Olá,

Visitante

da Peregrinação À Humanização da Assistência Pré-Natal: Organização do Fluxo, Ampliação do Acesso e Humanização do Atendimento às Gestantes do Município de Riachão do Jacuípe – Ba

A assistência pré-natal realizadas pelas 11 ESF no município de Riachão do Jacuípe, distante 183 Km da capital do Estado da Bahia, não garantia a realização de exames laboratoriais básicos, exames ultrassonográficos e avaliação medica especializada, quando necessário, em tempo e quantidade que tornasse resolutiva a assistência prestada. Dentre outros equipamentos de saúde, existia uma unidade hospitalar com vocação materno infantil que atendia a demanda obstétrica, porém com dificuldades para manter equipe e manutenção geral, em virtude do sub financiamento, gerando grandes vazios assistenciais e a peregrinação das gestantes, com transferências ‘desnecessárias’ para unidades de maior complexidade. Assim sendo, fez-se necessário o fortalecimento da rede Cegonha, com ampliação do acesso, maior resolutividade, vinculação das gestantes e humanização da assistência, reduzindo o fluxo para unidades de maior complexidade.

Qualificar a assistência pré-natal com um modelo que amplie o acesso às gestantes com melhoria da qualidade, controle, organização do fluxo de agendamento de exames laboratoriais, USG e consulta obstétrica especializada, sem fila de espera, viabiliza Para organização do fluxo e ampliação do acesso às gestantes do município se deu por meio da implantação do Sistema de Regulação – SISREG, que permitiu a oferta dos exames laboratoriais básicos, e no mínimo 3 exames de USG sem fila e agilidade no atendimento. Posteriormente, a Gestão Municipal firmou contrato com a maternidade local e a Secretaria de Saúde do Estado ampliou o contrato já existente tornando possível a ampliação da equipe multiprofissional e o investimento em ambiência com aquisição de leitos PPP e outros equipamentos para estimular e apoiar a mulher no trabalho de parto normal. Desde então, foi possível realizar a assistência pré-natal da gestante de risco habitual vinculando-a precocemente a maternidade de referência dando

“• Dentre os muitos resultados alcançados, estão: • Fim de filas, com atendimento em tempo hábil em virtude da implantação do SISREG • Maior controle e qualidade dos serviços ofertados (triagem pré-natal, exames laboratoriais, no mínimo 3 USG para gestantes que iniciam pre-natal precocemente) • Vinculação das gestantes • Maior atuação das enfermeiras obstetras e doulas na assistência ao parto • Ambiente Humanizado e preparado exclusivamente para as gestantes com leitos PPP e outros equipamentos que humanizam a assistência ao parto • Mudança de paradigmas e inversão na proporção entre partos normais e cesáreos, com que redução significativa das cesáreas programadas em virtude da ausência do profissional .A gestação e o parto são eventos fisiológicos perfeitos. Faz-se necessário um olhar mais atento de modo que seja possível garantir e qualificar a assistência pré-natal, ampliando o acesso, tendo maior controle e qualidade do fluxo, humanização a assistência, evitando intervenções desnecessárias por meio da participação de uma equipe que adote uma atitude ética e solidária. o Município tem um modelo de saúde voltado para assistência da gestante, parturiente e puerpério humanístico e que tem como

Principal

Juliana Da Silva Carneiro

julyriachao@hotmail.com

Coautores

Kaio Luan Mota Mascarenhas

A prática foi aplicada em

Riachão do Jacuípe

Bahia

Nordeste

Instituição

Rua Dedival Floriano Carneiro, 40, Vale Do Rio, Riachão Do Jacuipe

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Juliana Da Silva Carneiro

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

23 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
TEA/TDAH: inclusão sem discriminação
Paraíba
Práticas
Visita de luto – uma atitude humanizada
Rio de Janeiro
Práticas
Vacinação Sem Barreiras: um Grande Desafio
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Vacinação: Estratégias para o Aumento da Cobertura Vacinal no Município de Barrolândia – TO
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Plano de Recuperação do Faturamento Ses/Df
Distrito Federal
Práticas
Sala de Situação Ses-Df
Distrito Federal
Práticas
Rede Inovases
Distrito Federal
Práticas
Diagnóstico de Atendimento da População Hipertensa/Diabética da Equipe 474/06
Distrito Federal