Olá,

Visitante

Programa São Luís em Movimento, Circuito Saúde: Aspectos Relevantes Sobre Atendimento da Atenção Básica de Saúde para Feirantes e Comunidades.

ObjetivoObjetivo Geral: Analisar o impacto positivo do Programa São Luís em Movimento que viabiliza promoção, prevenção, diagnóstico e orientação para a qualidade de vida dos feirantes e comunidades de São Luís/MA.MetodologiaA pesquisa retrata um estudo de campo, ligadas às ações de saúde realizada pelo “Programa São Luís em Movimento, Circuito Saúde” tendo como amostra os bairros: Bairro de Fátima, Anil, Santa Cruz, Vila Palmeira, Mercado do Peixe (Centro), João Paulo, Anjo da Guarda e São Cristovão em São Luís-MA. O período de estudo compreende os meses de agosto, setembro, outubro e novembro do ano de 2018, é de natureza descritiva com abordagens qualitativa e quantitativa. Possui ainda aspecto observacional por método indutivo, assim, a pesquisa tem foco na vivência concreta da equipe multiprofissional dentro das feiras livres.

A feira é um espaço organizado caracterizado pela necessidade de compra de mercadorias de consumo alimentício, obtendo uma função social de grande relevância, que proporciona uma manifestação que não é apenas social e econômica, mas integra também o aspecto cultural. Se configuram historicamente como espaço dinâmico de convívio comercial que interage diretamente no aspecto social e cultural de uma população, tornando-se a identidade de um povo. Assim como a sociedade está em constante dinâmica e mudança, as feiras, como atividade tecida junta às comunidades acompanham esse contexto da humanidade. Habitualmente são partícipes fundamentais os feirantes, os fregueses, comerciantes e transeuntes que proporcionam a rotatividade e mobilidade constante, essa interação é uma forma antiga de comércio.

O costume de compra e venda de alimentação constitui funções culturais de pessoas que convivem em sociedade, esses espaços são as feiras livres. O relato tem como sujeito principal o feirante, sua saúde e seus hábitos, assim como forma de combater os riscos e agravos de doenças. Em geral, os feirantes apresentam um conhecimento superficial sobre riscos de doenças,para que as ações sejam cada vez mais eficazes é necessária constante conscientização e sensibilização para que os feirantes percebam.

Principal

Eva Maria Reis Guimarães

A prática foi aplicada em

Maranhão

Nordeste

Instituição

São Luís

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Ideiasus/Fiocruz, Conasems

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

08 ago 2016

e atualizada em

22 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Estratégias de imunização em município do interior da Paraíba resulta em 1º lugar no estado durante campanha de influenza 2024 : relato de experiência
Paraíba
Práticas
Os caminhos para alcançar os indicadores de desempenho do Previne Brasil pelo município de Bom Jesus (PB)
Paraíba
Práticas
ADESÃO DAS GESTANTES AO PRÉ-NATAL ODONTOLÓGICO: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO NA ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE
Paraíba
Práticas
A PRÁTICA DE PRIMEIROS SOCORROS NO CONTEXTO DE UM CURSO TÉCNICO PARA AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE
Paraíba
Práticas
Programa Bolsa Família: processo formativo para profissionais da atenção primária
Paraíba
Práticas
Humanização na prática do cateterismo vesical de demora na atenção básica.
Paraíba