Olá,

Visitante

Impactos da formação de trabalhadores sobre práticas relativas ao uso racional de medicamentos: experiência no contexto do Plano Regional de Educação Permanente em Saúde (Pareps)

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), entende-se que há uso racional de medicamentos quando pacientes recebem medicamentos apropriados para suas condições clínicas, em doses adequadas às suas necessidades individuais, por um período adequado e ao menor custo para si e para a comunidade. A garantia desse direito ao usuário representa um desafio importante para as gestões municipais tanto pelos recursos e investimentos demandados pela assistência para a terapêutica farmacológica como pela capacidade resolutiva que os medicamentos apresentam enquanto tecnologia em saúde, além dos potenciais problemas decorrentes de seu mau uso. O município de Diadema (SP), integrante do Grupo Técnico de Assistência Farmacêutica do ABC, aderiu ao Plano de ação regional de educação permanente em saúde (PAREPS) como estratégia de formação dos trabalhadores e avanços no serviço no tema Uso Racional de Medicamentos (URM).

Descrever a influência de projetos desenvolvidos no contexto do PAREPS sobre práticas profissionais relativas ao uso racional de medicamentos no município de Diadema (SP). Sete unidades básicas de saúde desenvolveram projetos estimulados, apoiados e acompanhados por oficinas que incluíram trabalhadores, pesquisadores, tutores e gestores. Os temas abordados foram: adesão ao tratamento uso abusivo de analgésicos e anti-inflamatórios, armazenamento e descarte, além da polifarmácia. As principais estratégias para melhoria do uso de medicamentos nos serviços foram o emprego de práticas integrativas e complementares, a inclusão do farmacêutico na produção do cuidado em saúde, além do fortalecimento do trabalho interprofissional. Os trabalhadores envolvidos registraram em formulário aspectos de seu conhecimento e de suas práticas profissionais relativas ao tema, antes e após 6 meses do início do processo.

67 trabalhadores participaram do projeto, cujos resultados foram: processo de trabalho favorável a ações relacionadas ao uso racional de medicamentos (antes: 85% sim depois: 95% sim) percepção do profissional sobre participação de usuários nas decisões sobre o uso de medicamentos (antes: 72% sim depois: 81% sim). Momentos de discussões com a equipe sobre o uso racional, nos últimos 3 meses (antes: 40% sim depois: 100% sim). Participação do profissional em ação coletiva voltada ao uso racional de medicamentos (antes: 34% sim depois: 92% sim). Conhecimento sobre uso racional de medicamentos guiando práticas (antes: 67% sim depois: 100% sim). A estratégia da educação permanente como disparadora de ações interprofissionais teve impacto positivo sobre a percepção e práticas dos trabalhadores relativas à promoção do uso racional de medicamentos. Os resultados indicam que esse tipo de incentivo potencializa as condições favoráveis no ambiente de trabalho e viabiliza a criação de diversos mecanismos que podem qualificar a assistência à saúde e, consequentemente, contribuir para o fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS).

Principal

Claudia Fegadolli

cfegadolli@hotmail.com

Coautores

Karina Santos Rocha, Magda Kuchida Takano, Luiza Leitão De Oliveira Endo, Fabiana Banci Ferreira, Maria Ondina Paganelli

A prática foi aplicada em

Diadema

São Paulo

Sudeste

Esta prática está vinculada a

Prefeitura Municipal de Diadema

Alameda Itu, 282 - 72 - Cerqueira César, São Paulo - SP, 01421-000

Uma organização do tipo

Instituição Pública

Foi cadastrada por

Luis Claudio Sartori

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

21 jun 2024

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Incluir e apreender: parceria entre saúde e educação no acompanhamento multidisciplinar de escolares com necessidades especiais
Paraíba
Práticas
A educação permanente dos profissionais de enfermagem como estratégia no enfrentamento à dengue
Paraíba
Práticas
Oficina de atualizacao dos cadastros para melhoria da cobertura vacinal em Junco do Serido-PB
Paraíba
Práticas
Educação em gênero no SUS e a proteção integral à mulher em situação de violência na atenção primária
Paraíba
Práticas
Era uma vez, apresentando uma história de cuidado e amor – a importância da educação vacinal desde o berço
Paraíba
Práticas
Estratégia de comunicação pública voltada à saúde no ambiente digital em Campina Grande
Paraíba