Olá,

Visitante

A Intersetorialidade como Estratégia para Alcance da Cobertura Vacinal

Categoria não especificada

O trabalho relata a experiência no processo de vacinação contra COVID-19 no município de Várzea Alegre/CE no período de 2021 e 2022. Buscou-se implementar estratégias para que a população apta a ser imunizada fosse alcançada de maneira rápida com apoio dos programas e equipamentos sociais existentes em todos os territórios. Através de um planejamento efetivo elaborado pelos profissionais que compõem a Rede de Frio, as equipes de vacinadores das UBS foram capacitadas sobre a importância da imunização, recebimento, acondicionamento e manuseio correto do imunobiológico e, não menos importante, a realização de educação em saúde da população no sentido de sensibilizá-los para adesão à vacina, combater as fake news e proteger as pessoas com o suporte dos Agentes Comunitários de Saúde, Escolas, Associações Comunitárias, Igrejas, Rádios, Rede de Esporte e Eventos Culturais. Com essa parceria foi possível atingir os objetivos de vacinar a população, mesmo nos locais de mais difícil acesso. Os desafios foram grandes mas, depois de dois anos, com o trabalho incansável das nossas equipes de vacinadores obtivemos sucesso em tudo que foi proposto a se fazer para salvar vidas.

Diante dos desafios enfrentados podemos citar a dificuldade de acesso nos territórios devido a uma extensão territorial grande e com áreas rurais de difícil acesso, principalmente no período chuvoso. O combate às fake news, onde a educação em saúde através dos ACS e mídias locais foi fundamental para adesão, mas que no início foi bem complicado pelo medo da população diante da doença e de uma vacina nova. Sistemas de informação com instabilidade e de difícil manuseio o que dificultou a prestação de contas das doses aplicadas.

Dentre as ações trabalhadas no período podemos instituir como estratégia permanente de alcance das metas a qualificação profissional continua dos vacinadores, o trabalho intersetorial com secretarias de governo e equipamentos sociais existentes no território, realizar mutirão de vacina abordando temáticas culturais para chamar a atenção e ter melhor adesão em todas as faixas etárias, fortalecer o Programa Saúde na Escola – PSE para trabalhar esse tema e outros de relevância na comunidade escolar.

Diante do exposto e do compromisso dos profissionais envolvidos visualizado no processo de trabalho nos últimos dois anos, as estratégias implementaras foram essenciais para alcançar os objetivos. Alguns desafios foram enfrentados e vencidos, o que nos tornou mais experientes e motivados a continuar com a missão que é promover saúde, prevenir doenças e salvar vidas e, ainda, através da vacina, houve significativa redução dos casos da doença, de internação e de óbitos e a população compreender na eficiência da vacina e apoiar as ações no território.

Principal

Ivo de Oliveira Leal

Coautores

Fabia Moreno de Almeida Lima, Nara Nathanny Bezerra Oliveira , Nara Lígia Gregório Fiuza, Maria Angelita Ferreira da Silva, Hélder Lima dos Santos, Horiana Acioly Jorge Andrade

A prática foi aplicada em

Região

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

A prática foi cadastrada em

23 dez 2023

e atualizada em

23 dez 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Gestar saudável – de 0 a 1000 dias
Paraíba
Práticas
Mapa territorial em saúde mental: instrumento exitoso do cuidado na atenção primária à saúde
Paraíba
Práticas
Implementação da estratégia Tenda da Imunização para aumento de coberturas vacinais
Todos os Estados (Nordeste), Paraíba
Práticas
Estratégias de imunização em município do interior da Paraíba resulta em 1º lugar no estado durante campanha de influenza 2024 : relato de experiência
Paraíba
Práticas
Mindfulness, uma estratégia para redução da ansiedade e manejo de peso
Rio Grande do Sul
Práticas
Teste: verificando o recurso de emissão de certificados
Todos os Estados (Sudeste)
Práticas
A importância do trabalho em rede para a efetivação da reinserção social aos dependentes químicos enquanto sujeitos de direitos: observações acerca do eixo reinserção social no Centro de Acolhimento e Atenção Integral Sobre Drogas do município de Cachoeiro de Itapemirim (ES)
Espírito Santo