Olá,

Visitante

Participação Social na Construção do Planejamento Estratégico em Saúde e do Plano de Educação Permanente no Território de Ermelino Matarazzo/Sp

Movimento da Reforma Sanitária chega ao seu auge na 8°Conferência Nacional de Saúde, resultando na criação do SUS em 1988. o Estado Democrático criou espaços de participação popular para formulação das políticas de saúde: os Conselhos Gestores, que exercem um papel fundamental de ligação entre os anseios da comunidade e os seus gestores locais. Com o pleno funcionamento destes Conselhos, empodera-se a governança local e redefine-se a cultura política no território, fortalecendo a cidadania, com tomada de decisões, controle dos recursos públicos e defesa da qualidade de vida de todos os cidadãos. Considerando que o território de Ermelino Matarazzo, situado na região Leste de São Paulo, conta com uma população de aproximadamente 209 mil habitantes, com grande densidade demográfica e regiões de alta vulnerabilidade social, faz-se imprescindível a participação popular na construção do planejamento estratégico em saúde e na elaboração do Plano de Educação Permanente de 2019.

Construir o planejamento estratégico e plano de educação permanente (PLAMEP) do território de Ermelino Matarazzo/SP para o ano de 2019, de forma participativa e democrática, baseando-se nas necessidades de saúde da população do território, Diretrizes em novembro de 2018, foi organizada uma oficina com gestores, trabalhadores e usuários do SUS de Ermelino Matarazzo/SP, num total de 57 participantes. No início da oficina foram realizadas apresentações sobre a caracterização do território (dados epidemiológicos, morbidade, mortalidade e vulnerabilidades), além dos pontos fundamentais das diretrizes da SMS e discussão de Indicadores de Saúde. Numa segunda etapa, a discussão foi realizada em 6 grupos, no formato de rodas de conversa, de acordo com áreas prioritárias para a atenção à saúde. Foi utilizada uma planilha de planejamento estratégico para elaboração da Matriz de Intervenção e, ao final das discussões, a apresentação das propostas foi realizada em plenária.

Na plenária final, cada grupo apresentou suas propostas para o planejamento em saúde de 2019, para o território de Ermelino Matarazzo/SP, com metas, prazos e responsáveis pelo acompanhamento e monitoramento, segundo as áreas prioritárias e linhas de cuidado discutidas. o planejamento apresentado pelos grupos foi consolidado e incorporado ao cronograma de ações e agenda global para a saúde em Ermelino Matarazzo. as ações de educação permanente propostas na oficina também foram incorporadas ao Plano de Educação Permanente (PLAMEP 2019), e encaminhadas ao Núcleo de Educação Permanente (NEP) do MunicípioA participação ativa dos conselheiros gestores de saúde no planejamento estratégico do território é de fundamental importância, elencando as reais prioridades da população, viabilizando informações sobre vulnerabilidades e dificuldades de acesso à saúde pela comunidade local. Além disso, um planejamento em saúde, realizado de forma democrática, propicia que o usuário reafirme seu papel de cidadão e de defensor de um SUS de qualidade, universal e gratuito.

Principal

Daniele Lupi Sapucaia

danielelupi@prtefeitura.sp.gov.br

Coautores

Carolina Beltramine De Carvalho Donola, Rosângela Menezes Herbas, João Gabriel Zerba Corrêa

A prática foi aplicada em

São Paulo

São Paulo

Sudeste

Instituição

Av. Tarumã, 238, Casa 23. Vl Pierina. São Paulo

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Edson Aparecido Dos Santos

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

23 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Título: Autismo – uma causa municipal.
Paraíba
Práticas
TEA/TDAH: inclusão sem discriminação
Paraíba
Práticas
Visita de luto – uma atitude humanizada
Rio de Janeiro
Práticas
Vacinação Sem Barreiras: um Grande Desafio
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Vacinação: Estratégias para o Aumento da Cobertura Vacinal no Município de Barrolândia – TO
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Plano de Recuperação do Faturamento Ses/Df
Distrito Federal
Práticas
Sala de Situação Ses-Df
Distrito Federal
Práticas
Rede Inovases
Distrito Federal
Práticas
Diagnóstico de Atendimento da População Hipertensa/Diabética da Equipe 474/06
Distrito Federal