Olá,

Visitante

A Universalidade do Acesso ao Serviço de ouvidoria do Hemocentro do Pará: Relatos de Experiências Exitosas

OBJETIVOOportunizar o cidadão os mais diversos canais de acesso à ouvidoria possibilitando sua participação ativa no avanço da qualidade dos serviços prestados pelo Hemocentro do ParáMETODOLOGIA Nesta abordagem adotaremos a observação de dados estatísticos, contextualizando os canais de acesso mais utilizados pelos usuários, e o quanto vem agregando valor para Instituição a partir da evolução e do envolvimento da sociedade nas ações estratégicas na melhoria continua na prestação de serviços do HEMOPA RESULTADO Destacamos para análise, a evolução dos canais de acesso mais utilizados pelos usuários no período de 2011 e 2012, assim como a contribuição destes para aumento da participação da sociedade, conforme apresentados nos gráficos 1 e 2.Na tabulação dos resultados constatamos que houve um aumento significativo do serviço 0800, haja vista que é disponibilizado gratuitamente a todo Estado do Pará, inclusive de telefonia móvel, visando o acesso universal a todas as camadas da sociedade paraense. Em 2011, 56% dos usuários utilizaram 0800, em 2012, 75%.Outra forma de acesso muito utilizado nos últimos dois anos é o ouvidoria online, permite ao usuário obter informações em tempo real sobre serviços, procedimentos e orientações, assim como registrarem suas opiniões. O HEMOPA é um dos Hemocentros do país a dispor deste serviço. Em 2011, 21% dos usuários utilizaram o acesso, em 2012, 15%.ATENDIMENTO ON-LINEFale agora com nossos atendentes da ouvidoria. É tudo online e em tempo real!Gráfico 1- Canais de acessos utilizados pelos usuários Fonte: Ouvidoria Gráfico 2 Evolução da Participação dos Usuários período 2010-2011-2012

A prestação de serviços de qualidade aliada à manutenção de canais ágeis e confiáveis para atenção aos usuários por parte das organizações constitui inegavelmente grande diferencial entre as instituições que fornecem serviços e produtos a população. É nesse contexto que se insere a ouvidoria, atuando para humanizar o relacionamento entre as partes e, ao mesmo tempo, buscando alternativas que possam, sem comprometer sua imparcialidade, auxiliar no processo de governança voltado para a ampliação da qualidade dos serviços ou produtos. O trabalho realizado pela Ouvidoria do Hemopa está diretamente relacionado com a melhoria de imagem da Fundação. Representa a voz do cidadão na organização, recomendando ações de melhorias, através de demandas positivas ou negativas e assim, fidelizando usuários e gerando valores que antes eram obtidos em pequenas e difusas interações com o cidadão.

Principal

Silvania Santos Ataide de Assunção

A prática foi aplicada em

Belém

Pará

Norte

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

N

Foi cadastrada por

Silvania Santos Ataide de Assunção

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Pré Conferências Locais de Saúde: “Um Exemplo de Democracia na Saúde de Porto Velho, Rondônia.#
Rondônia
Práticas
Conferências Municipais de Saúde: Importância do Apoio Matricial no Fortalecimento do Controle Social e Espaços de Gestão.
Paraíba
Práticas
Educação Popular em Saúde: Estratégia de Gestão Participativa
Ceará
Práticas
Implantação do Conselho Gestor
Bahia
Práticas
Os Avanços do Conselho Municipal de Saúde de Macau
Rio Grande do Norte
Práticas
Participação Comunitária na Estratégia Saúde da Família do Abapã no Município de Castro – Paraná
Paraná
Práticas
Espaços de Cidadania: a Implantação das ouvidorias Municipais na 18ª Região de Saúde do Estado do Ceará
Ceará
Práticas
Redefinição da Lei Regulamentar do Conselho Municipal de Saúde de Santa Maria de Jetibá-Es por Meio das Rodas de Educação Permanente.
Espírito Santo
Práticas
Ouvidoria: Um Caminho para Melhoria da Gestão.
Espírito Santo