Olá,

Visitante

Programa Humanizador de Fibromialgia

Condição clínica reumatológica muito prevalente, a Síndrome Fibromialgica (SFM) dar-se por um quadro flógistico de polimialgias e fadiga crônica, distúrbios intestinais e do sono, em frequente associação à depressão, contrapondo as subjetividades etiopatogênicas, diagnósticas, prevenção e tratamento, e variáveis epidemiológicas. No Brasil, estima-se que 2,5% da população seja fibromiálgica, segundo a Sociedade Brasileira para Estudo da Dor. Logo, a SMS da cidade de Barreiras/BA, prospectando cerca de 3800 fibromiálgicos no município, implanta em 2018 o Programa HumanizaDOR de Fibromialgia, alcançando atualmente pronunciáveis e positivos resultados multidirecionais a partir do foco na promoção da qualidade de vida das pacientes, com a proposta de um humanizado acesso à saúde, acolhimento e tratamento, e sob o alicerce da prática multidisciplinar da medicina biopsicossocial da dor.

Sob a prática multidisciplinar da medicina biopsicossocial da Dor, o Programa HumanizaDOR prima promover saúde da vulnerável população fibromiálgica, a partir da análise, especificidade e do cuidado centrado no paciente, bem como com tratamentos alop o Programa HumanizaDOR de Fibromialgia hoje com aproximadamente 190 pacientes regulados, propõe-se a acolher o paciente encaminhado da UBS para triagens multidisciplinares, sob o olhar da medicina biopsissocial da dor, mantendo o paciente no centro do cuidado, focando no diagnóstico e redução das seqüelas de cronicidade peculiares à fibromialgia. Exames físicos, com testes de rastreio neurológico, mobilidade e força muscular, avaliações dos fatores psicossociais e questionários de Impacto da Fibromialgia são utilizados para mensuração específica da qualidade de vida, capacidade funcional, situação profissional, distúrbios psicológicos e sintomas físicos.

Aumento pouco acima de 150% de adesão de novos(as) pacientes – Redução em aproximadamente 67% da utilização de Antidepressivos, ansiolíticos e sedativos em 11 meses – Redução de score médio 8 para 5 na Escala Visual Analógica de Dor entre todas as pacientes – Melhora significativa na qualidade de vida mensurada por FIQ Por fim, com alto respaldo e recomendação da IASP, prioriza-se no Programa HumanizaDOR uma gestão de cuidados e tratamentos não-cirúrgicos, alopáticos e não-alopáticos, com foco no gerenciamento e abordagem adequada. com: atividades físicas e exercícios nutrição clínica funcional psicoterapia coletiva e terapia cognitivo-comportamental e práticas como osteopatia, meditação, Reiki e constelação familiar sistêmica.em virtude da alta demanda espontânea observada desses pacientes no município de Barreiras/BA, associada ao histórico de retardo diagnóstico, o Programa HumanizaDOR prima o acesso breve do usuário à avaliação clínica especializada e tratamentos adequados, evitando assim altos índices de comorbidades, bem como ser referência na região oeste da Bahia na assistência humanizada de portadores de SFM, a partir dos olhares multidisciplinares baseados no modelo da medicina biopsicossocial aplicada à dor

Principal

Bruno Henrique Da Silva Ramos

drbrunohramos@gmail.com

A prática foi aplicada em

Barreiras

Bahia

Nordeste

Instituição

Rua Princesa Leopoldina, 818, Aratu. 47806-171. Barreiras/Ba

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Anderson Luiz Vian

Conta vinculada

andersonvian7@gmail.com

23 set 2023

e atualizada em

23 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Educação Permanente em Saúde Diária como Estratégia de Sustentação na Integração Entre Equipes Técnicas Distintas – Atenção Básica e Vigilâncias
São Paulo
Práticas
Avaliação Interdisciplinar e Diagnóstico Diferencial – Mobilização na Busca de uma Linha de Cuidado Assertiva no Cer de São Bernardo do Campo
São Paulo
Práticas
Intervenção do Farmacêutico do Nasf no Uso Irracional de Antiinflamatórios Não Esteroidais (Aines), uma Experiência da Ubs União
São Paulo
Práticas
Tecendo Redes: uma Experiência de Articulação do Trabalho em Rede Intersetorial em um Território de Saúde no Município de Assis/Sp
São Paulo
Práticas
Empoderamento Social em Defesa do SUS no Município de des calvado – Sp
São Paulo
Práticas
A Experiência de Implantação da Política de Saúde Integral para Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (Lgbt) na Região Central do Município de São Paulo
São Paulo
Práticas
des envolvimento da Gestão de Custos no SUS em São José do Rio Preto
São Paulo
Práticas
Processo de Implantação da Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil como Forma de Transformação e Reorganização do Trabalho em Ubs
São Paulo
Práticas
Primeira Mostra de Experiência da Linha de Cuidado Sobrepeso e Obesidade, Os Resultados Alcançados Pelo Município de Parapuã Sp
São Paulo
Práticas
Compulsão Decisória na Judicialização da Saúde, des estruturando e des afiando o Financiamento Finito do Sistema Único de Saúde
São Paulo