Olá,

Visitante

Incorporando a Tecnologia Web nas Práticas de Monitoramento e Avaliação a Partir dos Instrumentos Básicos de Planejamento do SUS e dos Compromissos Assumidos com o Coap

Os instrumentos básicos de gestão do SUS (Plano Municipal, Programação Anual e Relatório de Gestão), devem efetivamente propiciar um processo contínuo de planejamento e de aperfeiçoamento da gestão e das ações e serviços prestados no SUS. Para tanto, se faz necessário que o monitoramento e a avaliação sejam processos contínuos, permanentes, suficientes e essenciais para a orientação de processos de implantação, consolidação e de reformulação das práticas de saúde. A gestão, as questões organizacionais, os processos, os produtos e não somente os resultados e impactos, são dimensões passíveis de avaliação no âmbito do SUS. Metodologias e instrumentais com este propósito vem sendo trabalhados e disponibilizados para uso dos gestores da Secretaria Municipal de Saúde Pública -SESAU, como a ferramenta tecnológica web denominada de Sistema de Apoio ao Monitoramento da Programação Anual de Saúde SCAM, idealizada pela Coordenadoria de Monitoramento e Avaliação da SESAU e desenvolvida pelo Instituto Municipal de Tecnologia da Informação IMTI.

A implantação de mecanismos de análise como instrumento essencial de governo é um dos desafios do serviço público. Sendo assim, quando se parte da idéia de que a própria avaliação não é ainda uma cultura incorporada, percebe-se que a instauração de um sistema de monitoramento, que faz parte da avaliação, impõe desafios ainda maiores.

Principal

Andrea Lucia Dornelles Furtado

A prática foi aplicada em

Campo Grande

Mato Grosso do Sul

Centro-Oeste

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Andrea Lucia Dornelles Furtado

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Oficina de Culinária Afeto e Sabor
Paraíba
Práticas
Aproximando a Comunidade com a Gestão da Atenção Primária em Saúde
Rio de Janeiro
Práticas
Gestão Estratégica e Participativa no SUS: Implantando Novas Instâncias Deliberativas no Município Paulo Jacinto – Al
Alagoas
Práticas
Visita Domiciliar ao Usuário do SUS com Demanda Judicial
Ceará
Práticas
Importância da Conferência Municipal de Saúde para o Fortalecimento da Participação da Comunidade na Defesa do SUS.
Paraíba
Práticas
Participação Popular na Estratégia Saúde da Família em Petrópolis-Rj
Rio de Janeiro
Práticas
Roda de Conversa com As Famílias: Cuidando de Quem Cuida
Rio de Janeiro
Práticas
Implantação de Colegiado Gestor nas Unidades de Saude da Família de Japeri-Rj
Rio de Janeiro
Práticas
Controle Social e Saúde do Trabalhador: a Experiência Regional do Conselho Gestor do Cerest- Pólo Duque de Caxias – Rj
Rio de Janeiro
Práticas
A Experiência do 1º Curso de Capacitação para Conselheiros de Saúde e Membros das Comissões Intersetoriais de Saúde do Trabalhador (Cists) Sobre a Temática da Saúde do Trabalhador do Cerest- Pólo Duqu
Rio de Janeiro