Olá,

Visitante

Cuidando de Quem Cuida em Tempos de Covid-19 Sob a Perspectiva do Autocuidado

A Equipe multiprofissional do Núcleo Ampliado de Saúde da Família e Atenção Básica (NASF-AB) da Secretaria Municipal de Saúde do Município de Paraíba do Sul (SMS_PS), realiza ações e oferta assistência voltadas para os trabalhadores das Unidades Básicas de Saúde, tais como: controle do peso, saúde vocal, uso racional de medicações, apoio psicológico, orientação em relação à postura e ergonomia no ambiente laboral, entre outras ações.Assistência que atende às solicitações realizadas a partir de interrogações como: “Cuidamos de nossos usuários mas quem cuida de nós?” apresenta-se como apoio matricial e acolhimento voltado à humanização dos serviços de saúde e das relações profissionais, visando-se a melhoria da qualidade da assistência e das condições de trabalho, desenvolvendo-se mecanismos em que as equipes possam detectar, avaliar e solucionar os conflitos de maneira autônoma.Esse Programa “Cuidando de Quem Cuida”, ganha nova perspectiva em março de 2020 com o advento da pandemia da Covid-19, reconfigurando-se em “Cuidando de Quem Cuida em tempos de Covid-19”. Diante desse novo cenário, o clima de estresse, ansiedade e esgotamento físico é comum a todos, logo o programa de assistência direcionado apenas aos Servidores da Saúde passa a garantir um suporte assistencial a todos os profissionais envolvidos no enfrentamento da pandemia do Covid-19, ampliando-se o escopo de serviços ofertados, com a inserção das Práticas Integrativas Complementares (PICS), rodas de conversa, escuta qualificada e acolhedora como ferramentas na gestão do autocuidado.

Diante do surto e, posteriormente quadro pandêmico gerado pelo Covid-19 tem-se um cenário de medo, angústia, estresse, ansiedade em todos os profissionais de saúde, chamados como “linha de frente”, envolvidos no controle e combate do vírus.Imerso nesse cenário novo e da percepção dessa demanda oriunda do serviço, a Equipe NASF/AB reorganiza-se e reconfigura sua atuação, de modo a ampliar a assistência aos trabalhadores com o objetivo e compromisso de garantir o suporte assistencial nos âmbitos da saúde física e mental como estratégia de enfrentamento ao Covid-19.Na perspectiva de humanização dos serviços e das relações profissionais, os instrumentos utilizados são a escuta qualificada e acolhedora, rodas de conversa, atividades educativas e uso das PICS no processo de autocuidado.Buscando-se, dessa maneira, melhoria das condições de trabalho, promover a reorganização da rotina laboral, estimular reflexões individuais e coletivas para detecção, avaliação e solução de conflitos de forma autônoma.Possibilitando-se a esses trabalhadores, acolhimento, compartilhamento de vivências, espaço para expressão de suas angústias, motivação e informações para desempenharem o autocuidado.

Em todos os momentos, o cuidado direcionado ao trabalhador da saúde é essencial para garantir a assistência de qualidade à população. Entretanto, em tempos de Covid-19, esse cuidado torna-se extremamente importante devido aos desgastes físico e mental aos quais são submetidos em suas práticas. O momento exige acolhimento, diálogo, escuta qualificada e acolhedora, estratégias que são favorecidas através das rodas de conversa e acesso às Práticas Integrativas Complementares. Buscando-se incentivar, motivar e oferecer ferramentas de baixo-custo para a realização do autocuidado.

Principal

Deilane da Silva Pinheiro

deilanepinheiro@bol.com.br

A prática foi aplicada em

RJ

Rio de Janeiro

Sudeste

Instituição

Paraíba do Sul

Uma organização do tipo

Outra

Foi cadastrada por

Deilane da Silva Pinheiro

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

04 dez 2015

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Ações intersetoriais: integrando estratégias no combate às arboviroses na cidade de Belém do Brejo da Cruz (PB)
Paraíba
Práticas
Re(h)abilitando a interdisciplinaridade e o cuidado na atenção primária à saúde
Paraíba
Práticas
A (in) visibilidade de quem está em situação de rua: caminhos possíveis para cuidado em saúde
Paraíba
Práticas
Do ambulatório LGBTQIAPNB+ ao Café com Diversidade: garantindo acesso e fortalecimento de vínculos
Paraíba
Práticas
Fato ou fake: utilizando a força da internet no combate a fake news sobre vacinação em Esperança – PB.
Paraíba
Práticas
Projeto saúde na feira: ampliando o acesso de serviços de saúde no município de Ingá.
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Promoção da saúde mental dos trabalhadores da estratégia de saúde da família: cuidando do cuidador.
Paraíba