Olá,

Visitante

Estratégias para Aumentar a Cobertura Vacinal no Município de Custódia-pe: Integrando o s Setores Públicos

A vacinação é a principal ferramenta de prevenção primária de doenças e uma das medidas mais bem-sucedidas em saúde pública, com melhor custo-efetividade (ABBAS et al , 2006; WHO, 2021a). A cobertura vacinal é o indicador que estima a proporção da população-alvo vacinada e supostamente protegida para determinadas doenças. É obtida através da equação entre o total de doses que completam o esquema vacinal e a estimativa da população-alvo, multiplicando-se por 100 (BRASIL, 2014). No Brasil, as vacinas ofertadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) estão previstas no Programa Nacional de Imunização (PNI), instituído desde 1973, e previnem contra inúmeros agravos, como formas graves da tuberculose, hepatite B, difteria, tétano, coqueluche, meningite, febre amarela, sarampo, caxumba, rubéola e câncer de colo uterino, entre outras, as quais estão disponibilizadas em esquemas vacinais e são distribuídas para crianças, adolescentes, adultos e idosos (BRASIL, 2003; BRASIL, 2022a). Diante da pandemia da COVID-19 passamos por várias dificuldades na saúde, dentre elas, a baixa procura da população aos serviços da saúde para realizar atualização das vacinas, diminuindo assim o percentual de cobertura vacinal no município. Onde vimos a necessidade de implantar um plano de ação municipal com estratégias para melhorar as coberturas vacinais com apoio dos setores públicos, implantado no município de Custódia/PE, no ano de 2021, tendo crianças, adolescentes, adultos e idosos como público-alvo. CARACTERÍSTICAS DO TERRITÓRIO E POPULAÇÃO A VI GERES – ARCOVERDE integra a Macrorregião de Saúde 3 – Sertão com sede em Serra Talhada e está dividida em duas Microrregiões de Saúde: a X Microrregião de Saúde com sede em Arcoverde, comporta além da sede, os municípios de Buíque, Custódia, Ibimirim, Pedra, Sertânia, Tupanatinga e Venturosa; e a XI Microrregião de Saúde com sede em Petrolândia, incluindo os municípios de Inajá, Jatobá, Manari e Tacaratu. Possui uma população estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para o ano de 2020 de 428.559 habitantes. O município de Custódia está localizado no sertão do Moxotó, interior do Estado de Pernambuco, a 335km da capital, se estende por 1.404,1 km² e contava com 37.633 habitantes no último censo. A densidade demográfica é de 26,4 habitantes por km² no território do município. Atualmente o município tem 15 (quinze) Unidades de Saúde da Família – USF e 01 (um) PNI municipal, com 16 (dezesseis) salas de vacinas ativas e funcionando. Os dados da pesquisa ImunizaSUS será de suma importância para compartilhar experiências dos municípios que possam contribuir de forma positiva para melhoria da cobertura vacinal nos estados e no país. Apresentando as ações de imunização realizadas nos municípios, identificando quais ações são realizadas e a sua frequência, como vacinação de rotina, campanhas, busca ativa, treinamento e atualização de profissionais, registro nos sistemas de informação, monitoramento da cobertura vacinal, entre outras. Ressaltando que o trabalho em equipe faz a diferença.

PROBLEMAS E DESAFIOS ENCONTRADOS • Pandemia COVID-19; • Resistência da população para vacinação; • Dificuldade nos registros das vacinas nos sistemas; • Ausência de educação permanente quanto aos registros nos sistemas de informação; • Falha de comunicação entre os sistemas de informação (PEC/ESUS E SI-PNI); • Ausência na atualização do número da população alvo a ser vacina para cálculo da cobertura vacinal; • Ausência de incentivo financeiro para custeio das ações de vacinação.

Trata-se da execução do Plano de Ação com apoio dos setores públicos municipal, onde realizamos uma análise quantitativa no percentual de cobertura vacinal no ano de 2020, ano de pandemia da COVID-19, comparando aos anos de 2021 e 2022. Segue algumas estratégias implantadas: • Solicitar cartão de vacina atualizado, incluindo a vacina contra COVID-19 para agendamentos de consultas, tratamentos, reabilitação, exames, procedimentos e demais serviços da saúde, bolsa família incluindo novos cadastros, Tratamento Fora Domicílio, disponibilização de leites e medicamentos, matrícula escolar, cadastro dos universitários, renovação de contratos, entrega de medicamentos na Central de Abastecimento Farmacêutico; • Realizar parceria intensificando as ações de atualização dos cartões de vacinas nas indústrias e Mãe Coruja; • Realizar busca ativa, por meio dos Agentes Comunitários de Saúde, dos pacientes nas comunidades para atualização da caderneta de vacina; • Manter as Educações Continuadas com os profissionais de saúde sobre atualização da caderneta de vacina; • Implantar ação: Vacinas nos Bairros e comunidades quilombolas; • Apoiar as ações do Programa Saúde nas Escolas – PSE durante atualização dos cartões de vacinas e sua análise durante as matrículas escolares; • Manter atualizado os cartões de vacina, incluindo a vacina contra COVID-19 dos profissionais da secretaria de saúde e de obras; • Ampliar as divulgações em carros de som e rádios, referentes a este plano de ação para aumentar cobertura de vacinação.

Durante o período da Pandemia da COVID-19, passamos por dificuldades em manter ou melhorar a cobertura vacinal no município de Custódia/PE. A população assustada com a pandemia evitava sair de casa, dificultando a busca pelos serviços da saúde, incluindo a busca por vacinas, diminuindo assim a cobertura vacinal. Após início das vacinas contra COVID-19, toda a população procurava os serviços da saúde para prevenção da doença, através da imunização, onde inicialmente não podia administrar outra vacina (imunobiológico) junto a vacina da COVID-19, fazendo com que fosse priorizado a vacina contra COVID-19. Diante das dificuldades encontradas, vimos a necessidade de implantar um plano de ação estratégico envolvendo os setores públicos do município, a fim de melhorar significativamente o percentual de imunização, envolvendo as vacinas de rotina e da COVID-19. Podemos observar nos resultados uma melhora nos percentuais de cobertura vacinal no município de Custódia/PE e o fortalecimento das ações de promoção e prevenção da saúde no município. A partir dos resultados alcançados recomendamos manter as ações estratégias do plano de ação com os setores públicos e indústrias, ampliando parcerias com outros serviços.

Principal

Palloma Ramalho Simões

A prática foi aplicada em

Região

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

30 ago 2023

e atualizada em

30 ago 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Vivência em atendimento em grupo de portadores de Diabetes Mellitus da Esf Itapuca, Resende, RJ
Rio de Janeiro
Práticas
A descentralização das ações de controle da tuberculose no município de Volta Redonda
Rio de Janeiro
Práticas
O matriciamento de cardiologia e endocrinologia no fortalecimento a atenção à doenças crônicas
Rio de Janeiro
Práticas
A expansão do processo matricial no município de Volta Redonda – uma experiência exitosa
Rio de Janeiro
Práticas
A importância da equipe multidisciplinar no programa de osteoporose de Penedo – Itatiaia (RJ)
Rio de Janeiro
Práticas
Sensibilização da APS para o cuidado integral da população em situação de rua da cidade de Resende
Rio de Janeiro
Práticas
Coordenação do cuidado, ordenação da rede de atenção à saúde e o e-SUS AB como ferramenta de gestão
Rio de Janeiro