Olá,

Visitante

Matriciamento Judiciário: Articulação Setorial a Serviço da Eficiência

O projeto de Matriciamento Judiciário visa instituir um acordo de cooperação de trabalho em conjunto, capacitação e fluxograma das demandas judiciais relacionadas a pessoas que sofrem de transtornos mentais direcionadas ao tratamento no município de São João de Meriti. São estabelecidas em conjunto reuniões periódicas (de 2 em 2 meses) com finalidade de capacitação técnica mútua, discussão de casos e elaboração de um fluxograma de atendimento para agilizar as respostas de demandas judiciais, inovação dos modelos de comunicação mais rápidos e eficientes através de e-mails superando o modelo de oficio simplesmente.

Carência de assistência técnica em Saúde Mental e dificuldade de comunicação entre os operadores do sistema judiciário através das 1ª, 2ª e 3ª Varas de Família, do Ministério Público e a Coordenação de Saúde Mental do Município de São João de Meriti, na Baixada Fluminense. A questão da judicialização do cuidado em saúde mental apresenta-se como desafiadora e o mecanismo de Matriciamento pode otimizar a articulação em rede para um cuidado mais efetivo evitando assim o excesso de abertura de processos judiciários que podem ser encaminhados de forma mais eficiente possibilitando uma melhor articulação entre as partes.

Conversar e articular num espaço definido como o do Matriciamento tende a auxiliar nos encaminhamentos do judiciário que influenciam as prática de cuidado em Saúde Mental. Estabelecer os registros do Matriciamento do Judiciário realizados em cada municipio e analisar os benefícios práticos desses encontros através das ferramentas de dados do SUS.

Principal

Christtiane Goulart Ribeiro

chgoulart22@gmail.com

A prática foi aplicada em

São João de Meriti

Rio de Janeiro

Sudeste

Instituição

Av Presidente Lincoln, Sn

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Christtiane Goulart Ribeiro

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Atuação intersetorial nos casos suspeitos de TEA na primeira infância, um relato de experiência.
Paraíba
Práticas
Explorando as possibilidades: atividade aquática no tratamento de TEA no município de Queimadas – PB
Paraíba
Práticas
Inovação do cuidado em saúde mental no município de São José do Sabugi-PB a partir da prática.
Paraíba
Práticas
Em boas mãos: valorização dos profissionais de saúde e os impactos na proatividade em Queimadas – PB
Paraíba
Práticas
Protocolo de passagem de plantão no serviço residencial terapêutico: um relato de experiência
Paraíba
Práticas
Ressignificando vidas através das artes manuais: uma vivência do CAPS I Umbuzeiro-PB
Paraíba
Práticas
Estruturação do cuidado em saúde mental de crianças e adolescentes vítimas de violência
Rio de Janeiro
Práticas
Estruturação da Rede de Cuidado para a Atenção às Crianças e Adolescentes com TEA e suas famílias
Rio de Janeiro