Olá,

Visitante

Samuzinho em São Luís: Ações Educativas para Alunos da Rede Pública de Ensino.

ObjetivoObjetivo Geral Demonstrar as ações educativas para alunos da rede pública de ensino orientando sobre cidadania, responsabilização e aprendendo a realizar treinamento em situações em urgência e emergência em São Luís/MA. MetodologiaAs ações educativas realizadas aproximam a comunidade ao serviço do SAMU, o relato é descritivo e explicativo, com abordagens qualitativas e quantitativas, as atividades são voltadas para crianças e professores do 6º ao 9º ano do ensino público. Aplicação metodológica do programa nas escolas da rede pública de ensino consiste em: – Trabalhar a conscientização (equipe multidisciplinar) do público alvo através de palestras educativas nas escolas, onde são abordados temas previamente escolhidos sobre o SAMU 192 de maneira geral (o que é, como funciona, como são as ambulâncias, quando acionar, orientações telefônicas, como os trotes prejudicam o serviço, etc.).

O programa Samuzinho em São Luís teve a iniciativa de esclarecer as crianças e professores do 6º ao 9º ano de como funciona o atendimento realizado pelo SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e quando se deve acioná-lo. Pretende-se assim desenvolver o senso de responsabilidade e de cidadania formando multiplicadores desse conhecimento. A população, de maneira geral, não sabe de fato, qual é o tipo de atendimento que o SAMU realiza, e não sabe diferenciar os casos de urgência e emergência de outras situações, acionando o 192 para todos os casos, dificultando a rapidez nos casos realmente necessários.Relacionada a esta problemática está a situação dos falsos avisos (trotes), que deslocam ambulâncias de forma desnecessária para determinados locais, desviando-as assim de pacientes que realmente necessitam. O Núcleo de Educação em Urgência é o Setor do SAMU regulamentado pela Portaria GM nº 2.048, organizado como espaço de formação institucional, capacitação e educação.

Tendo em vista a importância do SAMU 192 para a comunidade escolar e sociedade de um modo geral, o programa visa esclarecer sobre o funcionamento e contribuir com o conhecimento em relação a práticas e manobras básicas em urgência e emergência, voltadas as crianças e aos professores do 6º ao 9º ano dentro das escolas, assim, divulgou o trabalho do SAMU 192, conscientizou a população sobre os tipos de atendimentos realizados pelo SAMU 192.

Principal

Carla Priscila Mendes Barros

A prática foi aplicada em

Maranhão

Nordeste

Instituição

São Luís

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Ideiasus/Fiocruz, Conasems

Conta vinculada

emanoel.filho@fiocruz.br

08 ago 2016

e atualizada em

22 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
de Bem com a Vida”: Experiência do Grupo de Manejo da Ansiedade da Uaps Jardim Paraíso no Município de Patos de Minas
Pará
Práticas
Artesanato Como Prática de Promoção em Saúde Mental.
Rio de Janeiro
Práticas
Utilização do Lúdico Como Estratégia de Favorecimento do Atendimento e Vínculo com o Paciente odontopediátrico na Estratégia de Saúde da Família.
Espírito Santo
Práticas
Escola de Postura: Prevenção da Lombalgia, Através da Motivação da Prática Corporal, Contribuindo para a Melhoria da Qualidade de Vida dos Usuários de Irecê, Bahia.
Bahia
Práticas
Oficina de Culinária Kids: uma Ferramenta para Despertar a Alimentação Saudável das Crianças do Programa Saúde na Escola.
Bahia
Práticas
Isaba Kiambote [Bem Vinda a Folha]
Rio de Janeiro
Práticas
Ultrapassando Barreiras: o Acesso a Saúde no Sistema Prisional.
Santa Catarina
Práticas
Consultório na Rua e a Potência do Cuidado no Território: Produção de Afetos e Encontros
Alagoas
Práticas
Clube da Papinha: uma Estratégia de Adequação Nutricional e Promoção da Alimentação Complementar Saudável no Município de Timbaúba-Pe.
Paraíba
Práticas
Impacto do Programa Antitabagismo no Munícipio de São José da Lagoa Tapada – Pb
Paraíba