Olá,

Visitante

Plástico reciclado = pão garantido

O projeto tem como objetivo realizar um trabalho efetivo no combate ao mosquito Aedes aegypti, complementar à renda familiar, movimentar a economia do comércio local, bem como conscientizar cada cidadão a reduzir o descarte de recipientes de maneira inadequada, através da coleta de materiais acondicionando-os no posto de coleta.DINÂMICA E ESTRATÉGIAS DOS PROCEDIMENTOS USADOS: O funcionamento do projeto acontece da seguinte maneira: O cidadão recolhe os recipientes plásticos, leva a uma à Unidade de Saúde, onde os mesmos serão pesados, trocados e convertidos em ticket´s, que valem R$0,70, o quilograma. Efetua-se a troca por pães e produtos comestíveis nas padarias credenciadas existentes no município. Uma vez na semana a referência técnica do projeto, realiza a coleta nas UBS (Unidade Básica de Saúde), recolhendo os recipientes e encaminhando os mesmos para a reciclagem onde se dará o destino final adequado. O recurso financeiro da venda dos recipientes é depositado em uma conta do fundo municipal, aberta para este fim, para que possa ser realizado o pagamento das padarias que forneceram os pães ou produtos comestíveis na troca dos tickets. Quanto à divulgação do projeto são utilizadas diversas ferramentas como a confecção de cartilhas e folders, palestras nas escolas, divulgação nas redes sociais e jornais, divulgação através dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes Comunitários de Endemias (ACE).INDICADORES/VARIÁVEIS/COLETA DE DADOS:Uma das ferramentas utilizadas para avaliar a eficácia do Projeto é o SINAN (Sistema de Informação de Agravos de Notificação), observando-se o quantitativo de casos notificados e confirmados de dengue no município a partir da implantação do projeto. Outra fonte é o LIRAa Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti, que aponta o índice de infestação do Aedes Aegypti, segundo a classificação do Ministério da Saúde. OBSERVAÇÕES/AVALIAÇÃO/MONITORAMENTO: O processo de avaliação é feito obtendo os dados através do SINAN e do LIRAa sendo possível identificar os principais criadouros do vetor, o que permite o melhor direcionamento das ações de controle para as áreas mais críticas e também os locais com maior incidência de casos de Dengue e outras. Diante do resultado obtido através do LIRAa, é possível avaliar se houve diminuição dos recipientes plásticos no meio ambiente, bem como diminuição dos focos. A avaliação é feita todo fim de mês onde se observa o andamento do projeto, seus desafios e avanços.

Em virtude do clima do município de Várzea da Palma, situado no Norte de Minas, o consumismo da sociedade, e o descarte de materiais que podem ser recicláveis, é grande a preocupação para com o meio ambiente e os problemas relacionados à saúde. Os plásticos, por exemplo, são grandes vilões da poluição ambiental, haja vista que, contribuem como moradia e ambientes propícios para a proliferação do vetor Aedes aegypti, transmissor de doenças como a Dengue, Zika Vírus, Chikungunya e Febre Amarela. A idéia de reciclagem é de extrema importância, pois além de contribuir na preservação do meio ambiente, evita a poluição do solo, da água e do ar, e por sua vez evita inúmeras doenças. Pensando nisso foi elaborado o projeto PLÁSTICO RECICLADO = PÃO GARANTIDO, uma parceria da Secretaria Municipal de Saúde, Vigilância em Saúde, Atenção Primária e Padarias locais. O projeto envolverá toda comunidade, que receberá um estímulo a mais no combate ao Aedes Aegypti.

O Projeto Plástico Reciclável =Pão Garantido é uma iniciativa da Secretaria Municipal de Saúde em parceria com toda a comunidade do município. Visa diminuir os criadouros do mosquito Aedes Aegypti, além de complementar arenda familiar, trazendo não apenas benefícios a família, mas também ao meio ambiente melhorando assim a qualidade de vida da população.Este projeto acontece de forma contínua, e tem a adesão das equipes de saúde do município e da sociedade em geral, que têm a consciência de que se trata de um projeto que trará inúmeros benefícios ao município

Principal

Viviane Gonçalves Carneiro de Souza

gestora.vzp@gmail.com

A prática foi aplicada em

Várzea da Palma

Minas Gerais

Sudeste

Esta prática está vinculada a

Rua Claúdio Manoel da Costa 1000

Uma organização do tipo

Instituição Pública

Foi cadastrada por

Viviane Gonçalves Carneiro de Souza

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

12 out 2021

e atualizada em

05 abr 2024

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Promoção de Saúde dos Caminhoneiros e Caminhoneiras no Ponto de Parada e Descanso do Município do Rio de Janeiro
Rio de Janeiro
Práticas
Projeto Peso Saudável
Tocantins
Práticas
Formação em Diabetes para Profissionais da Educação de Blumenau/Sc
Rio Grande do Sul
Práticas
Oficina com Mulheres: Desenvolvimento de Ações de Cuidado Voltados ao Hiv/ Aids
Rio Grande do Sul
Práticas
Benefícios da Implementação de Assistência Médica 24 Horas em uma Cidade do Interior Paraibano
Paraíba
Práticas
Projeto Resgatando Sorrisos
Paraíba
Práticas
Acolhimento Como Ferramenta de Escuta e Mobilização no Grupo de Mães do Tea no Município de Sumé
Paraíba
Práticas
Programa de Atendimento Fisioterapêutico Domiciliar em Pacientes Crônicos Restrito ao Leito em Locais de Difícil Acesso
Rio de Janeiro
Práticas
Agenda Jovem Aprendiz
Minas Gerais
Práticas
Hiperdia em Ação nas Comunidades: Estratégias para Melhorar a Qualidade de Vida dos Cidadãos Coqueirenses.