Olá,

Visitante

Imuniza mais Xapuri

Categoria não especificada

O Projeto Imuniza mais Xapuri foi realizado com o intuito de que as equipes chegassem nas localidades mais distantes, e com isso levassem prevenção e imunização a população xapuriense, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Saúde através da Coordenação de Imunização municipal o projeto tem beneficiado a população, contribuindo para a melhoria na prevenção e na erradicação de doenças.

Os principais problemas diante da baixa cobertura vacinal foram motivadas por intensas campanhas de fake News e descrédito na imunização, bem como nas dificuldades geográfica já expostas pode-se dizer que isso se justifica com as peculiaridades da região de Xapuri. Porém como a maioria da população estão na zona rural foi intensificado uma ação durante todo o ano com mais equipes de vacinas para cobrir os lugares de difícil acesso, no momento em que o acesso for possível bem como intensificar a busca ativa na zona urbana, e para tanto foi realizado maior investimento na contratação de profissionais de vacinação e no material de apoio desde a caixa térmica até os meios de transportes seja terrestre ou fluviais.

Diante da baixa cobertura vacinal e das dificuldades enfrentadas, foi intensificado as ações de vacinação em Xapuri, além das salas de vacinas que funcionam todos os dias na zona urbana, foi investido em educação em saúde visando a sensibilização e conscientização da importância de se manter a vacinação em dia. Para isso foram capacitado os ACS para fazer a leitura dos cartões de vacina, que em suas visitas identificam e orientam a procurar a sala de vacina mais próxima, também uma parceria com o programa PSE (programa saúde na escola) que tem ajudado a alcançar os alunos e ainda intensificando as buscas ativas nos públicos alvos; Além do alinhamento com as equipes de Enfermagem e Médicas para que a consulta de Acompanhamento e Desenvolvimento da Criança seguindo o protocolo Nacional de Atenção da Básica para consultas de rotinas, assim verificando a situação vacinal das crianças e conseguindo imuniza-los dentro do período correto. Xapuri também aumentou as divulgações em mídias sociais, que tem sido uma estratégia importante tanto na zona urbana quanto na zona rural, indo além dos locais onde as redes sociais não alcançam, com a utilização de rádios locais de longo alcance devido a localidade de grandes distâncias somente esse meio para se comunicar como os Seringais Boa Viagem, São José e São Francisco do Iracema, respectivamente nos limites dos municípios como Capixaba, Sena Madureira e Assis Brasil, são nesses lugares mais distantes que o Projeto Imuniza mais Xapuri reforçou as equipes e a estrutura, com essa intensificação houveram resultados positivos. Ainda nesse contexto estamos reforçando nossa força humana com a contratação de mais equipe de vacinação e condições de acesso estamos recebendo reforço de quadrículos, moto e caminhonetes além de uma voadeira para atender os ribeirinhos.

Com o Imuniza mais Xapuri, o município conseguiu melhorar os índices vacinação atingindo 78% no indicador 5 do programa Previne Brasil Proporção de crianças de 1 (um) ano de idade vacinadas na APS contra Difteria, Tétano, Coqueluche, Hepatite B, infecções causadas por haemophilus influenzae tipo b e Poliomielite inativada. Em determinadas unidades de Saúde como é o caso da UBS José Francisco Silva, a nota no indicador foi de 95% no último quadrimestre de 2022; No entanto os desafios continuam, Xapuri seguirá nessa luta que não para, imunizar é prevenir, uma população imunizada é uma população protegida contra doenças que há muito tempo ceifava vidas. Continuaremos nessa luta de conscientização da população de que a vacina ainda é o melhor remédio contra algumas doenças como por exemplo a covid-19. Sem contar que com o crescimento da desinformação e/ou as FAKE NEWS, ALGUMAS DOENÇAS JÁ ERRADICADAS CORREM O RISCO DE VOLTAR, com muito trabalho Xapuri vem lutando no combate as fakes News e conseguindo imunizar a população, tornando assim a qualidade de vida do Xapuriense bem melhor.

Principal

ANTONIO VALDECI CACAU ROCHA

Coautores

MARICILDA PEREIRA DE ALBUQUERQUE

A prática foi aplicada em

Região

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

A prática foi cadastrada em

23 dez 2023

e atualizada em

23 dez 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Teste do Certificado
Minas Gerais
Práticas
ADESÃO DAS GESTANTES AO PRÉ-NATAL ODONTOLÓGICO: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO NA ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE
Paraíba
Práticas
A PRÁTICA DE PRIMEIROS SOCORROS NO CONTEXTO DE UM CURSO TÉCNICO PARA AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE
Paraíba
Práticas
Vacinação nos espaços de formação: experiência no 2º Congresso Nordestino de Pediatria
Paraíba
Práticas
A (in) visibilidade de quem está em situação de rua: caminhos possíveis para cuidado em saúde
Paraíba
Práticas
Título: Autismo – uma causa municipal.
Paraíba
Práticas
Do ambulatório LGBTQIAPNB+ ao Café com Diversidade: garantindo acesso e fortalecimento de vínculos
Paraíba
Práticas
Atuação intersetorial nos casos suspeitos de TEA na primeira infância, um relato de experiência.
Paraíba
Práticas
Programa Bolsa Família: processo formativo para profissionais da atenção primária
Paraíba