Olá,

Visitante

A Construção Coletiva Virtual da Gestão Autônoma de Medicação em Tempos de Pandemia

O Guia de Gestão Autônoma da Medicação (GAM) é uma estratégia no campo da saúde mental de desenvolvimento de autonomia coletiva partindo do reconhecimento de que cada usuário tem uma experiência singular ao usar psicofármacos.Esse dispositivo acontece em grupo o que durante a pandemia tornou-se impossível. A partir da construção coletiva de usuários, técnicos, familiares e estudantes, tornamos possível a realização do grupo de forma virtual, reaproximando os usuários do cuidado apesar do distanciamento social necessário no contexto atual.

No contexto da pandemia o cuidado em saúde mental tornou-se mais restrito por conta da necessidade do distanciamento social, tendo impacto importante na estabilização dos usuários que, justamente nesse período, precisaram estar mais próximos de seus locais de tratamento. Tornou-se importante o desenvolvimento de estratégias tecnológicas a fim de facilitar a manutenção do vínculo e cuidado entre usuários e local de tratamento.

A estratégia GAM chama o usuário ao protagonismo, oportunizando o desenvolvimento de uma análise mais crítica em relação ao impacto do tratamento nos diferentes aspectos de suas vidas. Promove a autonomia coletiva, ampliando a rede de cuidado e a apropriação do território na dimensão não só da saúde mental, mas também da cidadania. Sendo assim, trata-se de um dispositivo muito potente na prática de cuidado psicossocial, podendo acontecer também de forma virtual. O guia Gestão autônoma de Medicação esncontra-se disponível na internet e há vários núcleos de pesquisa em universidades no Brasil como: Universidade de Campinas – UNICAMP, Universidade Federal Fluminense – UFF, Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ e Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS. A parceria com as universidades têm sido possível no processo de educação permanente.

Principal

Paula Azevedo Cruz da Silva

paulaazevedopsi@gmail.com

A prática foi aplicada em

Bahia

Nordeste

Instituição

Niterói

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Paula Azevedo Cruz da Silva

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

07 nov 2016

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Estruturação do cuidado em saúde mental de crianças e adolescentes vítimas de violência
Rio de Janeiro
Práticas
Estruturação da Rede de Cuidado para a Atenção às Crianças e Adolescentes com TEA e suas famílias
Rio de Janeiro
Práticas
O novo “habitar” das residências terapêuticas de Rio Bonito
Rio de Janeiro
Práticas
Matriciamento. Saúde Mental e Atenção Primária produzindo vida nos territórios onde a vida acontece.
Rio de Janeiro
Práticas
Acolhimento Qualificado na urgência hospitalar: integrando a saúde mental em volta redonda
Rio de Janeiro
Práticas
Oficina de jogos e desenho /CAPS AD
Rio de Janeiro
Práticas
EMBELEZE-SE: Diálogos sobre desigualdades, gênero, sexualidade e padrões de beleza
São Paulo