Olá,

Visitante

Levantamento Situacional das Pessoas com Deficiência nos Territórios das Unidades de Estratégias de Saúde da Família ( Esf’S) e Pac´S.

Categoria não especificada

Atenção Básica (AB) como organizadora e norteadora do cuidado integral do indivíduo, através da atuação das Equipes de Saúde da Família (ESF’s) e seus Agentes Comunitários de Saúde (ACS’s), deve facilitar o acesso e organizar o cuidado ao longo dessa rede de assistência em todos os níveis. A notificação e tipologia das pessoas com deficiência dentro dos territórios adstritos ainda não corresponde de modo expressivo à realidade dessa população, quando comparado às pesquisas censitárias.

Fazer o levantamento situacional das pessoas com deficiência nos territórios cobertos pela AB, através das unidades de ESF e UBS com PAC’s,identificando prevalência e perfil sócio demográfico das pessoas com deficiência.

Concluímos que, se o Ministério de Planejamento através de pesquisa censitária(Censo, 2010)registrou uma população quase vinte vezes maior do que a notificada dentro dos territórios adstritos da atenção básica, é impossível acreditar que a saúde com grande cobertura assistencial da população, não consiga investir em um modelo mais eficaz, efetivo e integrador de notificação e registro, para que possa enxergar a real necessidade dessa população excluída pelo sistema

Principal

Negreiros, S.

Boccolini, P. M. M.

A prática foi aplicada em

Petrópolis

Rio de Janeiro

Sudeste

Instituição

S

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Damião, V. S.

Conta vinculada

ssaplanejamentopetropolis@gmail.com

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
O matriciamento de cardiologia e endocrinologia no fortalecimento a atenção à doenças crônicas
Rio de Janeiro
Práticas
A expansão do processo matricial no município de Volta Redonda – uma experiência exitosa
Rio de Janeiro
Práticas
O matriciamento na prevenção e tratamento de feridas no município de Volta Redonda
Rio de Janeiro
Práticas
Trabalho intersetorial no combate a dengue no município de Volta Redonda (RJ)
Rio de Janeiro
Práticas
Pode ser lindo aprender no SUS: uma proposta para o acolhimento dos futuros trabalhadores da saúde
Rio de Janeiro
Práticas
Visita de luto – uma atitude humanizada
Rio de Janeiro
Práticas
A importância da equipe multidisciplinar no programa de osteoporose de Penedo – Itatiaia (RJ)
Rio de Janeiro
Práticas
Vacinação extramuro: estratégia de ampliação de cobertura vacinal contra covid 19 no município de Volta Redonda(RJ)
Rio de Janeiro