E SE PRECISO,CORRIGINDO OS DEMAIS.A EDUCADORA FÍSICA, INSERIU EM SUA CONDUTA ESCOLAR UMA SEQUÊNCIA DE ALONGAMENTOS ESPECÍFICOS PARA AS ALTERAÇÕES POSTURAIS MAIS ENCONTRADAS, E EXERCÍCIOS RESPIRATÓRIOS.OS PAIS RECEBERAM INDIVIDUALMENTE AS AVALIAÇÕES POSTURAIS DOS FILHOS, COM ORIENTAÇÕES PONTUAIS E EM ALGUNS CASOS, ENCAMIHAMENTO AO SERVIÇO DE FISIOTERAPIA E MÉDICO DA UBS.INDICADORES/VARIÁVEIS/COLETA DE DADOS:INDICADOR FOI O NUMERO DE CRIANÇAS COM ALTERAÇÃO POSTURAL, LEVANTADOS PELO ESF E NASF DO MUNICÍPIO NA UBS.VARIAVÉIS: TODAS AS CRIANÇAS NA FAIXA ETÁRIA DE 06 AOS 11 ANOS, DO SEXO FEMININO E MASCULINO, QUE ESTUDAM NA ESCOLA MUNICIPAL

PROMOÇÃO DE SAÚDE ENGLOBA AÇÕES QUE VISAM A MANUTENÇÃO DA SAÚDE E EVITAM A OCORRÊNCIA DE ALGUNS AGRAVOS ATRAVÉS DA MUDANÇA DE HÁBITOS DE VIDA, INCORPORAÇÃO DE ESTRATÉGIAS PREVENTIVAS. DENTRO DESSE ÂMBITO A SAÚDE NA ESCOLA VEM AO ENCONTRO DESSA PREMISSA NO QUE TANGE A DETECÇÃO PRECOCE DE MAUS HÁBITOS E OU POSTURAS INADEQUADAS, QUE POSSAM SER PRECOCEMENTE MODIFICADAS PARA GARANTIR A MANUTENÇÃO DA SAÚDE, UMA VEZ QUE É NA MAIS TENRA IDADE QUE SE FIRMAM CONCEITOS E HÁBITOS SAUDÁVEIS. A ESF E O NASF TEM PAPEL FUNDAMENTAL NA FOMENTAÇÃO DE AÇÕES DE PROMOÇÃO E PREVENÇÃO, ARTICULANDO COM OS DEMAIS SETORES E PROFISSIONAIS PARA AMPLIAR A EFETIVIDADE DAS AÇÕES PLANEJADAS.NA INFÂNCIA OCORRE A ACOMODAÇÃO DAS ESTRUTURAS CORPORAIS, NA FAIXA DE 7 A 12 ANOS OCORREM AS ADAPTAÇÕES FUNCIONAIS, UMA VEZ EM QUE HÁ GRANDE MOBILIDADE E ADAPTAÇÃO DA POSTURA ÀS ATIVIDADES REALIZADAS, HAVENDO DESVIOS HABITUAIS, PODERAM OCORRER ALTERAÇÕES POSTURAIS PATOLÓGICAS.ASSIM O PROJETO POSTURA 10! FOI UMA INICIATIVA DA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE, EM PARCERIA COM A SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE ARROIO TRINTA. FOI PROJETADO VISANDO A AVALIAÇÃO E A INTERVENÇÃO POSTURAL EM CRIANÇAS DO PRIMEIRO AO QUINTO ANO DA ESCOLA MUNICIPAL JACI FALCHETI, PARA QUE NO FUTURO APRESENTEM UMA MELHOR POSTURA CORPORAL. O PROJETO ESTRUTUROU-SE À PARTIR DA CRESCENTE DEMANDA POR AVALIAÇÕES MÉDICAS/FISIOTERAPÊUTICAS DA POSTURA CORPORAL DE CRIANÇAS NESSA FAIXA ETÁRIA. FORAM REALIZADAS AÇÕES DE AVALIAÇÕES COM AS CRIANÇAS E MOCHILAS, REALIZAÇÃO DE ATIVIDADES LÚDICAS, DE ENTROSAMENTO, SENSIBILIZAÇÃO DOS PROFESSORES, FAMILIARES E ALUNOS, ALÉM DE AÇÕES CORRETIVAS QUANDO OS CASOS REQUERERAM.

