Olá,

Visitante

Acesso ao Diagnóstico de Ist: Descentralização de Testes Rápidos em Iguaba Grande

FINALIDADE DA EXPERIÊNCIA:Descentralizar a realização de testes rápidos diagnósticos para HIV, Sífilis Hepatite B e C no âmbito de Iguaba Grande tanto no âmbito das ações da rede cegonha bem como para ampliar a testagem da população.DINÂMICA E ESTRATÉGIAS DOS PROCEDIMENTOS USADOS:Capacitação em aconselhamento e realização dos testes para os Médicos e Enfermeiros da Estratégia de Saúde da Família

Os testes rápidos diagnósticos para HIV, Sífilis e Hepatites B e C estão instituídos no âmbito do SUS desde 2012, incluindo a rede cegonha. Para que a descentralização ocorra torna-se necessária a adequação das unidades para estoque e capacitação dos profissionais para testagem e aconselhamento. A principal justificativa para descentralização é proporcionar diagnóstico oportuno para tratamento imediato.

Observa-se que até a presente data o objetivo foi parcialmente alcançado, sendo necessária a implantação do TRD na ultima unidade. Ainda assim, considera-se que houve melhoria da atenção em IST em todas as equipes visto o aconselhamento ser realizado em todas.

Principal

Fabiana Faria Schlittler,Luciana Remigio de Faria

A prática foi aplicada em

Estado do Sudeste

Sudeste

Instituição

33

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Instituição Pública

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
A Horticultura Como Recurso de Reabilitação Psicossocial dos Pacientes do Capsad de Ponta Grossa
Rio Grande do Sul
Práticas
Vigilância da Febre Amarela: Monotoramento Rápido da Cobertura Vacinal Contra Febre no Município de Rio Claro-Rj
Rio de Janeiro
Práticas
Vigilância das Síndromes Febris Agudas
Práticas
A Redução da Mortalidade Infantil no Município de Guarujá-Sp
São Paulo
Práticas
Promovendo e Fazendo a Saúde do Homem no Território
Tocantins
Práticas
Elaboração Coletiva de Um Guia Prático de Diluição de Medicamento Intravenoso Adulto
Rio de Janeiro
Práticas
Experiências no Enfrentamento da Febre Amarela no Município de Valença em 2018, os Desafios Ante Principais Peculiaridades do Município, Problemas e Desafios da Gestão Local de Saúde
Rio de Janeiro
Práticas
“Implementação do Programa Seja Bem Vindo – Visita Aberta no Hospital de Pronto Socorro Canoas”
Rio Grande do Sul
Práticas
Ressignificação do processo de adolescer
Minas Gerais