Olá,

Visitante

Grupo de Cuidadores “o Amor Transpõe Barreiras”: Cuidando de que m Cuida

Este grupo de apoio para os cuidadores de portadores de necessidades especiais na localidade de Ouro Branco do Sul, município de Itiquira, surgiu da necessidade observada durante os atendimentos fisioterápicos do Centro de Reabilitação e NASF-AB onde os acompanhantes (cuidadores e/ou familiares) permaneciam no local do atendimento dos pacientes e relatavam dificuldades e desafios no cuidar, tais como: dificuldades de relacionamento dificuldades em aceitar e compreender as necessidades da pessoa cuidada necessidade de escuta e acompanhamento qualificado. Assim, diante da demanda observada, foi montado um grupo para os Cuidadores identificados durante os atendimentos da Fisioterapia e da Psicologia na localidade, onde estes foram convidados para os encontros.

Propiciar aos cuidadores de portadores de necessidades especiais um espaço de apoio, reflexão e promoção de cuidado e autocuidado físico e mental, proporcionando encontros para que os cuidadores conversem e troquem experiências entre si, recebendo or Os encontros são realizados regularmente, desde Maio de 2017, toda última quarta-feira do mês, com duração aproximada de 1 hora e 30 minutos, atendendo média de 30 cuidadores por encontro desde então. o grupo é coordenado por uma Fisioterapeuta e uma Psicóloga, do NASF-AB, que se encarregam de todo mês levar um tema para discussão, que seja de interesse dos cuidadores, e um profissional da área relacionado ao tema para nortear os encontros. as discussões dos temas ocorrem em formato de Roda de Conversa que, de acordo com Tajra (2015) constitui-se como um espaço de trocas onde profissionais e usuários tem a mesma oportunidade de contribuir com ideias, experiências e saberes.

Foi observado, e também verbalizado pelos próprios cuidadores que participaram dos encontros, que estes conseguem sentir no grupo um espaço de apoio e de reflexão. o aumento da percepção dos cuidadores da necessidade de se cuidar e ser cuidado também foi nítida durante as Rodas de Conversa, dinâmicas e ações realizadas. A troca de experiências entre os cuidadores e profissionais existiram em todos os encontros. Foi percebido que houve significativa melhoria da qualidade de vida dos cuidadores e maioria dos participantes relataram também melhoria no convívio e compressão das necessidades da pessoa cuidada por eles.Pôde-se observar que o grupo de cuidadores “deu certo” e acabou constituindo-se como um espaço rico de discussões e trocas de ideias e experiências em nossa localidade. o grupo de cuidadores “o amor transpõe barreiras” segue em pleno funcionamento, buscando maior participação entre o público-alvo para o grupo, reciclando-se, recriando-se e reinventando-se a cada ano e a cada nova necessidade dos cuidadores.

Principal

Rogéria Batista Bortole

psico.rogeriabbortole@gmail.com

Coautores

Renata Rodrigues De Matos, Flávio Alexandre Dos Santos, Cláudia Regina Lacerda

A prática foi aplicada em

Mato Grosso

Centro-Oeste

Instituição

Rua Da Travessa S/N, Bairro Ouro Branco Do Sul Cep 78790-000 Itiquira/Mt

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Flávio Alexandre Dos Santos

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

23 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
TEA/TDAH: inclusão sem discriminação
Paraíba
Práticas
Visita de luto – uma atitude humanizada
Rio de Janeiro
Práticas
Vacinação Sem Barreiras: um Grande Desafio
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Vacinação: Estratégias para o Aumento da Cobertura Vacinal no Município de Barrolândia – TO
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Plano de Recuperação do Faturamento Ses/Df
Distrito Federal
Práticas
Sala de Situação Ses-Df
Distrito Federal
Práticas
Rede Inovases
Distrito Federal
Práticas
Diagnóstico de Atendimento da População Hipertensa/Diabética da Equipe 474/06
Distrito Federal