REAVALIAR A POSTURA DESSAS CRIANÇAS APÓS 01 ANO DA REALIZAÇÃO DO PROJETO POSTURA 10!, E MOTIVAR UM ESTUDO LONGITUDINAL COM AVALIAÇÃO APÓS 05 ANOS.SUGERE-SE QUE ESSE TRABALHO SEJA CONTÍNUO, REALIZADO ANUALMENTE, BEM COMO HAJA UM REPESSAR QUANTO À NECESSIDADE DO CONTEÚDO DAS MOCHILAS, OU ADEQUAR NA ESCOLA LOCAIS PARA GUARDA DE LIVROS DIMINUINDO A CARGA DIÁRIA DESSAS MOCHILAS E PROPICIANDO ALÍVIO AS ESTRUTURAIS CORPORAIS DOS ALUNOS.A UBS TRATAVA CRIANÇAS COM ALTERAÇÕES POSTURAIS NOS SETORES DE FISIOTERAPIA E CLÍNICO SÓ NOS CASOS ONDE OS FAMILIARES PROCURAVAM, MUITAS VEZES PERDENDO A IDADE IDEAL PARA TRATAMENTO. COM ESSE TRABALHO PODE-SE ENCAMINHAR PARA TRATAMENTO E REABILITAÇÃO PRECOCE GERANDO EFETIVAMENTE PROMOÇÃO DA SAÚDE POSTURAL NA ESCOLA. A CRESCENTE DEMANDA POR AVALIAÇÕES MÉDICAS E FISIOTERAPÊUTICAS NA UBS APONTARAM PARA A NECESSIDADE DESSA POPULAÇÃO SER AVALIADA ANTES DA INSTALAÇÃO E ESTRUTURAÇÃO DE ALTERAÇÕES FÍSICAS, GERADAS PELA MÁ POSTURA, MINIMIZANDO ASSIM OS IMPACTOS QUE ESSAS LIMITAÇÕES PODERÃO TRAZER NA VIDA ADULTA DESTES INDIVÍDUOS.EFETIVAR DE FORMA INTERSETORIAL AS POLÍTICAS DE SAÚDE, TRAZEM SOMA DE SABERES E DE PERCEPÇÕES. ESSE PROGRAMA POSSIBILITOU INTEGRAR SETORES, ALUNOS E FAMÍLIAS. PROPICIANDO A COMUNIDADE O ENTENDIMENTO DE COMO O SUS EFETIVAMENTE PODE PROMOVER SAÚDE!

Principal

Magda Cristina Donadeli Gemelli

A prática foi aplicada em

Arroio Trinta

Santa Catarina

Sul

Instituição

RUA FRANCISCO NAVA N.57 CENTRO

Uma organização do tipo

Outra

Foi cadastrada por

Magda Cristina Donadeli Gemelli

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

04 dez 2015

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Ações intersetoriais: integrando estratégias no combate às arboviroses na cidade de Belém do Brejo da Cruz (PB)
Paraíba
Práticas
Re(h)abilitando a interdisciplinaridade e o cuidado na atenção primária à saúde
Paraíba
Práticas
A (in) visibilidade de quem está em situação de rua: caminhos possíveis para cuidado em saúde
Paraíba
Práticas
Do ambulatório LGBTQIAPNB+ ao Café com Diversidade: garantindo acesso e fortalecimento de vínculos
Paraíba
Práticas
Fato ou fake: utilizando a força da internet no combate a fake news sobre vacinação em Esperança – PB.
Paraíba
Práticas
Projeto saúde na feira: ampliando o acesso de serviços de saúde no município de Ingá.
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Promoção da saúde mental dos trabalhadores da estratégia de saúde da família: cuidando do cuidador.
Paraíba