Olá,

Visitante

Oficinas de Cooperação Horizontal como Estratégia de Abordagem de Equipes de Saúde de Maceió para A Reorganização do Processo de Trabalho

as informações disponíveis acerca da atuação das equipes de saúde na rede básica de Maceió são frágeis e dizem pouco sobre a atuação dessas equipes, mais ainda quando se sabe da precariedade estrutural a interferir no processo de trabalho, dependente de suporte administrativo, adequação de estrutura e organização das ações. Enfrentar o desafio de repensar a prática local exigiu da Coordenação Municipal da Atenção Básica uma abordagem diferenciada dessas equipes mediante oficinas de cooperação horizontal, entendendo-as como oportunidades potencializadoras da reflexão, do aprendizado e da transformação dos processos de trabalho, valorizando a comunicação com a equipe e dentro da equipe, a participação na produção e apropriação coletiva de protocolos clínicos e organizacionais, do uso da informação para refletir sobre a prática e para subsidiar o monitoramento e avaliação do processo e de resultados.

Geral: Contribuir para a reorganização do processo de trabalho nas unidades básicas de Maceió. Específicos: Promover oficinas de cooperação horizontal referenciadas em um novo olhar sobre o território Disseminar conhecimentos e práticas, com apropr as oficinas de cooperação horizontal, realizadas no VI Distrito Sanitário, trataram no 1º momento de aspectos da Política de Atenção Básica, destacando a diretriz da territorialização e a análise de dados do e-SUS. No 2º momento o território foi apresentado por cada Agente Comunitário, abrangendo informações sociodemográficas e condições de saúde da população. o 3º momento teve enfoque em pontos relevantes do território articulados a políticas, programas e ações específicas, oportunizando a discussão de outras diretrizes, como a longitudinalidade e coordenação do cuidado, e a ordenação da rede. Também foram realizados encontros com os ACS para discutir suas atribuições e com os enfermeiros para discutir o remapeamento das equipes.

Mobilização das equipes para o remapeamento das microáreas, fortalecendo a percepção da dinamicidade do território como algo vivo que deve continuamente ser revisitado • Melhoria da qualidade dos registros no e-SUS, valorizando-os enquanto representação do trabalho desenvolvido pelos profissionais, estimulando a equipe a colocar um olhar crítico sobre os seus próprios registros. Identificação de problemas e articulação com a rede de serviços, políticas, programas e ações, contribuindo para a gestão do cuidado • Valorização do processo de trabalho como estratégia para qualificação dos serviços prestados à comunidade.A experiência foi fundamental para o fortalecimento da integração entre a Coordenação da Atenção Primária na SMS e as equipes da Atenção Básica, alcançando numa primeira etapa as equipes da Estratégia Saúde da Família. Também foi importante uma maior apropriação do sistema de informação e-SUS como ferramenta de monitoramento do trabalho das equipes e ampliação do acesso a informações por meio de manuais, notas e informes técnicos produzidos pela Secretaria Municipal de Saúde de Maceió.

Principal

Ednalva Maria De Araújo Silva

edy2005silva@gmail.com

Coautores

Cristina Maria Vieira Da Rocha, Joice Fragoso Oliveira De Araújo,

A prática foi aplicada em

Maceió

Alagoas

Nordeste

Instituição

Av. Pio Xii, 401, Jatiúca – Maceió/Al. Cep: 57035-560

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

José Thomaz Da Silva Nonô Netto

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

23 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
TEA/TDAH: inclusão sem discriminação
Paraíba
Práticas
Visita de luto – uma atitude humanizada
Rio de Janeiro
Práticas
Vacinação Sem Barreiras: um Grande Desafio
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Vacinação: Estratégias para o Aumento da Cobertura Vacinal no Município de Barrolândia – TO
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Plano de Recuperação do Faturamento Ses/Df
Distrito Federal
Práticas
Sala de Situação Ses-Df
Distrito Federal
Práticas
Rede Inovases
Distrito Federal
Práticas
Diagnóstico de Atendimento da População Hipertensa/Diabética da Equipe 474/06
Distrito Federal