Olá,

Visitante

A Universalidade do Acesso ao Serviço de ouvidoria do Hemocentro do Pará: Relatos de Experiências Exitosas

OBJETIVOOportunizar o cidadão os mais diversos canais de acesso à ouvidoria possibilitando sua participação ativa no avanço da qualidade dos serviços prestados pelo Hemocentro do ParáMETODOLOGIA Nesta abordagem adotaremos a observação de dados estatísticos, contextualizando os canais de acesso mais utilizados pelos usuários, e o quanto vem agregando valor para Instituição a partir da evolução e do envolvimento da sociedade nas ações estratégicas na melhoria continua na prestação de serviços do HEMOPA RESULTADO Destacamos para análise, a evolução dos canais de acesso mais utilizados pelos usuários no período de 2011 e 2012, assim como a contribuição destes para aumento da participação da sociedade, conforme apresentados nos gráficos 1 e 2.Na tabulação dos resultados constatamos que houve um aumento significativo do serviço 0800, haja vista que é disponibilizado gratuitamente a todo Estado do Pará, inclusive de telefonia móvel, visando o acesso universal a todas as camadas da sociedade paraense. Em 2011, 56% dos usuários utilizaram 0800, em 2012, 75%.Outra forma de acesso muito utilizado nos últimos dois anos é o ouvidoria online, permite ao usuário obter informações em tempo real sobre serviços, procedimentos e orientações, assim como registrarem suas opiniões. O HEMOPA é um dos Hemocentros do país a dispor deste serviço. Em 2011, 21% dos usuários utilizaram o acesso, em 2012, 15%.ATENDIMENTO ON-LINEFale agora com nossos atendentes da ouvidoria. É tudo online e em tempo real!Gráfico 1- Canais de acessos utilizados pelos usuários Fonte: Ouvidoria Gráfico 2 Evolução da Participação dos Usuários período 2010-2011-2012

A prestação de serviços de qualidade aliada à manutenção de canais ágeis e confiáveis para atenção aos usuários por parte das organizações constitui inegavelmente grande diferencial entre as instituições que fornecem serviços e produtos a população. É nesse contexto que se insere a ouvidoria, atuando para humanizar o relacionamento entre as partes e, ao mesmo tempo, buscando alternativas que possam, sem comprometer sua imparcialidade, auxiliar no processo de governança voltado para a ampliação da qualidade dos serviços ou produtos. O trabalho realizado pela Ouvidoria do Hemopa está diretamente relacionado com a melhoria de imagem da Fundação. Representa a voz do cidadão na organização, recomendando ações de melhorias, através de demandas positivas ou negativas e assim, fidelizando usuários e gerando valores que antes eram obtidos em pequenas e difusas interações com o cidadão.

Principal

Silvania Santos Ataide de Assunção

A prática foi aplicada em

Belém

Pará

Norte

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

N

Foi cadastrada por

Silvania Santos Ataide de Assunção

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

A prática foi cadastrada em

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Conselho itinerante:fortalecendo o controle social em Junco do Serido-PB
Paraíba
Práticas
Oficina de Culinária Afeto e Sabor
Paraíba
Práticas
Aproximando a Comunidade com a Gestão da Atenção Primária em Saúde
Rio de Janeiro
Práticas
Gestão Estratégica e Participativa no SUS: Implantando Novas Instâncias Deliberativas no Município Paulo Jacinto – Al
Alagoas
Práticas
Importância da Conferência Municipal de Saúde para o Fortalecimento da Participação da Comunidade na Defesa do SUS.
Paraíba
Práticas
Participação Popular na Estratégia Saúde da Família em Petrópolis-Rj
Rio de Janeiro
Práticas
Roda de Conversa com As Famílias: Cuidando de Quem Cuida
Rio de Janeiro
Práticas
Implantação de Colegiado Gestor nas Unidades de Saude da Família de Japeri-Rj
Rio de Janeiro
Práticas
Controle Social e Saúde do Trabalhador: a Experiência Regional do Conselho Gestor do Cerest- Pólo Duque de Caxias – Rj
Rio de Janeiro
Práticas
A Experiência do 1º Curso de Capacitação para Conselheiros de Saúde e Membros das Comissões Intersetoriais de Saúde do Trabalhador (Cists) Sobre a Temática da Saúde do Trabalhador do Cerest- Pólo Duqu
Rio de Janeiro