Olá,

Visitante

Programa de Saúde na Escola e Ações da Fonoaudiologia, no Contexto da Pandemia pelo Covid-19: Relato de Experiência

A Fonoaudiologia integra o rol de especialidades do PSE, enquanto área da ciência responsável pelas questões relacionadas à comunicação humana, nos aspectos referentes à voz, audição, linguagem oral e escrita, dentre outros. Considerando o quadro de emergência internacional decorrente da COVID-19, declarado pela OMS, em 30 de janeiro de 2020, o Programa de Saúde na Escola buscou estratégias para ajustar suas atividades até então desenvolvidas em caráter presencial.Assim sendo, coube também às fonoaudiólogas da equipe desenvolverem estratégias para adaptar as condições para dar continuidade da abordagem dos temas pertinentes à sua área específica junto, em princípio, à comunidade escolar

Como atribuição da Fonoaudiologia no âmbito Educacional, buscamos desenvolver ação prática de suporte aos educadores, em ambiente virtual. Numa ação intersetorial, fonoaudiólogas do PSE, pedagogas do Departamento Pedagógico da Secretaria Municipal de Educação de Campos dos Goytacazes e Acadêmicos de Fonoaudiologia de uma universidade parceira do Programa, elaboramos um calendário para encontros destas áreas, a fim de oferecer, num contexto de formação em Saúde, suporte aos professores de creches e unidades escolares (ensino fundamental I) visando instrumentalizá-los quanto aos aspectos referentes à Saúde Auditiva e habilidades referentes ao processo de Alfabetização. Utilizamos ferramentas digitais como email, whatsapp e aplicativos para reunião online para a organização dos encontros.

Baseando-nos na execução da prática em andamento, compreendemos a necessidade de considerarmos a reaplicação dessa modalidade de suporte online e recomendamos sua análise por parte dos gestores, para que esta se desenvolva em caráter permanente. Sem dúvida, o acesso a professores que atuam em unidades distantes da área urbana do município, constitui uma solução prática de logística para a formação continuada, o que seria de difícil implementação, de forma presencial.

Principal

Isabela Dutra Coelho Brandt

beladu.brandt@gmail.com

A prática foi aplicada em

Campos dos Goytacazes

Rio de Janeiro

Sudeste

Instituição

R. Cel. Ponciano de Azevedo Furtado, 47 - Parque Santo Amaro, Campos dos Goytacazes - RJ,

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Isabela Dutra Coelho Brandt

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

04 dez 2015

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
A educação permanente dos profissionais de enfermagem como estratégia no enfrentamento à dengue
Paraíba
Práticas
Oficina de atualizacao dos cadastros para melhoria da cobertura vacinal em Junco do Serido-PB
Paraíba
Práticas
Educação em gênero no SUS e a proteção integral à mulher em situação de violência na atenção primária
Paraíba
Práticas
Era uma vez, apresentando uma história de cuidado e amor – a importância da educação vacinal desde o berço
Paraíba
Práticas
Estratégia de comunicação pública voltada à saúde no ambiente digital em Campina Grande
Paraíba
Práticas
Atuação do programa saúde na escola (PSE) no enfrentamento da dengue e outras arboviroses
Paraíba