Olá,

Visitante

Vacina na praça: uma ação promovida pela equipe de saúde da família do Cabo Branco em Coremas (PB)

Esse trabalho iniciou no período da pandemia ocasionada pelo CORONAVÍRUS (COVID 19). E diante da uma boa aceitação pela comunidade estendeu – se até os dias atuais, introdução assim outras campanhas de imunizações como: INFLUENZA, HPV, e até mesmo as vacinas de rotina do calendário vacinal. É sabido que, mesmo com o êxito que as campanhas de imunizações conseguiram alcançar frente a tantas doenças infecciosas, percebemos que ao final do século XX, surge uma movimentação negacionista sobre a eficácia das vacinas, até mesmo os meios de comunicações propagaram críticas à vacinação sem ao menos considerarem as pesquisas científicas já existentes sobre a eficácia das vacinas. Diante disso, pensando em atingir um público maior e melhores resultados quanto a imunização das pessoas, a Estratégias de Saúde da Família José Nilton Alexandrino (ESF Cabo Branco) realiza na praça do bairro onde está inserida a Unidade de Saúde o Projeto: “Vacina na Praça”.

Trata-se de um projeto de natureza qualitativa com características descritivas, para o qual foram selecionadas, para a coleta de dados, os moradores da comunidade do Bairro Cabo Branco. Esse método proporciona aprofundar nas questões subjetivas das ações e interpretações que o ser humano tem com o mundo em que vive. O conceito central é a investigação, com foco na objetivação, cuja intenção é compreender a complexidade do objeto de estudo, sendo este não quantificável e irredutíveis a operacionalização de variáveis (MINAYO, 2001). Para a efetividade do estudo contou com a colaboração de todos os funcionários da Unidade de Saúde José Nilton Alexandrino, e teve o apoio da Secretaria Municipal de Saúde de Coremas-PB. Este relato de experiência faz parte do projeto intitulado: VACINA SIM: UMA AÇÃO NA PRAÇA PROMOVIDA PELA EQUIPE DE SAÚDE DA FAMÍLIA DO CABO BRANCO, COREMAS-PB. Quanto aos critérios de inclusão foram chamadas para essas ações de imunizações na praça todos as pessoas que estavam aptas a vacinação, de acordo com os critérios preconizados pela Programa Nacional de Imunizações (PNI).

De acordo com o que foi apresentado, o Projeto “Vacina na Praça” tem sido uma experiência positiva quanto a imunização das pessoas, pois desenvolver os serviços de saúde para mais perto da comunidade faz toda diferença. Importante ressaltar, que não apenas por essa ação na praça mais todas as outras que Coremas-PB vem implantando com relação a imunização dos coremenses, no ano de 2021 esse município teve todas as suas equipes de saúde da família premiadas, sendo uma das cidades que mais obteve cobertura vacinal no estado da Paraíba. Essa premiação em dinheiro, foi dividida por todos os profissionais de saúde que estavam envolvidos nas campanhas e ações de imunização do município. O incentivo foi repassado pelo governo do estado da Paraíba, denominado: Vacina mais Paraíba, esse incentivo teve como base as informações obtidas nos registros do Programa Nacional de Imunização de doses do COVID 19 aplicadas nos municípios paraibanos. Percebe-se que com isso, o projeto “Vacina na Praça” tem apresentado bons resultados e é notório que ações como esta expressa a vontade dos profissionais de saúde em mostrar que a Estratégia de Saúde da Família pode ir bem mais além dos muros e paredes das Unidades de Saúde. Portanto, vemos que é preciso promover mecanismos que possam beneficiar os usuários do nosso SUS, não somente quando o assunto for imunização das pessoas, como também em todas as outras políticas públicas de saúde existentes no Brasil.

Evidenciou-que as Estratégias de Saúde das Famílias promovem um trabalho de extrema importância em relação a imunização dos brasileiros pelo país a fora, e que cada equipe tem suas peculiaridades e trabalham de acordo com as demandas de seu território. Viu-se que, ações de saúde dentro da comunidade requer um planejamento estratégico com todos os profissionais envolvidos. Constatou-se que essa ação de saúde teve também alguns pontos negativos como falta de transporte para locomoção da equipe por exemplo e até mesmo a insuficiência de EPIs. Contudo, percebeu-se que as campanhas de vacinação caracteriza-se como sendo uma ação simples e de grande relevância e eficácia na prevenção de doenças e que devemos combater os movimentos negacionistas para que as nossas campanhas de imunizações e também o calendário vacinal das crianças, jovens e adultos sejam rigorosamente cumpridos. Por fim, espera-se que esse trabalho desenvolvido pela Estratégia de Saúde da Família José Nilton Alexandrino na comunidade do bairro Cabo Branco em Coremas-PB, possa servir como uma inspiração e que essa experiência possa ser implantada em outros municípios.

Principal

RAILSON FERNANDES DA SILVA

railson_fernandes@gmail.com

AGENTE COMUNITARIO DE SAÚDE

Coautores

Gerailda Francisca da Silva, Maria José Martins Lacerda, Aly Caroliny Vicente Diniz Gonçalves, Francisco de Oliveira Soares, Maria Sandra Ferreira de Lima Félix

A prática foi aplicada em

Coremas

Paraíba

Nordeste

Esta prática está vinculada a

RUA LOCUTOR VALDEREDO ROMÃO

Uma organização do tipo

Instituição Pública

Foi cadastrada por

RAILSON FERNANDES DA SILVA

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

08 maio 2024

e atualizada em

08 maio 2024

Início da Execução

24/09/2019

Fim da Execução

25/04/2024

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Experiência do Preventivo Humanizado no SUS
Maranhão
Práticas
Implantação do serviço de curativos na atenção básica do município de Arara: experiência exitosa
Paraíba
Práticas
Assistência odontológica aos trabalhadores da saúde municipal de Esperança: relato de experiência
Paraíba
Práticas
Caminhos do Cuidado, levando serviços de saúde para as comunidades rurais no município de Condado (PB)
Paraíba
Práticas
Gestar saudável – de 0 a 1000 dias
Paraíba
Práticas
Mapa territorial em saúde mental: instrumento exitoso do cuidado na atenção primária à saúde
Paraíba
Práticas
Implementação da estratégia Tenda da Imunização para aumento de coberturas vacinais
Todos os Estados (Nordeste), Paraíba
Práticas
Estratégias de imunização em município do interior da Paraíba resulta em 1º lugar no estado durante campanha de influenza 2024 : relato de experiência
Paraíba