Olá,

Visitante

Projeto Estimular: Um Novo olhar Sobre o Desenvolvimento Infantil, Estimulando As Habilidades Motoras

O Projeto Estimular baseia-se na estimulação precoce de crianças de 0 a 1 ano de vida, que possuem patologias as quais interferem no desenvolvimento motor. A prática consiste em um conjunto de exercícios realizados através das orientações dos profissionais de Fisioterapia e Fonoaudiologia que visam estimular o desenvolvimento motor, auditivo, visual e cognitivo da criança de acordo com a fase de desenvolvimento. As sessões terapêuticas são realizadas de forma individual, com as crianças devidamente acompanhadas de seus responsáveis, que serão orientados e treinados para realização dos exercícios em ambiente domiciliar. As atividades são direcionadas para o processo de desenvolvimento global da criança, considerando-a como um ser biopsicossocial, com objetivos de oferecer atendimento integral e humanizado para crianças com atraso no desenvolvimento neuropsicomotor por meio de exercícios específicos que promovam estímulos sensoriais e motores, proporcionando o alongamento e o fortalecimento da musculatura que encontra-se hipotônica, com redução ou perda do tônus muscular, minimizando as possíveis sequelas referentes a patologia e promovendo a funcionalidade da musculatura motora oral e corporal. Além disso, orientar, treinar e motivar pais e cuidadores no processo de estimulação das habilidades motoras. O projeto visa também favorecer o acolhimento familiar e ampliar o vínculo “mãe-bebê”.

Estimulação precoce de crianças de 0 a 1 ano de vida, que possuem patologias as quais interferem no desenvolvimento motor. A prática consiste em um conjunto de exercícios realizados através das orientações dos profissionais de Fisioterapia e Fonoaudiologia que visam estimular o desenvolvimento motor, auditivo, visual e cognitivo da criança de acordo com a fase de desenvolvimento. As sessões terapêuticas são realizadas de forma individual, com as crianças devidamente acompanhadas de seus responsáveis, que serão orientados e treinados para realização dos exercícios em ambiente domiciliar. As atividades são direcionadas para o processo de desenvolvimento global da criança, considerando-a como um ser biopsicossocial.

Recomenda-se a pratica de estimulação precoce em crianças de 0 a 1 ano de vida por ser o período mais rico no desenvolvimento do Sistema Nervoso, por causa das grandes alterações das estruturas e do aumento das redes de comunicação entre os neurônios. É um período de muitas novidades e aprendizagem. Com o Projeto Estimular objetiva-se oferecer atendimento integral e humanizado para crianças com atraso no desenvolvimento neuropsicomotor por meio de exercícios específicos que promovam estímulos sensoriais e motores, proporcionando o alongamento e o fortalecimento da musculatura que encontra-se hipotônica, com redução ou perda do tônus muscular, minimizando as possíveis sequelas referentes a patologia e promovendo a funcionalidade da musculatura motora oral e corporal. Além disso, orientar, treinar e motivar pais e cuidadores no processo de estimulação das habilidades motoras.

Principal

Lígia Pertúllia Maia Andrade

maia-andrade@hotmail.com

A prática foi aplicada em

Queimadas

Paraíba

Nordeste

Instituição

Av. Odilon Almeida Barreto

Uma organização do tipo

Outra

Foi cadastrada por

Josué Casimiro

Conta vinculada

maia-andrade@hotmail.com

04 dez 2015

e atualizada em

14 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Programas de provimento médico federais: estratégias de monitoramento e avaliação municipais
Rio de Janeiro
Práticas
Acessibilidade no SUS: Implantação de um laboratório da Língua Brasileira de Sinais em unidades de Estratégia da Família em São Pedro da Aldeia
Rio de Janeiro
Práticas
Arte como instrumento de cuidado na Atenção Primária à Saúde
Bahia
Práticas
O Agente Comunitário de Saúde e a integralidade do cuidado no controle das Arboviroses.
Rio de Janeiro
Práticas
O Nasf de Armação dos Búzios como uma fênix em tempos sombrios: novas tecnologias a serviço do cuidado
Rio de Janeiro
Práticas
ATHIS Casa Saudável
Rio Grande do Sul
Práticas
Campanha Permanente de Castração de Cães e Gatos: Combate Estratégico às Zoonoses Centrado nos Princípios do SUS e no Conceito Território em Saúde, em Gurupi – To
Tocantins
Práticas
Cuidado de Enfermagem aos Portadores de Diabetes com “Pés Diabéticos” em Equipe de Estratégia Saúde da Família Relato de Experiência
Rondônia
Práticas
Territorialização e Expansão do Acesso na Atenção Básica em Pimenta Bueno: Redução de Nove para Duas Áreas des cobertas Pelos Agentes Comunitários de Saúde – Acs
Rondônia