Olá,

Visitante

Organização do Sistema Loco-Regional das Pacientes com SUSpeita de Câncer de Mama no Hospital Regional de Cotia

Nos casos de classificação BIRADS 4 e 5, o aumento do tempo entre a detecção e o tratamento pode aumentar as taxas de mortalidade. Metodologia: Objetivando prestar um atendimento humanizado às pacientes e aumentar a efetividade do diagnóstico dos achados suspeitos ou altamente suspeitos, foi implantado um fluxo de encaminhamento com a proposta de direcionar 100% das pacientes diagnosticadas com classificação Birads 4 e 5 a um serviço de especializado em oncologia.Para a elaboração e revisão dos processos de trabalho foi necessária a integração do Serviço de Diagnóstico por Imagem do Hospital Regional de Cotia com a Rede Básica de Saúde de Cotia e Vargem Grande Paulista, por meio de suas Secretarias Municipais de Saúde para pactuação do fluxo de encaminhamento. Esse processo foi precedido de um trabalho articulado e integrado com diferentes setores do HRC a partir de uma prática transversal.

Governança e Regionalização em Saúde Objetivo: Assegurar que as pacientes com achados mamográficos altamente suspeitos sejam encaminhadas a um serviço especializado em oncologia para complementação diagnóstica e possível tratamento. Justificativa: A oferta de mamografia como Screening para diagnóstico de câncer da mama é importante para o tratamento precoce e consequente melhoria da sobrevida das pacientes.

Principal

Magno Pereira da Cruz

A prática foi aplicada em

Cotia

São Paulo

Sudeste

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Magno Pereira da Cruz

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Pré Conferências Locais de Saúde: “Um Exemplo de Democracia na Saúde de Porto Velho, Rondônia.#
Rondônia
Práticas
Conferências Municipais de Saúde: Importância do Apoio Matricial no Fortalecimento do Controle Social e Espaços de Gestão.
Paraíba
Práticas
Educação Popular em Saúde: Estratégia de Gestão Participativa
Ceará
Práticas
Implantação do Conselho Gestor
Bahia
Práticas
Os Avanços do Conselho Municipal de Saúde de Macau
Rio Grande do Norte
Práticas
Participação Comunitária na Estratégia Saúde da Família do Abapã no Município de Castro – Paraná
Paraná
Práticas
Espaços de Cidadania: a Implantação das ouvidorias Municipais na 18ª Região de Saúde do Estado do Ceará
Ceará
Práticas
Redefinição da Lei Regulamentar do Conselho Municipal de Saúde de Santa Maria de Jetibá-Es por Meio das Rodas de Educação Permanente.
Espírito Santo
Práticas
Ouvidoria: Um Caminho para Melhoria da Gestão.
Espírito Santo