Olá,

Visitante

Pais Como Co-Terapeuta das Crianças Assistidas no Programa de Atenção a Saúde Mental – Paps

O PROACEFO (Projeto Assessoria e Consultoria Fonoaudiológica na Escola: A Interface da Saúde e a Educação) foi criado com o intuito de contribuir para o desenvolvimento integral dos estudantes, formação dos educadores e promover qualidade de vida, estabelecendo-se uma interligação entre a saúde e a escola. Através de uma parceria entre as Secretarias de Saúde e de Educação, o PROACEFO trata da realização de ações na promoção, prevenção e atenção à saúde tanto para os estudantes quanto para os educadores, nas áreas da Fonoaudiologia e afins como Nutrição, Psicologia e Fisioterapia, contando-se com o apoio dessas especialidades quando necessário.O projeto é organizado em quatro visitas mensais, uma por semana, em dias pré-estabelecidos na escola, durante o período de 6 meses em cada instituição como um projeto piloto. Inicialmente é traçado o diagnóstico institucional através da aplicação de um questionário para ser delineado o perfil da escola.O fonoaudiólogo realiza uma visita semanal para a execução das propostas pré-programadas de assessoria e consultoria:Visita 1: Oficinas de capacitações para professores, selecionando temas pertinentes para suas atuações profissionais como Educação Inclusiva, Distúrbios da Linguagem Escrita, Dislexia, TDAH, Bullying, Rendimento e Fracasso Escolar, Saúde Auditiva. Visita 2: Oficinas de saúde vocal para os professores. Visita 3: Adaptações e orientações sobre a dinâmica da sala de aula, sugestões de atividades, adaptações físicas e pedagógicas necessárias frente à presença de aluno com dificuldade específica, distúrbio ou patologia, além da realização de estudo de caso. Visita 4: Oficinas para alunos e/ou pais. Essas atividades serão de caráter educativo, através de propostas práticas como de estimulação das habilidades cognitivas, linguagem escrita e oral, audição, voz, motricidade orofacial, sensoriais, afetivas, atividades em saúde na promoção e prevenção.

O PROACEFO (Projeto Assessoria e Consultoria Fonoaudiológica na Escola: A Interface da Saúde e a Educação) foi criado com o intuito de contribuir para o desenvolvimento integral dos estudantes, formação dos educadores e promover qualidade de vida, estabelecendo-se uma interligação entre a saúde e a escola.

A escola quando está disposta a acolher um projeto e usufruir dele, no papel da direção, coordenação e educadores, conseguem obter melhores resultados e ganhos, garantindo não apenas a formação dos alunos, mas possibilitando o estabelecimento de um ambiente saudável e motivado.O projeto pode ser desdobrado e atingir um nível global de saúde, em que não será apenas um fonoaudiólogo o responsável técnico pela escola, mas uma equipe multidisciplinar com um representante de cada especialidade. O trabalho ainda pode ser estendido e ser ofertado um Centro de Apoio à Escola.

Principal

Taisa Ribeiro Lopes

taisalopes@hotmail.com

A prática foi aplicada em

Madre de Deus

Bahia

Nordeste

Instituição

Av. Rodolfo de Queiroz Filho, 94 - Centro

Uma organização do tipo

Foi cadastrada por

Taisa Ribeiro Lopes

Conta vinculada

04 nov 2018

e atualizada em

14 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Os Desafios de Construir Caminhos para Desistitucionalização Sem a Totalidade dos Dispositivos Substitutivos Apropriados, Considerando a Cultura Manicomial dos Atores Envolvidos.
Rio de Janeiro
Práticas
de Perto Quem é Normal? Um Diálogo Coletivo e Integrado Sobre a Saúde Mental no Município de Tanhaçu-Ba: Todos em Defesa da Luta Antimanicomial!
Bahia
Práticas
Estratégias de Prevenção e Promoção da Saúde Mental dos Usuários do SUS na Atenção Básica no Município de Patos-Pb À Luz da Campanha Janeiro Branco
Paraíba
Práticas
Cuidando do Cuidador – Apoio Psicossocial Às Equipes de Saúde da Família
Bahia
Práticas
O Serviço de Atenção À Infância e Juventude: Um olhar Multidisciplinar no Cuidado em Saúde Mental ao Público Infantojuvenil
Rio de Janeiro
Práticas
A Saúde Mental Como Campo de Atuação da Terapia Comunitária Integrativa: o Fortalecimento do Acolhimento Aos Sofrimentos no Caps.
Rio de Janeiro
Práticas
Projeto João de Barro (Moradia Assistida)
Rio de Janeiro
Práticas
Matriciamento Judiciário: Articulação Setorial a Serviço da Eficiência
Rio de Janeiro
Práticas
da Medicalização À Vida no Território.
Rio de Janeiro