Olá,

Visitante

A Estruturação da Assistência Farmacêutica no SUS Volta Redonda Como Estratégia do Protagonismo Farmacêutico no Cuidado e os Benefícios para a População.

Considerando as normativas vigentes, as oportunidades de captação de recursos, capacitação e o interesse político iniciou-se em 2017, na cidade de Volta Redonda, um grande processo de estruturação da Assistência Farmacêutica pública que resgata a premissa do profissional farmacêutico inserido no cuidado e como profissional estratégico para o serviço de saúde.Com a reforma administrativa municipal proposta pelo governo, foi possível oficializar a Assistência Farmacêutica no organograma de Secretaria Municipal de Saúde em um formato compatível com as atividades previstas para a profissão farmacêutica e as necessidades da população. O Departamento de Assistência Farmacêutica foi estruturado em dois eixos: Logística e Abastecimento Farmacêutico e Qualificação do Serviços Farmacêuticos.A desvinculação do abastecimento e do cuidado farmacêutico proporcionou uma janela de oportunidade para inserção dos serviços farmacêuticos no município de Volta Redonda, que iniciou com o grande processo de capacitação dos profissionais farmacêuticos no projeto Cuidado Farmacêutico no Sistema Único de Saúde (SUS) – Capacitação em Serviços do Conselho Federal de Farmácia. Estão inseridos neste 15 profissionais que ao final do curso estarão habilitados para trabalhar a revisão da farmacoterapia, a conciliação dos medicamentos, a avaliação e promoção da adesão terapêutica, ações de aconselhamento ao usuário e ações de acompanhamento dos resultados da farmacoterapia.Esse processo de inserção vai de encontro com as necessidades da população. Em pesquisa realizada na farmácia Municipal de Volta Redonda no dia 15/03/2018 com 115 pacientes, observou-se que 42% deixam de tomar medicamentos na hora certa, 66,7% confundem o horário de tomada dos medicamentos, 73,3% deixam de tomar seus medicamentos ao se sentirem melhor, 74,2% fazem uso de planta medicinal por conta própria, 68,8% já aumentou a dose do medicamento prescrito pelo médico, 69,4% já diminuiu a dose prescrita pelo médico, 75,3% já se automedicou, e 96,19% gostariam de um atendimento farmacêutico.No dia 04/05/2018, às vésperas do Dia Nacional do Uso Racional de Medicamentos, foi inaugurado o primeiro consultório farmacêutico da SMS Volta Redonda, anexo a Farmácia Municipal, que está atendendo, como projeto piloto, os pacientes portadores de diabetes mellitus insulino-dependentes , hipertensos, encaminhados pelos serviços de saúde e as demandas espontâneas. Após este grande passo, o objetivo da Coordenação de Qualificação do Serviços Farmacêuticos é ampliar este serviço para a atenção básica e assim cumprir o princípio de descentralização do SUS.As profundas mudanças do papel do farmacêutico na SMS de Volta Redonda está colocando a profissão farmacêutica no protagonismo do cuidado, impactando diretamente na dinâmica da equipe de saúde e na forma como esta carreira integra às práticas dos demais profissionais de saúde.

A garantia do direito constitucional à assistência farmacêutica no serviço público no cenário atual do SUS requer dos profissionais farmacêuticos e das Secretarias Municipais de Saúde um alto nível de capacidade técnica, administrativa e de resolutividade.O aumento do fenômeno da medicalização da sociedade, a relação assistência farmacêutica/ fornecimento de medicamentos e a visão social do direito a medicamentos, centralizou as atividades e competências farmacêuticas no Sistema Único de Saúde em atividades de apoio a saúde relacionadas a logísticas e abastecimento farmacêutico, proporcionando cada vez mais no uso irracional de medicamentos e erros relacionados a medicamentos.

Principal

Alan Costa Sombra

alan.sombra84@gmail.com

A prática foi aplicada em

Volta Redonda

Rio de Janeiro

Sudeste

Instituição

R. Quinhentos e Sessenta e Seis, 31 - Aterrado

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Alan Costa Sombra

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Comissão de Farmácia e Terapêutica
Santa Catarina
Práticas
Judicialização da Saúde – Um Retrato da Demanda de Medicamentos em Município de Médio Porte no Estado de São Paulo
São Paulo
Práticas
Farm@Pub – Sistema de Consulta e Localização de Medicamentos em Tempo Real na Rede de Farmácias Municipal.
Paraná
Práticas
Assistência Farmacêutica na Linha de Cuidado Aos Portadores de Hiv/Aids no Município de Rio Bonito/Rj
Rio de Janeiro
Práticas
Implantação de Estratégias para Uso Seguro de Medicamentos em Um Hospital Público Infantil no Estado do Paraná
Paraná
Práticas
Análise do Processo Que Visa a Informatização da Farmácia da Policlínica Central Municipal
Rio de Janeiro
Práticas
Coleta e descarte de medicamentos no município do Alto do Rodrigues (RN)
Rio Grande do Norte
Práticas
Capacitação dos Agentes Comunitários de Saúde do Município de Santa Maria de Jetibá para Promover o Uso Racional de Medicamento.
Espírito Santo
Práticas
Reestruturação e implantação do novo modelo de farmácia em unidade básica de saúde no município de Caruaru |(PE): relato de experiência
Pernambuco
Práticas
Projeto Farmácia Viva com Distribuição de Fitoterápicos Município de Gaspar – S.C
Santa Catarina
3 / 41234