Olá,

Visitante

Elaboração Participativa do Plano Municipal de Saúde de Jaraguá do Sul (Sc)

A disponibilidade de infraestrutura adequada e contínua atualização nas técnicas e métodos de planejamento além do conhecimento das peculiaridades que cercam o SUS e do quadro epidemiológico do município são condições fundamentais para a coordenação do processo de elaboração do Plano Municipal de Saúde. OBJETIVOS:O objetivo do trabalho é apresentar a metodologia utilizada para a elaboração do Plano Municipal de Jaraguá do Sul a qual se baseou nos Cadernos de Planejamento do Sistema de Planejamento do SUS (Planejasus) e no Guia para Elaboração do Plano Municipal de Saúde elaborado pela Gerência de Planejamento do SUS da Secretaria de Estado da Saúde de Santa Catarina. DESCRIÇÃO: Previamente a elaboração do Plano Municipal de Saúde foi realizado um amplo diagnóstico situacional do município, levantando-se dados populacionais, renda, estrutura sanitária, estrutura de saúde, recursos humanos, séries históricas de: taxa de natalidade, taxa de mortalidade infantil e materna, taxa de mortalidade (geral, por sexo, por causa) taxa de morbidade hospitalar, indicadores do COAP. Para o processo de elaboração do Plano foi solicitado, pela coordenação do mesmo, que cada Diretoria da Secretaria Municipal de Saúde indicasse entre 10 a 15 colaboradores de sua área para participarem das Oficinas de elaboração, também foram enviados convites ao Conselho Municipal de Saúde, Gerência Regional de Saúde e Hospitais conveniados do SUS. Foram realizadas 3 Oficinas com a participação dos atores indicados pelos segmentos convidados, além de inúmeras reuniões com técnicos da Secretaria Municipal de Saúde para discussão e definição de ações a serem incluídas no Plano para enfrentamento dos problemas levantados nas Oficinas, além de ações para contemplar as propostas indicadas pela Conferência Municipal de Saúde e pelo Plano de Governo. RESULTADO:O resultado deste processo foi um documento com 186 páginas, elaborado de forma participativa, elogiado e aprovado pelo Conselho Municipal de Saúde.

Para que o Plano Municipal de Saúde sintetize um processo de decisão sobre o conjunto de problemas relacionados à saúde a serem enfrentados pelo município, é importante na sua elaboração, além da análise das informações acerca da situação de saúde do município (diagnóstico situacional), a participação de diversos atores sociais como: dirigentes, profissionais de saúde, técnicos administrativos, conselheiros municipais de saúde, representantes de hospitais conveniados SUS, representantes da gerência regional de saúde, além de privilegiar proposições da Conferência Municipal de Saúde. Participaram diretamente da elaboração do Plano Municipal de Saúde de Jaraguá do Sul, para o período 2014/2017, mais de 70 atores sociais.

Principal

Fabiana Dallagnolo Müller

A prática foi aplicada em

Jaraguá do Sul

Santa Catarina

Sul

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

cerestduquedecaxias@hotmail.com

Foi cadastrada por

Fabiana Dallagnolo Müller

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

A prática foi cadastrada em

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Avaliação da Qualidade e Satisfação do Usuário do SUS com os Hospitais Conveniados
Mato Grosso
Práticas
Análise Institucional dos Conselhos de Saúde de Joinville
Santa Catarina
Práticas
Condições do financiamento em saúde nos municípios de Pernambuco
Pernambuco
Práticas
Conhecendo a Realidade de Saúde de Trabalhadores na Agricultura por Meio de Escutas Itinerantes
Distrito Federal
Práticas
Gestão Estratégica e Participativa no SUS: Relato de Experiência da Implantação dos Conselhos Distritais e Locais de Saúde em João Pessoa ? Pb.
Paraíba
Práticas
Organização do Sistema Loco-Regional das Pacientes com SUSpeita de Câncer de Mama no Hospital Regional de Cotia
São Paulo
Práticas
A Arte da Escuta
São Paulo
Práticas
A Pesquisa de Satisfação dos Usuários SUS em Hortolândia: o Fortalecimento da Participação Popular
São Paulo
Práticas
Ouvidoria Ghc – Espaço de Escuta e de Participação Popular
Rio Grande do Sul
Práticas
Educação Popular, Saúde e Participação Popular: Relato de Experiência de Projeto de Intervenção de Estudantes de Medicina em uma Comunidade
Paraíba