Olá,

Visitante

Formação em Diabetes para Profissionais da Educação de Blumenau/Sc

O projeto de extensão Doce Alegria e o Programa de Pós-Graduação de Saúde Coletiva da Universidade Regional de Blumenau propõem uma formação em diabetes para profissionais da rede de ensino do município de Blumenau-SC. Os conteúdos estão organizados em três módulos: a) conhecendo o diabetes

O Diabetes Mellitus tipo 1 é a forma mais frequente de diabetes em crianças e adolescentes. Seu tratamento inclui múltiplas intervenções que exigem apoio ao cuidado. Por passarem uma parte significativa do dia na escola, as ações intersetoriais, neste caso, saúde e educação, são imprescindíveis para o apoio desta condição de saúde durante o horário escolar. No entanto, profissionais da educação tem pouco ou nenhum preparo para apoiar o gerenciamento do diabetes. Nesse contexto, a integração ensino-serviço e a Educação Permanente em Saúde são ferramentas de transformação de práticas profissionais.

A presente proposta de formação em diabetes propõe solucionar uma demanda social encontrada na prática da extensão universitária e na literatura científica por meio da qualificação do apoio ao cuidado de crianças e adolescentes com DM1 no contexto escolar. Dessa forma, as ferramentas de ensino aprendizagem desenvolvidas a partir da formação contribuem na redução e prevenção de complicações agudas e crônicas decorrentes da falta de gerenciamento do DM1 em horário escolar, refletindo na redução de custos para o sistema público de saúde. O projeto também repercute sobre a promoção do crescimento e desenvolvimento pleno de crianças e adolescentes com DM1 e a promoção da aprendizagem e desempenho ideal, o que reflete, a curto e longo prazo, na trajetória pessoal e profissional de crianças e adolescentes com DM1. A presente proposta tem impacto relevante ao contribuir para a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Criança, o Programa Saúde na Escola e a Política Nacional de Educação Permanente em Saúde. Também vai de encontro com o terceiro objetivo do ODS, Saúde e Bem-Estar que busca a garantia do acesso à saúde e promoção do bem-estar através de ações intersetoriais, com meta estabelecida para reduzir a mortalidade prematura por Doenças Crônicas Não Transmissíveis através da promoção de saúde, prevenção e tratamento.

Principal

Maira dos Santos

nutri.mairasantos@gmail.com

A prática foi aplicada em

Rio Grande do Sul

Sul

Instituição

Blumenau

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Maira dos Santos

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
PROJETO PRIMEIROS SOCORROS E PREVENÇÃO DE ACIDENTES NAS ESCOLAS – LEI LUCAS
Rio de Janeiro
Práticas
Consciência Vacinal: fortalecendo as estratégias e combatendo a desinformação para o cumprimento do calendário de vacinação de crianças no município de São Francisco-PB.
Paraíba
Práticas
Dengue: uma abordagem além do combate ao vetor nos centros de educação infantil
Rio de Janeiro
Práticas
Imunização na Zona Rural, em áreas de difícil acesso: Projeto Vacina Volante
Maranhão
Práticas
A importância da equipe multidisciplinar no tratamento e no cotidiano dos pacientes com Fibromialgia de Itatiaia-RJ
Rio de Janeiro
Práticas
Promoção de saúde e objetivos de desenvolvimento sustentável a partir da horta comunitária da Unidade Básica de Saúde (UBS) Nova Bonsucesso – Guarulhos
São Paulo
Práticas
Reorganização da atenção à saúde de Nova Guataporanga
São Paulo
Práticas
Na rua por eles e elas na promoção e prevenção
Rio Grande do Sul