Olá,

Visitante

A Busca Por Melhora da Cobertura Vacinal Atraves da Capacitação da Rede de Saúde

Categoria não especificada

Em 2022, foi apontada pelas equipes e serviços de referências da rede de Amparo-SP a necessidade de atualização em sala de vacinas. O que era esperado, uma vez que o Programa Nacional de Imunização-PNI está em constante mudança e o processo de introdução da vacina contra COVID sofreu muitas adequações. Importante citar a queda da cobertura vacinal e o movimento anti vacinas, que exacerbou durante a pandemia. Amparo enfrenta problemas com a cobertura vacinal e precisou enfrentar o agravamento deste indicador. Percebeu-se também a dependência das equipes da APS para com a VE para tomadas de decisão em relação a casos não rotineiros de vacinação. Optou-se, portanto para a atualização dos fluxos e rotinas da Sala de Vacinas e Rede de Frios, com aprimoramento dos protocolos básicos do PNI, e foi proposto uma capacitação destinadas as equipes da Rede.

O município enfrenta dificuldades em alcançar a meta de cobertura vacinal, e aponta como fatores relevantes o movimento anti vacinas, a pandemia que afastou os usuários dos serviços de saúde para atendimentos de prevenção e promoção a saúde, falhas e dificuldades das equipes de enfermagem na atuação em Sala de Vacinas, alta rotatividade de profissionais nas equipes, alterações constantes no calendário vacinal, dificuldades com a informatização do sistema.

As discussões de estratégias para melhorar a cobertura envolveram as equipes da APS e da Vigilância Epidemiológica. Foram desenvolvidas ações de intersetoriais e de Educação Permanente , com o objetivo de mobilização da rede, readequação do processo de trabalho, ampliação do acesso, e sobretudo capacitação das equipes de enfermagem para sala de vacinas . Como estratégia de sensibilização das equipes uma grande capacitação sobre Sala de Vacinas para a Equipe de Enfermagem da Rede Municipal, contemplando todos os seguimentos desde a Atenção Primaria, serviço especializado e rede hospitalar. Pensando em sensibilização dos usuários contamos com apoio do Serviço de Comunicação Municipal, rádios locais e Secretaria da Educação para ações Educativas nos meios de comunicação e nas Escolas através do Programa de Saude na Escola e auxilio na comunicação com os pais.

Foi a primeira atividade coletiva das equipes de Enfermagem da Rede do período Pos pandemia. Foi visível e contagiante a receptividade, alegria e motivação que os participantes e organizadores demonstravam. A Capacitação foi muito bem aceita e proveitosa para os profissionais, que participaram de forma receptiva e proativa. O intuito de integrar a rede foi alcançado e a motivação e a responsabilização dos profissionais participantes foi visível nas discussões e atividades dinâmicas. As ações intersetorial sempre fortalecem os serviços, integram a rede de apoio das famílias e fortalece as equipes. DE forma geral, estas ações fortaleceram a Rede de Saúde, trouxe impacto positivo nos indicadores, aumentarão a autonomia das equipes locais das salas de vacina e o vinculo da rede de Educação , comunicação e Saúde.

Principal

Dalila Reis Barbosa

Coautores

Vanessa Coelho Ferreira Luis Roque Guidi Junior

A prática foi aplicada em

Região

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

A prática foi cadastrada em

23 dez 2023

e atualizada em

23 dez 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
ADESÃO DAS GESTANTES AO PRÉ-NATAL ODONTOLÓGICO: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO NA ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE
Paraíba
Práticas
A PRÁTICA DE PRIMEIROS SOCORROS NO CONTEXTO DE UM CURSO TÉCNICO PARA AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE
Paraíba
Práticas
Vacinação nos espaços de formação: experiência no 2º Congresso Nordestino de Pediatria
Paraíba
Práticas
A (in) visibilidade de quem está em situação de rua: caminhos possíveis para cuidado em saúde
Paraíba
Práticas
Título: Autismo – uma causa municipal.
Paraíba
Práticas
Do ambulatório LGBTQIAPNB+ ao Café com Diversidade: garantindo acesso e fortalecimento de vínculos
Paraíba
Práticas
Atuação intersetorial nos casos suspeitos de TEA na primeira infância, um relato de experiência.
Paraíba
Práticas
Programa Bolsa Família: processo formativo para profissionais da atenção primária
Paraíba
Práticas
As PICS como ferramenta potencializadora no cuidado a saúde do trabalhador
Paraíba