Olá,

Visitante

Atualização Caderneta Vacinal no Pec como Estrategia de Ampliação de Busca Ativa Vacinal

Categoria não especificada

Em agosto de 2022 foi realizada a Implantação do Prontuário Eletrônico do Cidadão –PEC na Atenção Primaria a Saude, composta de 4 (quatro) equipes da Estratégia Saude da Família e Saude Bucal. O modulo de vacinação do PEC se caracteriza como uma ferramenta riquíssima de organização do processo de trabalho do registro das vacinas como também como potencializador do fortalecimento do Programa Nacional de Imunização, tendo em vista que apresenta a caderneta de vacinação de acordo com o a faixa etária, sinalizando as vacinas que já foram tomadas, as que estão no tempo adequado para aplicação e as que estão em atrasos. Essa visualização disponível para qualquer profissional no atendimento, diversas categorias profissionais relatam dificuldades com o manejo de vacinas, tal dificuldade acaba por limitar a capacidade de busca ativa vacinal de usuários que frequentam as unidades básicas de saude na utilização dos outros serviços para além da sala de vacina, a forma com o que a caderneta de vacinação está apresentada no PEC faz com que todos os profissionais de saude consiga identificar se a imunização está em dia, ou se existem doses em atrasos, e encaminharem o usuário para o serviços de vacinação. Com isso ao Implantarmos o PEC, realizamos também uma estratégia de atualização da caderneta de vacinação no PEC para as crianças de a 5 anos do território municipal.

Realizado alguns momentos de Educação Permanente com as Equipes e no tocante a rotina de vacinação foram relatados pelos profissionais um sentimento de percepção da desvalorização da rotina de vacinação por parte de responsáveis das crianças, o que é diferente de rejeição vacinal em si, então buscar estratégias que revitalize a busca ativa vacinal são necessárias. No momento de implantação do PEC foi visualizado que muitas vacinas não estavam apresentadas no modulo de vacinação, o que nos despertou para a realização da atualização da caderneta no PEC, então reunimos os Agentes Comunitários de Saude e apresentamos o problema, como solução, ATUALIZAÇÃO CADERNETA VACINAL NO PEC COMO ESTRATÉGIA DE AMPLIAÇÃO DE BUSCA ATIVA VACINAL

ATUALIZAÇÃO CADERNETA VACINAL NO PEC COMO ESTRATÉGIA DE AMPLIAÇÃO DE BUSCA ATIVA VACINAL. Os ACS se articularam com os responsáveis das crianças de 0 a 4anos 11 meses e 29 dias para terem acesso a Caderneta de Vacinação física de cada uma delas, de posse da informação, os dados de vacinação foram atualizados no sistema PEC pelas equipes da ESF pela ferramenta transição de caderneta, se verificado a existência de alguma vacina em atraso o ACS encaminha para a Sala de Vacina de referência do usuário, e foram encontradas diversas doses em atraso. No período de novembro e dezembro de 2022 foram atualizados 83% dos cartões de vacinação das crianças de 0 a 4anos 11 meses e 29 dias no PEC. Tivemos como resultados a melhoria da cobertura vacinal do município comparando o ano de 2021 com 2022. SÃO RAFAEL Estimativa 76 75 Imuno 2021 2022 BCG 94,74 124 HEP B 94,74 125,33 ROTAVIRUS 97,37 114,67 PENTA 94,74 125,33 VIP 94,74 126,67 PNM 10 96,05 110,67 MENIGO C 93,42 109,33 HEP A 96,05 90,67 T VIRAL D1 39,47 93,33 T VIRAL D2 125 94,67 VARICELA 152 153 Bem como o atingimento da Meta do Indicador de Vacinação do Programa Previne Brasil, considerando que o resultado do indicador do 3º quadrimestre não chegou a 100% em virtude de uma criança portadora de síndrome rara que não se vacina por ordem medica. 1º quadrimestre 2022 – 82% 2º quadrimestre 2022 – 79% 3º quadrimestre 2022 – 97% E percebemos como dificuldade no PEC a categoria profissional dos ACS’s não conseguir realizar a visualização da Caderneta de Vacinação dos usuários do seu território. Tal possibilidade potencializaria a oportunidade de busca ativa vacinal.

É necessário retomar a valorização da rotina de vacinação, ampliando o acesso, utilizando todos os espaços existentes no território para se falar sobre vacina, já que temos no Programa Nacional de Imunização vacinas para todas as faixas etárias, a ATUALIZAÇÃO CADERNETA VACINAL NO PEC COMO ESTRATÉGIA DE AMPLIAÇÃO DE BUSCA ATIVA VACINAL é permanente na atualidade e para além da faixa etária de 0 a 4anos 11meses e 29 dias, ao se chegar na sala de vacina a atualização da caderneta vai sendo realizada, recebemos na sala de vacina usuários encaminhados por profissionais de saúde de diversas categorias que perceberam por meio da verificação do modulo de vacinação a existência da necessidade de alguma vacina. Então vamos seguindo pautando a imunização em todos os espaços existentes.

Principal

LIDJA KALLINY GOMES DOS SANTOS

Coautores

Francisca Francicleide Almeida, Heloisa Cristalina Januario Alves, Rennylma Pinheiro Valentim, Silvia Marina Tavares dos Santos, Andressa de Franca Rodrigues Lopes, Fernanda Maria Morais da Silva, Ana Biatriz Reboucas Barros , Franciene Mayara Borges de Araújo

A prática foi aplicada em

Região

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

A prática foi cadastrada em

23 dez 2023

e atualizada em

23 dez 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
ADESÃO DAS GESTANTES AO PRÉ-NATAL ODONTOLÓGICO: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO NA ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE
Paraíba
Práticas
A PRÁTICA DE PRIMEIROS SOCORROS NO CONTEXTO DE UM CURSO TÉCNICO PARA AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE
Paraíba
Práticas
Vacinação nos espaços de formação: experiência no 2º Congresso Nordestino de Pediatria
Paraíba
Práticas
A (in) visibilidade de quem está em situação de rua: caminhos possíveis para cuidado em saúde
Paraíba
Práticas
Título: Autismo – uma causa municipal.
Paraíba
Práticas
Do ambulatório LGBTQIAPNB+ ao Café com Diversidade: garantindo acesso e fortalecimento de vínculos
Paraíba
Práticas
Atuação intersetorial nos casos suspeitos de TEA na primeira infância, um relato de experiência.
Paraíba
Práticas
Programa Bolsa Família: processo formativo para profissionais da atenção primária
Paraíba
Práticas
As PICS como ferramenta potencializadora no cuidado a saúde do trabalhador
Paraíba