Olá,

Visitante

Saude ribeirinha avançando com parcerias

DINÂMICA E ESTRATÉGIAS DOS PROCEDIMENTOS USADOS: Viagem via barco (fluvial) mensal para comunidades da zona rural sendo dividida por área, aqui determinada de Alto, Médio e Baixo Rio Manacapuru, pois temos 58 comunidades/ localidades. Nossa metodologia de trabalho e prestar atendimento no barco ou diretamente na comunidade onde temos ponto de apoio (posto de saúde), ou até mesmo levando à equipe de saúde as comunidades mais distantes, utilizando lanchas com motor HP 115.INDICADORES/VARIÁVEIS/COLETA DE DADOS:Diminuição da demanda ribeirinha em atendimento (médico, enfermagem) na zona urbana

Em vivência pelas comunidades ribeirinhas do município de Caapiranga percebe-se o avanço da saúde através do SUS no qual temos a oportunidade de proporcionar uma “saúde mais perto da comunidade”, não pelo fato de ser mais carente, mas sim por merecer um olhar diferenciado com atitudes que proporcionam bem estar e qualidade de vida através de simples gestos, como prestar atenção à saúde qualificada, seja através de consultas médicas, palestras, vacinação, equipe do NASF, consultas de enfermagem ou odontológicas, ou simplesmente ouvir os comunitários e tentar proporcionar soluções para problemas de saúde que ora parecem impossíveis. Visando com isso uma aproximação do usuário com a equipe melhorando a qualidade da atenção básica no âmbito do município, seja em zona rural ou zona urbana, pois nosso objetivo e intensificar a qualidade da atenção a saúde as comunidades ribeirinhas por meio de parcerias com instituições religiosas, cito aqui Projeto Amar, Adria, Asas do Socorro que também proporcionam atendimento médico, odontológico, enfermagem, buscando com isso o bem estar da população caapiranguese.

Capacitar comunitários para desenvolver ações em saúde com simples intuito de trabalhar orientação, prevenção, evitando com isso o processo saúde – doença. Ainda é possível ofertar uma saúde com Universalidade, Equidade e Integralidade da atenção à saúde mesmo com poucos recursos humanos ou materiais, visto que objetivo principal e proporcionar bem-estar a saúde, visando melhorias na qualidade de vida do usuário e da família, em locais de difícil acesso como as comunidades da zona rural do município de Caapiranga.

Principal

Renata Ribeiro P de Moraes

A prática foi aplicada em

Caapiranga

Amazonas

Norte

Esta prática está vinculada a

RUA COUTO VALE, 512 - CENTRO

Uma organização do tipo

Instituição Pública

Foi cadastrada por

Renata Ribeiro P de Moraes

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

02 nov 2020

e atualizada em

28 maio 2024

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Ambulatório de Transexualização do Município de Niterói – Desafios a Serem Vencidos
Amazonas
Práticas
Implantação do Núcleo de Apoio À Saúde da Família no Município de Niterói: Um Relato de Experiência
Rio de Janeiro
Práticas
Prevalência de Lesões Precursoras de Baixo e Alto Risco para o Câncer de Colo de Útero em Mulheres de uma Comunidade Morro do Estado Situada no Município de Niterói.
Rio de Janeiro
Práticas
Experiência do Projeto Horta Viva Como Promotor da Alimentação Saudável no Idoso
Rio de Janeiro
Práticas
Estratégia de Mapeamento e Cadastramento para Diagnóstico Situacional da Estratégia de Saúde da Família Cláudio Ribeiro
Amazonas
Práticas
Implementação do Pré-Natal do Parceiro na Atenção Básica no Município de Quissamã/Rj
Rio de Janeiro
Práticas
Testagem Rápida de Hiv, Sífilis e Hepatites B e C para Gestantes e Parcerias Sexuais na Atenção Básica.
Rio de Janeiro
Práticas
Atenção ao Idoso em Processo de Fragilização: uma Proposta de Intervenção no Município de Rio das ostras
Rio de Janeiro
Práticas
Programa Remédio em Casa
Rio de Janeiro
Práticas
A Criação de Banco de Dados Georreferenciado de Domicílios e Indivíduos Como Forma de Estruturação das Ações da Atenção Básica e Atualização do Banco do ESUS.
Rio de Janeiro