Olá,

Visitante

Regulação – Acesso e Resolutividade

I-

A secretaria de saúde verificou que a regulação estava incipiente e que o paciente não conseguia chegar nas portas de entrada e ter resposta para as suas demandas.

Acredito que os gestores terão um número mais exato e concreto dos pacientes que estão sendo atendidos e quais ainda estão em demanda reprimida.E, ainda ter condições de elaborar estratégias mais efetivas.

Principal

Giane Aparecida Gioiasuzanne Balieiro Mesquita

controleavaliacaopr@gmail.com

A prática foi aplicada em

Porto Real

Rio de Janeiro

Sudeste

Instituição

Rua Fernando Bernardelli nr 1219

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Giane Aparecida Gioia

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Ideação suicida e tentativas de suicídio: uma análise de casos do SAMU 192 no interior do estado do RJ.
Rio de Janeiro
Práticas
Samuzinho: Educação em saúde e primeiro socorros na escola para a promoção do SAMU 192.
Rio de Janeiro
Práticas
Implantação do programa de gestão transparente do tempo resposta no SAMU 192: uma missão desafiadora
Rio de Janeiro
Práticas
Verde, amarelo e vermelho: protocolo de classificação das consultas por grau de prioridade no Centro Especializado de Saúde de Quissamã (RJ)
Rio de Janeiro
Práticas
Indicadores para monitoramento das ações de promoção e atenção a saúde do homem em Petrópolis
Rio de Janeiro
Práticas
Fluxo dos pacientes oncológicos atendidos na UNACON da região Noroeste – RJ
Rio de Janeiro