Olá,

Visitante

Estratégias para Melhoria do Acesso às Ações de Imunização e Manutenção da Cobertura Vacinal em Crianças Menores de 2 Anos no Município de Sarzedo (MG)

Categoria não especificada

O programa nacional de imunização do Brasil, e referência mundial e tem contribuído sobre maneira para redução da morbimortalidade, por meio da incorporação de diversas vacinas no calendário do Sistema Único de Saúde (SUS). No entanto, nos últimos anos proporção de municípios com cobertura vacinal adequado tem diminuído, colocando em risco a saúde da população especialmente, os menores de 2 anos. Vários estudos revenderiam que a diminuição da cobertura vacinal do país e consequências da interrelação de diversos fatores, dentro os quais se destacam em modelo de atenção a saúde prevalente e a falta de integração entre a atenção primaria a saúde e as ações de vigilância, prevenção e promoção a saúde (que nem sempre privilegia a quantidade do cuidado).

Embora o município de Sarzedo tem se esforçado a cada dia para alcance de coberturas vacinais, encontramos vários desafios e problemas a serem resolvidos, como por exemplo a migração de doses do sistema próprio para o sistema do Ministério, a educação permanente na importância da vacinação para os pais que são contra a vacina.

Estratégias desenvolvidas no município de Sarzedo para o aumento da cobertura vacinal, diagnostico situacional / com levantamento da população a ser vacinada / educação continuada nas UBS sobre o calendário vacinal, mensalmente para os ACS / educação continuada para técnicas de enfermagem da sala de vacina com avaliação das coberturas junto a coordenação / implantação do arquivo rotativo, cartão espelho na sala de vacina para os menores de 2 anos / busca ativa dos faltosos por meio do cartão espelho com parceria do Conselho do Tutelar / parceria com a Secretaria Municipal de Educação para vacinação nas escolas.

As estratégias de intervenção permitiram resgatar os não vacinados, outro aspecto importante para vacinação em Sarzedo foi realizado as capacitações dos ACS, Técnicos de Enfermagem e os Enfermeiros, percebesse que a melhoria de índices de vacinação das doenças tem sido uma grande preocupação para o município, traçando assim a cada dia estratégias diferentes para o aumento das coberturas vacinais.

Principal

Sônia de Jesus Pires

A prática foi aplicada em

Região

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

A prática foi cadastrada em

23 dez 2023

e atualizada em

23 dez 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Ações intersetoriais: integrando estratégias no combate às arboviroses na cidade de Belém do Brejo da Cruz (PB)
Paraíba
Práticas
Os caminhos para alcançar os indicadores de desempenho do Previne Brasil pelo município de Bom Jesus (PB)
Paraíba
Práticas
Re(h)abilitando a interdisciplinaridade e o cuidado na atenção primária à saúde
Paraíba
Práticas
ADESÃO DAS GESTANTES AO PRÉ-NATAL ODONTOLÓGICO: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO NA ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE
Paraíba
Práticas
A PRÁTICA DE PRIMEIROS SOCORROS NO CONTEXTO DE UM CURSO TÉCNICO PARA AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE
Paraíba
Práticas
Vacinação nos espaços de formação: experiência no 2º Congresso Nordestino de Pediatria
Paraíba
Práticas
A (in) visibilidade de quem está em situação de rua: caminhos possíveis para cuidado em saúde
Paraíba