Olá,

Visitante

Estratégias para Melhoria Das Coberturas Vacinais no Município de Santa Vitória – MG

Categoria não especificada

O presente estudo se fez no município de Santa Vitória -MG, onde apresenta em contextualizado e de forma ilustrativa o trabalho desenvolvido para melhoria das coberturas vacinais com foco na criança menor de 2 anos de idade. Apresenta a Estratégia como norteadora do cuidado e a responsável pelas ações de vacinação no território.

Dentre os pontos relevantes para o aumento das coberturas vacinais no território de Santa Vitória podemos listar: a dimensão territorial pois é um município grande geograficamente com uma extensão rural vasta, horários ainda não flexíveis para o trabalhador e registro nem sempre adequado por falta de internet ou instabilidade dos programas, excesso de informações devido às novas vacinas implantadas, campanhas que não tem data para finalizar e falta de educação permanente contínua e conseguir concluir as ações do plano de imunização.

Para melhorar as coberturas vacinais, além do que já foi instituído, faz-se necessário o trabalho em equipe como uma proposta de fortalecimento e envolver a todos para que percebam que o sucesso das ações depende da participação de todos da unidade. Além de: qualidade e utilização dos dados, envolvimento da comunidade. melhor acesso a serviços de imunização para populações marginalizadas e deslocadas, sistemas de saúde forte e acesso a vacinas em todos os lugares e em todos os momentos.

A vacinação caracteriza-se por uma ação simples e de grande eficácia na prevenção de doenças imunopreveníveis sendo uma das principais ações de promoção da saúde inserida no contexto da atenção básica. Diante disso, discutir sobre essa temática é para manutenção do serviço ofertado visando captação precoce das crianças e adultos a serem vacinados e combater a hesitação vacinal. Logo, os profissionais de saúde que atuam nessa área devem estar capacitados para promover ações de educação em saúde e de sensibilização da população onde atuam para alcançar melhores índices de imunização e redução de agravos.

Principal

Carlla Aparecida Oliveira

A prática foi aplicada em

Região

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

A prática foi cadastrada em

23 dez 2023

e atualizada em

23 dez 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Caminhos estratégicos da APS frente a cobertura vacinal no município de Bernardino Batista
Paraíba
Práticas
Ampliando leque da rede: fortalecimento dos vínculos entre equipes e escola.
Paraíba
Práticas
Relato de experiência: humanização na atenção ao usuário no pronto atendimento de Pilar (PB))
Paraíba
Práticas
Implantação de laserterapia na rede de atenção à saúde de Pilar (PB): relato de experiência
Paraíba
Práticas
Paciente protagonista de sua terapia: o cuidado farmacêutico com pacientes atendidos no CAPS de Pilar (PB)
Paraíba
Práticas
Atenção e cuidado ao paciente portador de feridas no SUS em Pilar (PB)
Paraíba
Práticas
Quando a saúde vai além dos muros das UBS
Rio de Janeiro