Olá,

Visitante

Busao da Vacina

Categoria não especificada

Devido à baixa cobertura vacinal e falta de adesão da população nas ações de imunização, a Prefeitura de Cacoal, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, adaptou um ônibus para a realização de ações de vacinação contra a Covid-19 e demais vacinas do calendário vacinal para atender a população em geral (crianças, adultos e idosos) de forma itinerante em pontos estratégicos dos bairros, indústrias e zona rural de Cacoal RO. O ônibus foi adaptado para ser uma unidade móvel de saúde, climatizada e com elevador para atender pessoas com dificuldade de locomoção, como cadeirantes, pessoas com deficiência e idosos.

Como fragilidade podemos citar a insuficiência de servidores e de vacinadores para as ações de vacinação e registro adequado das doses aplicadas, sendo necessário a disponibilização de mais servidores para que possa ser verdadeiramente efetivado o busão de vacina itinerante, de forma segura e continua. E por outro lado temos uma população que está com medo de ser vacinada, devido às campanhas publicitarias anti-vacina, sendo necessário uma campanha de sensibilização em nível nacional.

Houve um aumento significativo na cobertura vacinal da vacina contra Covid-19, influenza e das vacinas de rotina em adolescentes, adultos e idosos, mas o marco principal foi a vacinação das pessoas susceptíveis, as quais não tinham aderido a vacinação devido à dificuldade de acesso geográfico e cultural; a sensibilização “corpo a corpo”, bem como a disponibilidade da vacina na “porta da casa” e a parceria dos governantes (prefeito, vereadores, secretário de saúde, presidentes de bairros e outras autoridades) nas ações desenvolvidas, também contribuiu para o êxito da ação.

A atuação nas ações de imunização do “BUSÃO DA VACINA” itinerante com certeza é uma ação eficiente para a melhoria das coberturas vacinais e busca dos faltosos em locais de difícil acesso geográfico e cultural; não somente por ser uma ação num veículo móvel e itinerante; mas também, o êxito da ação do BUSÃO DA VACINA se deve ao envolvimento de toda equipe da secretaria de saúde e da área de abrangência da UBS, dos governantes e mídia local, onde os esforços somados impactaram a população dessas localidades de difícil acesso, ação essa de importância de tal magnitude, até então não vista com um olhar de “importância” por essa população, que até certo ponto, se sentia a mercê do acaso.

Principal

Ivani Claudete Gromann

Coautores

Janayna Calumby Paulo Gomes, LOIANE CLAIRE BIANQUI

A prática foi aplicada em

Região

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

A prática foi cadastrada em

23 dez 2023

e atualizada em

23 dez 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Consultório na Rua: Vivenciado uma Gestão Participativa e Significativa para o Cuidado de Pessoas em Situação de Rua
Bahia
Práticas
Comunicare – Redes Temáticas
Minas Gerais
Práticas
Digite Saúdeeste Portal de Saúde Alinha de Forma Interativa, Gestores, Provedores, Médicos e Usuários Permitindo Alto Impacto e Grande Alcance, Melhorando a Coleta de Dados e os Resultados obtidos.
São Paulo
Práticas
Cuidar e Acolher Um Sonho Possível
Sergipe
Práticas
Estratificação de Pacientes Ambulatoriais Através de Rotas Permite Que Pacientes em Situação de Risco Não Fiquem Esquecidos na Linha de Cuidados Ambulatoriais.
Paraná
Práticas
Capacitação Multiprofissional para o Uso da Tecnologia na Estratégia Saúde da Família: uma Importante Estratégia na Pandemia de Covid-19
Rio de Janeiro
Práticas
Objeto de Aprendizagem Sobre o Calendário Vacinal de Pessoas Vivendo com Hiv/Aids para Profissionais de Saúde
Rio Grande do Sul
Práticas
Guia Prático para o Auxílio das Equipes de Estratégia Saúde Dafamília na Prática das Ações do Programa Saúde na Escolaem Um Município do Litoral Norte do Rio Grande do Sul
Rio Grande do Sul
Práticas
O Papel da ouvidoria: Um Espaço Dinâmico e Democratico: Relato de Experiência de Um ouvidorSUS
Paraíba
Práticas
Telemedicina: o Telediagnóstico de Espirometria Como Estratégia de Fortalecimento da A.P.S.
Rio de Janeiro