Olá,

Visitante

Incidência de Casos de Leishmaniose Tegumentar Americana no Município de Pilões

O presente trabalho aborda a incidência de casos de Leishmaniose tegumentar americana no Município de Pilões, A leishmaniose é considerada um problema de saúde publica, pela Secretaria de Vigilância em Saúde, sendo seu controle dificultado pela diversidade de agentes tais como de reservatórios e de vetores que apresentam diferentes padrões de transmissão, tendo sua propagação eminentemente ligada às interferências nos ecossistemas, afetando regiões com desvantagens socioeconômicas, nas quais estão inclusos o Norte e o Nordeste do país. Neste contexto, a biotecnologia tem atuado no que tangem as inovações para o tratamento dessa patologia, porém, diversas são as particularidades dos pacientes acometidos por ela o que dificulta a atuação medicamentosa e a eficácia no tratamento, exigindo mais esforços por parte de todos os envolvidos no clico de existência da leishmaniose. A LTA é definida como uma zoonose, sendo que atualmente ela pode sedetectada tanto no ambiente silvestre quanto periurbano. De maneira geral, as zoonoses podem ser classificadas de acordo com o ecossistema no qual se apresentam. Este trabalho se justifica pela dificuldade enfrentada no controle de vetores transmissores. A elaboração do presente trabalho refletirá em aprendizado pra toda equipe e em beneficio em relação à diminuição do adoecimento da população, sendo assim, o êxito das estratégias contra as doenças endêmicas que, em geral, ocorrem em áreas de pobreza e de subdesenvolvimento, dependem basicamente da disponibilidade de recursos econômicos e, necessariamente, do conhecimento das competências e atitudes da população diante do problema mórbido sendo de grande relevância a participação efetiva nas ações a participação comunitária ativa e permanente é a chave para a execução, consolidação e vigilância das ações de controle de vetores.

Propor um plano de intervenção para enfrentamento do vetor (mosquito flebótomo) no Município de Pilões, como uma possível contribuição no controle e incidência da doença.

Principal

Regina Coeli de Araujo Felix

rgn.araujo2@gmail.com

A prática foi aplicada em

Pilões

Paraíba

Nordeste

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Ideiasus/Conasems

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Estudo das infecções do trato urinário na população de Queimadas (PB) atendida pelo SUS
Paraíba
Práticas
VIVER BEM É SER SAUDÁVEL: ACOMPANHAMENTO DE PORTADORES DE DOENÇAS CRÔNICAS NÃO-TRANSMISSIVEIS
Paraíba
Práticas
Vigilância Epidemiológica: relato de experiência sobre a operacionalização do trabalho no município de Quatis
Rio de Janeiro
Práticas
Vacinação antirrábica animal itinerante – a vigilância ambiental em saúde vai até você!
Rio de Janeiro
Práticas
Estratégia de rodízio para ampliação do acesso da população às vacinas com apresentação multidoses
Rio de Janeiro
Práticas
Projeto agrotóxicos: Um olhar consciente
Paraíba