Olá,

Visitante

Implantação do Grupo de Tabagismo em uma Unidade Básica de Saúde no Município de Joaquim Nabuco – Pe.

Descrição das ações: Realizado o levantamento da população tabagista e feito busca ativa, o número de participantes se definiu pelo preenchimento dos critérios de inclusão. No questionário de triagem, foi verificado, pelo Teste de Fagerstöm 10, visto que maioria dos participantes apresentava grau de dependência de médio a elevado. O grupo se constituiu de usuários, com início do uso do tabaco variando entre 13 e 20 anos de idade. O tratamento é realizado pela abordagem biopsicossocial e Terapia de Reposição de Nicotina: adesivo transdérmico, goma de mascar e pastilha Bupropiona. Período de realização: A abordagem foi de forma individual e em grupo. Foram realizadas reuniões de 90 min – 4 sessões semanais estruturadas no 1º mês – 2 sessões quinzenais no 2º mês. A primeira turma iniciou em (05.03.2015) e a segunda turma em (04.06.2015), permanecendo os encontros mensais. As sessões obedeceram à sequência sugerida pelo Ministério da Saúde, sendo as quatro primeiras com as seguintes temáticas: entender por que se fuma e como isso afeta a saúde

O tabagismo é, reconhecidamente, uma doença crônica, resultante da dependência à droga nicotina, e um fator de risco para cerca de 50 doenças. Diante disso, o Ministério da Saúde publicou no dia 05 de abril de 2013, a Portaria nº 571, que atualiza as diretrizes de cuidado à pessoa tabagista no âmbito da Rede de Atenção à Saúde das Pessoas. Sendo assim Atenção Primária, enquanto cenário maior de promoção da saúde tem produzido iniciativas relevantes no combate ao tabagismo juntamente com a equipe multidisciplinar.

Aprendizados e dificuldades: o grupo tem um sentido especial, porque os integrantes percebem que vivenciam um problema em comum e sabem que os demais entendem e enfrentam as mesmas dificuldades. Além disso, apresenta também caminhos e orientações. No entanto, ainda não há fornecimento adequado de medicamentos antitabaco na rede pública.Perspectivas futuras

Principal

Erica Priscila Barcelos dos Santos

ericapriscila@hotmail.com

A prática foi aplicada em

Joaquim Nabuco

Pernambuco

Nordeste

Instituição

Praça Dom Luiz de Brito, 10, Centro

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Erica Priscila Barcelos dos Santos

Conta vinculada

emanoel.filho@fiocruz.br

03 ago 2020

e atualizada em

14 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Programas de provimento médico federais: estratégias de monitoramento e avaliação municipais
Rio de Janeiro
Práticas
Acessibilidade no SUS: Implantação de um laboratório da Língua Brasileira de Sinais em unidades de Estratégia da Família em São Pedro da Aldeia
Rio de Janeiro
Práticas
Arte como instrumento de cuidado na Atenção Primária à Saúde
Bahia
Práticas
O Agente Comunitário de Saúde e a integralidade do cuidado no controle das Arboviroses.
Rio de Janeiro
Práticas
O Nasf de Armação dos Búzios como uma fênix em tempos sombrios: novas tecnologias a serviço do cuidado
Rio de Janeiro
Práticas
ATHIS Casa Saudável
Rio Grande do Sul
Práticas
Campanha Permanente de Castração de Cães e Gatos: Combate Estratégico às Zoonoses Centrado nos Princípios do SUS e no Conceito Território em Saúde, em Gurupi – To
Tocantins
Práticas
Cuidado de Enfermagem aos Portadores de Diabetes com “Pés Diabéticos” em Equipe de Estratégia Saúde da Família Relato de Experiência
Rondônia
Práticas
Territorialização e Expansão do Acesso na Atenção Básica em Pimenta Bueno: Redução de Nove para Duas Áreas des cobertas Pelos Agentes Comunitários de Saúde – Acs
Rondônia