Olá,

Visitante

Imuniza que Dá Certo: Campanhas de Vacinação de Ribeirão Branco – Sp

Categoria não especificada

A Secretaria Municipal da Saúde de Ribeirão Branco – SP, no ano de 2022, investiu em ações de educação em saúde de forma contínua e permanente, alcançando, através de ações extramuros como: casa a casa, horários ampliados e investimentos com apoio do gestor; uma cobertura vacinal em grande escala. A cobertura vacinal do município, reconhecida em todo o território, envolveu diversos atores nessa condução frutífera, os setores de Vigilância Epidemiológica Municipal, que através da parceria com o Grupo de Vigilância Epidemiológica de Itapeva – GVE 32, ampliou multiplicadores para imunização com qualificação técnica e certificação, a Atenção Básica Municipal que promoveu constantemente o acompanhamento da cobertura vacinal com as Equipes da Estratégia da Saúde da Família – ESF, o Programa Saúde na Escola – (PSE) com a educação permanente em saúde e o Planejamento em Saúde que subsidiou, através de dados e monitoramento dos indicadores, a sinalização para o desenvolvimento dos processos de trabalho. O alinhamento com o objetivo: IMUNIZA QUE DÁ CERTO: CAMPANHAS DE VACINAÇÃO DE RIBEIRÃO BRANCO – SP, foi resultado da dedicação e da força do trabalho do Sistema Único de Saúde (SUS) local, apontando sempre o compromisso com a população, mitigando os efeitos das fake news no território municipal e aproximando a população com ações in loco, tornando-se um diferencial no resultado em relação aos números obtidos no ano de 2022, sendo: 20.998 doses aplicadas da vacina contra a COVID-19, aproximadamente, atingindo 98% da população infantil de 5 a 11 anos imunizada com a 1ª dose da vacina COVID-19, e 11.319 pessoas foram vacinadas em demais campanhas de vacinação no município, nas quais, foi atingido 100% da população alvo que receberam a vacina Tríplice Viral e 97% da população de 0 a 1 ano foram imunizadas com a vacina da gripe. No tocante aos investimentos, foram adquiridos veículos novos para apoio as Equipes de Saúde, adquirido um gerador de energia para a Central de Rede de Frios, todos estes itens com recursos próprios, e ainda realizado a manutenção preventiva e corretiva da Rede de Frios, por meio de serviço terceirizado licitado, investimentos estes empreendidos com o apoio da gestão. Ressalta-se também a dedicação das equipes na alimentação dos dados nos sistemas oficias do Ministério da Saúde e do Estado de São Paulo e o acompanhamento constante da equipe de Tecnologia da Informação, que prestam assistência com todo suporte necessário para que os trabalhos realizados pelas equipes sejam fidedignos. E por fim, o resultado do indicador sintético do Previne Brasil de 7,75, correspondendo a 90,33% do incentivo financeiro do Ministério da Saúde, ratificando todas as ações desenvolvidas pelo município.

No tocante ao resultado da Pesquisa ImunizaSUS que destaca o declínio da cobertura vacinal, acarretando o reaparecimento de algumas doenças, e a hesitação da população, no que se refere ao atraso em aceitar ou recusar a vacina, que ascendeu com o advento da pandemia do Coronavírus – COVID-19, o município de Ribeirão Branco – SP considerou a necessidade do enfrentamento desses pontos. Desta forma o município fortaleceu as campanhas de vacinação com toda força do Sistema Único de Saúde – SUS (humanas e gestão), assim, ampliando a cobertura vacinal, recuperando a credibilidade da vacinação e sua importância social, resgatando a história de que sempre esta ação foi bem-sucedida em nosso país.

As redes sociais bem canalizadas e com a proposta de estimular a concepção das boas práticas e do fortalecimento das ações do Sistema Único de Saúde – SUS, passam a ser uma ferramenta potente para o combate a fake news e para a publicação das ações de imunização. O município de Ribeirão Branco – SP possui páginas oficiais no Facebook e no Instagram, da Prefeitura Municipal e da Secretaria da Saúde, que ampliam a divulgação das ações de imunização no município. Acrescida da participação dos colaboradores do grupo de gestores da Secretaria da Saúde e da Atenção Básica e demais profissionais, que divulgam as ações através do status no WhatsApp, em que pessoas, amigos, familiares e conhecidos passam a visualizar as informações de imunização também postadas nesta ferramenta. E ainda são utilizadas as estratégias convencionais, como: publicação em jornal licitado, que presta serviço para a prefeitura e que já divulga os atos oficiais da administração; faixas; banners; folhetos; rádio local; e carros de som nas ruas e praça da sede, distritos e bairros.

É público e notório, na qual foi identificado no resultado da Pesquisa ImunizaSUS, que a pandemia do Coronavírus – COVID-19, associada a rede de fake news, afetou a frequência de pessoas nas unidades de saúde, dificultado assim as ações de promoção e prevenção da saúde, o que determinou a queda da cobertura vacinal da população. Considerando que não existe somente uma força determinante para o sucesso de resultados, mas sim o todo, ou seja, vários atores enfrentando a problemática para o mesmo fim, a proposta de reinvenção das estratégias, através de uma escuta qualificada com a rede de saúde, planejando estratégias de forma compartilhada, torna-se todos vigilantes neste processo de trabalho, condensando o diferencial ao tratar de pessoas na saúde. As ações de imunização devem ser assertivas, pelo tempo que precisamos recuperar, devido as intercorrências da pandemia do Coronavírus – COVID-19, e para transcender na prática que o Sistema Único de Saúde – SUS pode chegar até o cidadão, por meio da ação de imunização, basta cada um fazer a sua parte nesta tarefa para o enfretamento dos múltiplos determinantes.

Principal

Ricardo Leao Silva

Coautores

TATIANE RODRIGUES MACARRONI

A prática foi aplicada em

Região

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

A prática foi cadastrada em

23 dez 2023

e atualizada em

23 dez 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Teste do Certificado
Minas Gerais
Práticas
ADESÃO DAS GESTANTES AO PRÉ-NATAL ODONTOLÓGICO: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO NA ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE
Paraíba
Práticas
A PRÁTICA DE PRIMEIROS SOCORROS NO CONTEXTO DE UM CURSO TÉCNICO PARA AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE
Paraíba
Práticas
Vacinação nos espaços de formação: experiência no 2º Congresso Nordestino de Pediatria
Paraíba
Práticas
A (in) visibilidade de quem está em situação de rua: caminhos possíveis para cuidado em saúde
Paraíba
Práticas
Título: Autismo – uma causa municipal.
Paraíba
Práticas
Do ambulatório LGBTQIAPNB+ ao Café com Diversidade: garantindo acesso e fortalecimento de vínculos
Paraíba
Práticas
Atuação intersetorial nos casos suspeitos de TEA na primeira infância, um relato de experiência.
Paraíba
Práticas
Programa Bolsa Família: processo formativo para profissionais da atenção primária
Paraíba