Olá,

Visitante

Empodera – Grupo de Empoderamento Feminino

De acordo com a OMS, a saúde é o “estado de completo bem-estar físico, mental e social e não consistindo somente da ausência de uma doença ou enfermidade”. Guiados por essa visão holística de saúde, a equipe da ESF 302 percebeu que o motivo de procura de atendimento médico pelas mulheres fugiam de uma doença ou enfermidade, já que demonstravam necessidade em serem atendidas nas suas questões mentais e sociais, principalmente no que se refere às relações familiares (filho/marido). Nesse contexto, surgiu o grupo de empoderamento feminino “Empodera.” o grupo foi concebido como rede de apoio às mulheres, onde elas pudessem relatar suas angústias, seus problemas pessoais e que fossem estimuladas a transformar sua realidade através de reflexões geradas nas discussões. Diante disso, o surgimento do grupo se justifica pela responsabilidade que a equipe de atenção primária possui em cuidar da saúde do paciente em sua dimensão biopsicossocial.

Estabelecer uma rede de apoio para desenvolver nas mulheres uma percepção mais positiva e encorajadora a respeito de quem são, assim como das suas capacidades e habilidades pessoais. o grupo “Empodera” acontece quinzenalmente na sala de reuniões da ESF 302, às 15 horas. em cada encontro um profissional é convidado à liderar o evento lançando mão de recursos que despertem nas mulheres os propósitos do grupo: encorajamento, trabalhar igualdade de gênero, autocuidado, autovalorização, autoconfiança e revelar habilidades pessoais. Na primeira participação, a mulher preenche uma Ficha de Reconhecimento (Anexo 1) que foi elaborada pela enfermeira coordenadora da equipe (Larissa Cássia Silva), a médica (Stefânni Coelho Borges) e a assistente social (Laylla Duque) para servir de base na construção do cronograma (Anexo 2) e no desenvolvimento dos conteúdos a serem abordados.

Nos 6 meses de grupo, a média de comparecimento foi de 20 mulheres por encontro e houve uma diminuição da frequência por atendimento médico específico. E, além disso, esse grupo se tornou um ponto de apoio às mulheres que esperam pelo dia da reunião e que se despertaram para uma mudança de olhar em relação a si e aos seus familiares. as mulheres relatam que se sentem mais fortes, mais confiantes e até mais bonitas por enxergarem novas possibilidades e por estarem sendo estimuladas a se conhecer e a fazer escolhas que as tornem mais realizadas e não somente seja a realização de seu parceiro ou o melhor para seus filhos. em cada encontro novas integrantes surgem convidadas pelas mulheres que já participam, configurando assim uma rede de apoiA criação do grupo possibilitou o surgimento de uma rede de apoio em que as mulheres desenvolvem habilidades antes desconhecidas e se despertam para mudanças que refletem positivamente em sua saúde física e mental. Por meio das discussões e das dinâmicas elas revelam seus problemas e limitações e são encorajadas a buscar formas de resolver seus embates se colocando a frente das decisões, respeitando suas vontades e suas convicções e criando um ambiente em que se sintam respeitadas e empoderadas.

Principal

Larissa Cássia Silva

larissa.cassia.silva@hotmail.com

Coautores

Laylla Dayse Duque De Souza Dias, Lívia Vieira Simões Ansaloni, Kari Ludmila R. De Oliveira, Stefânni Coelho Borges,

A prática foi aplicada em

Goiatuba

Goiás

Centro-Oeste

Instituição

Rua São Franscico, 764 – Centro

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Patrícia Lemes De Lima

Conta vinculada

patricialemes03@hotmail.com

23 set 2023

e atualizada em

23 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
TEA/TDAH: inclusão sem discriminação
Paraíba
Práticas
Visita de luto – uma atitude humanizada
Rio de Janeiro
Práticas
Plano de Recuperação do Faturamento Ses/Df
Distrito Federal
Práticas
Sala de Situação Ses-Df
Distrito Federal
Práticas
Rede Inovases
Distrito Federal
Práticas
Diagnóstico de Atendimento da População Hipertensa/Diabética da Equipe 474/06
Distrito Federal
Práticas
Atenção Odontológica na Primeira Infância: Meu Primeiro Dentista
Tocantins
Práticas
Informação em Saúde Preventiva nos Meios de Comunicação
Tocantins