Olá,

Visitante

Uso de Plantas Medicinais em Práticas Culinárias: uma Estratégia de Educação em Saúde

A Roda de Chá acontece mensalmente no Centro de Saúde Escola Geraldo de Paula Souza (CSEGPS), desde 2018, originada por um projeto de uma farmacêutica residente do programa Multiprofissional em Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS) da Secretária Municipal de Saúde. Atualmente, segue organizada por nutricionista, bióloga, estagiários de nutrição e residentes em PICS de diferentes formações, como: educação física, farmácia, biologia, nutrição, terapia ocupacional, tendo como cenário de prática o CSEGPS. A ação promove a soberania e segurança alimentar por meio da demonstração do uso correto das plantas medicinais e de receitas culinárias, alguns exemplos são suchá de camomila com hortelã e capim-limão, pesto de ora-pro-nóbis, chá calmante, creme de mandioquinha com canela e temperos naturais com ervas frescas e secas, contribuindo para ampliar o repertório alimentar e o uso de plantas medicinais na alimentação. As receitas são escolhidas e testadas pela equipe de acordo com o tema que será trabalhado na Roda de Chá usando plantas e seus efeitos fitoterápicos e alimentos que podem agregar valor nutricional e auxiliar no cuidado com a saúde.

Devido às restrições impostas pela pandemia de COVID-19, a partir de maio de 2020, a ação que antes era presencial, passou a ser realizada na forma de lives com transmissão ao vivo e publicações destinadas aos usuários do serviço de saúde e seguidores das contas @crnutri e @picscsegps no Instagram com recursos materiais cedidos pelo Centro de Saúde e pela Prefeitura de São Paulo.

Como recomendação, é importante escutar os usuários do serviço e entender as suas dores e sofrimentos, buscar outros recursos para possibilitar interações e atividades que foram presencialmente, suspensas. Converse sobre cultura, práticas culinárias, hortas comunitárias e caseiras e conheça o seu território de atuação, é muito importante que tenhamos profissionais de saúde atuando em canais de comunicação e promovendo saúde à população.

Principal

Priscila Santana Oliveira

priscilasoliveira@live.com

A prática foi aplicada em

São Paulo

São Paulo

Sudeste

Instituição

Av. Dr. Arnaldo, 925 - Sumaré, São Paulo

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Priscila Santana Oliveira

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Incluir e apreender: parceria entre saúde e educação no acompanhamento multidisciplinar de escolares com necessidades especiais
Paraíba
Práticas
A educação permanente dos profissionais de enfermagem como estratégia no enfrentamento à dengue
Paraíba
Práticas
Oficina de atualizacao dos cadastros para melhoria da cobertura vacinal em Junco do Serido-PB
Paraíba
Práticas
Educação em gênero no SUS e a proteção integral à mulher em situação de violência na atenção primária
Paraíba
Práticas
Era uma vez, apresentando uma história de cuidado e amor – a importância da educação vacinal desde o berço
Paraíba
Práticas
Estratégia de comunicação pública voltada à saúde no ambiente digital em Campina Grande
Paraíba