Olá,

Visitante

Fiocruz acompanha experiência do SUS de atenção à saúde indígena e publica capítulo de livro em português e guarani

Publicação realça em dois idiomas as demandas de saúde mental do povo indígena Guarani

Leitura: 3 minutos

Fiocruz é SUS: rodas de saberes, práticas compartilhadas é o novo livro da Plataforma IdeiaSUS da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A publicação apresenta cinco notáveis experiências do SUS, que foram acompanhadas durante um ano pela equipe da curadoria em saúde da IdeiaSUS Fiocruz. A grande novidade dessa publicação fica por conta de um capítulo inteiro traduzido para o Guarani sobre uma prática diferenciada de acolhimento das demandas de atenção à saúde mental dos povos indígenas do Distrito Sanitário Especial Indígena Interior Sul (Dsei Isul) do Polo Base de Araquari, em Santa Catarina (SC).

A escuta das demandas da população indígena resultou em um guia alimentar Guarani / Foto: IdeiaSUS Fiocruz na Aldeia Tarumã (SC)

A experiência nasce da aproximação e do diálogo entre profissionais de saúde da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) e a comunidade indígena, formada por 664 indígenas de 12 aldeias. Os profissionais observam que a alimentação tem forte influência sobre a saúde física, mental, emocional e espiritual dos indígenas. E, de forma inovadora, constroem conjuntamente um guia alimentar, trazendo os costumes e as tradições Guarani. O processo de elaboração do Cardápio Alimentar Guarani considerou, especialmente, a sua inclusão em ambientes hospitalares da região de saúde do Dsei Isul. A tradução do capítulo foi realizada pela comunidade da Aldeia Tarumã, pertencente ao Polo Base de Araquari, e estudantes da Escola Indígena de Ensino Fundamental Tupã Poty Nheé. Página do capítulo traduzido para o Guarani: Cardápio Alimentar Indígena

Fiocruz é SUS

A publicação da Fiocruz traz, ainda, mais quatro exitosas práticas de saúde do SUS. Uma sobre a implantação da Rede de Atenção e Prevenção ao Suicídio de Anastácio, em Mato Grosso do Sul. Uma experiência de enfrentamento da hanseníase, nascida no município de Pilar, em Alagoas, que lança mão de duas potentes estratégias: identificação de clusters, ou seja, de áreas consideradas de risco para a doença, permitindo uma análise fiel das ações de controle, bem como o diagnóstico precoce; e treinamento em serviço.

Uma estratégia de educação e promoção de direitos em Presidente Figueiredo, no Amazonas, que faz uso da educação permanente em saúde, por meio de oficinas, e da participação de usuários, profissionais e gestores de saúde na construção do Plano Municipal de Saúde, com apoio das conferências locais de saúde. E uma experiência de Santo André, em São Paulo, voltada para o cuidado à saúde de gestantes, usuárias de substâncias psicoativas, vivendo em situação de rua.

O novo livro será lançado na próxima sexta-feira, dia 1º de marco, às 10h, no Auditório do Museu da Vida, campus sede da Fiocruz no Rio de Janeiro, com transmissão simultânea pelo canal da VideoSaúde no YouTube (para assistir ao evento clique aqui).

Conheça também: Vozes da Saúde

As experiências destacadas nesta publicação são, também, contadas em cinco dos atuais 68 episódios de Vozes da Saúde, as experiências da IdeiaSUS, disponíveis no Youtube. A série, produzida pela Plataforma IdeiaSUS Fiocruz e a VideoSaúde Fiocruz, é um ponto de memória de práticas que refletem um sistema público de saúde diverso, potente e presente na vida de milhões de pessoas, espalhadas pelo Brasil.

A seguir, os episódios de Vozes da Saúde relativas às práticas apresentadas no novo livro da IdeiaSUS Fiocruz.

Identificação de Clusters e treinamento em serviço: estratégia para abordagem da hanseníase

Reduzindo danos e protegendo vidas: cuidado às gestantes em situação de rua

Equidade no SUS por meio da articulação regional: saúde mental indígena

Conferências locais de saúde: estratégias de educação permanente para o plano municipal de saúde

Implantação de rede de atenção e prevenção ao suicídio de Anastácio/MS: uma realidade possível

Por Katia Machado (Plataforma IdeiaSUS Fiocruz)

Gostou? Compartilhe clicando abaixo

Palavras-chave

Você pode se interessar também