Olá,

Visitante

Pratica Clínica na Atenção Primaria em Rio bonito- RJ: uma experiência visando o aperfeiçoamento da assistência médica nas áreas de obstetrícia, ginecologia e pediatria.

: Em 2023, após a realização de uma análise dos encaminhamentos realizados pela Atenção Primária para a Rede Especializada, a Secretaria Municipal de Saúde em Rio Bonito- RJ identificou uma considerável demanda reprimida com relação a atendimentos pediátricos, ginecológicos e obstétricos. Diante disso, buscamos entender qual seria o problema a ser resolvido para que o público alvo: mulheres, gestantes e crianças, fossem atendidos com maior resolutividade possível. Com esse intuito, analisamos os respectivos direcionamentos e assim, evidenciamos que muitos dos problemas levantados como motivos de encaminhamento tratavam-se de questões de solução na Atenção Primaria (APS).
Desta forma, tendo em vista a qualificação da assistência e resolutividade na APS, iniciou-se a estratégia de Educação Permanente em Saúde (EPS) para realizar protocolos de saúde instituidos e aperfeiçoar os atendimentos dos médicos da Estratégia da Saúde e da Família.
Esse trabalho visa apresentar uma experiência que busca a primorar a Atenção Primária, entendendo- a como porta de entrada e estratégia fundamental para desafogar a Atenção Especializada do Municipio.OBJETIVO GERAL: Qualificare dar resolutividade da assistenciamédica a mulheres, Gestantes e Crianças na Atenção Primaria através da Educação em Saúde.
OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
– Zerar a fila de espera no atendimento especializado
– Fortalecer o vinculo entre os medicos da Rede
– Qualificar a assistencia
– Promover praticas clinicas reflexivas e criticas

Em 2023, após a realização de uma análise dos encaminhamentos realizados pela Atenção Primária para a Rede Especializada, a Secretaria Municipal de Saúde em Rio Bonito- RJ identificou uma considerável demanda reprimida com relação a atendimentos pediátricos, ginecológicos e obstétricos. Diante disso, buscamos entender qual seria o problema a ser resolvido para que o público alvo: mulheres, gestantes e crianças, fossem atendidos com maior resolutividade possível.

A experiência teve inicio em 05/2023 e em 10/2023 a demanda reprimida de pediatria foi zerada
– Atualmente não temos demanda reprimida em Ginecologia.
– Os casos de morte materna do municipio no seguinte ano foram zerados.
– Toda equipe da Atenção Primaria passou por uma serie de capacitações presenciais abordando os mais diversos temas envolvendo a saude Materno Infantil para que fosse fortalecida a autonomia profissional, os protocolos assistencias e o SUS.

A Educação Permanente em Saúde (EPS) é fundamental na gestao em saude e tras uma concepção de trabalho no SUS como aprendizagem cotidiana e comprometida com os coletivos. Considerando os profissionais como principais detentores da tomada de decisão sobre acolher, respeitar, ouvir, cuidar e intervir com elevada qualidade e acertividade. A EPS reconhece o cotidiano como lugar de invenções, acolhimento de desafios e substituição criativa de modelos por práticas cooperativas, colaborativas, integradas e na escutada diversidadeno territorio considerando sua identidade. A mudança das estratégias de organização e do exercício da atenção, da gestão, da participação ou da formação é construída na prática de equipes, sendo considerado a necessidade de implementar um trabalho relevante, de qualidade e resolutividade. As demandas para qualificação ou especialização são demandas para a promoção de pensamentos e ações estrategicas.
Recomendamos a utilização da EPS como ferramenta de gestão em saude para alcance de metas e reorientação nos processos de trabalho, sempre visando a melhoria da assistencia prestada aos usuarios.

Principal

Erika Grugel Lima

Coordenação ESF

Coautores

Erika Grugel Lima e Fernanda Gross

A prática foi aplicada em

Rio Bonito

Rio de Janeiro

Sudeste

Esta prática está vinculada a

Rodovia Br101 - Praça Cruzeiro - Rio Bonito

Uma organização do tipo

Instituição Pública

Foi cadastrada por

Renata Almeida martins

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

02 abr 2024

e atualizada em

02 abr 2024

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Implantação de laserterapia na rede de atenção à saúde de Pilar (PB): relato de experiência
Paraíba
Práticas
Atenção e cuidado ao paciente portador de feridas no SUS em Pilar (PB)
Paraíba
Práticas
Oferta e Inserção do DIU pelo Enfermeiro na Atenção Primária a Saúde do Município de Assunção
Paraíba
Práticas
A prática da natação para crianças e adolescentes com deficiência em município do sertão paraibano
Paraíba
Práticas
Potencializando ações e atendimentos itinerantes nos bairros para melhoria e alcance de metas
Paraíba
Práticas
Implantação do cuidado farmacêutico na atenção básica, integrando farmácia a rede de atenção a saúde
Paraíba
Práticas
A eficácia do instrumento de classificação de risco gestacional na atenção primaria à saúde.
Paraíba