Olá,

Visitante

Farmácia Viva- Arranjo Produtivo Local de Plantas Medicinais e Fitoterapia de Nobres -Mt Brasil

FINALIDADE DA EXPERIÊNCIA: O projeto objetiva organizar o Arranjo Produtivo Local – APL, contemplando políticas públicas, nacional e municipal para produção de plantas medicinais, drogas vegetais e fitoterápicos com inserção da prescrição médica e dispensação nos Postos de Saúde da Família de Nobres, através da implantação de Farmácia Viva em Nobres. DINÂMICA E ESTRATÉGIAS DOS PROCEDIMENTOS USADOS: Desenvolvimento de produtos (viveiros, hortos, oficina farmacêutica, plantas medicinais in natura, drogas vegetais e fitoterápicos) e a capacitação de pessoas, podendo com o projeto que já se encontram em andamento e com a aprovação desse projeto de APL para Nobres, atender parte da demanda farmacêutica da população de Nobres e, em consorciamento e autorização dos órgãos reguladores, também atender às demandas dos municípios vizinhos. INDICADORES/VARIÁVEIS/COLETA DE DADOS: Cultivo dentro das normas de boas práticas agroecológico e orgânica implantado durante os 2 anos do projeto

A história da prática da fitoterapia pela população de Nobres é tão antiga quanto o do próprio município, mas sua importância no contexto da Saúde Pública se propagou após a institucionalização do Programa Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos (PNPMF) do MS, a partir de 2009, resultando em importantes pesquisas realizadas no município de Nobres, as quais destacaram a importância da cultura tradicional sobre plantas medicinais. Arranjo Produtivo Local – APL, contempla políticas públicas, nacional e municipal para produção de plantas medicinais, drogas vegetais e fitoterápicos com inserção da prescrição médica e dispensação nos Postos de Saúde da Família de Nobres, através da implantação de Farmácia Viva em Nobres.

Resultou em importantes pesquisas realizadas no município de Nobres, as quais destacaram a importância da cultura tradicional sobre plantas medicinais, resultando em alguns trabalhos: MEDEIROS, TOREZAN (2010) “Plantas Medicinais em Matas de Galeria do Município de Nobres”

Principal

Isanete Bieski,Domingos Tabajara de Oliveira Martins

isabieski20@gmail.com

A prática foi aplicada em

Mato Grosso

Centro-Oeste

Instituição

Pc Josino Serra, 33

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Isanete Bieski,Domingos Tabajara de Oliveira Martins

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

04 set 2022

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Mindfulness, uma estratégia para redução da ansiedade e manejo de peso
Rio Grande do Sul
Práticas
As PICS como ferramenta potencializadora no cuidado a saúde do trabalhador
Paraíba
Práticas
Práticas integrativas em um grupo tereapêutico “equilíbrio das emoções”
Paraíba
Práticas
Auriculoterapia uma práticas integrativas: como alternativa complementar no tratamento da ansiedade
Paraíba
Práticas
IMPLANTAÇÃO DE PRÁTICA INTEGRATIVA E COMPLEMENTAR NA REDE DE ATENÇÃO A SAÚDE DE QUEIMADAS-PB
Paraíba
Práticas
A terapia comunitária integrativa como inclusão e bem-estar na terceira idade.
Rio de Janeiro
Práticas
Implantação do Centro de Referência em MTC e Práticas Integrativas no Município de Duque de Caxias
Rio de Janeiro
Práticas
Planejamento orientativo do CTA/SAE Juara – MT, sobre protocolo de PEP às farmácias do Vale do Arinos.
Mato Grosso